Braskem e Abitelha apresentam novidades em PVC na maior feira de coberturas do país

Sustentáveis e inovadoras, as telhas em PVC devem atingir 15% do mercado de coberturas em 10 anos, com economia de 25% em relação às telhas convencionais

Em parceria com a Abitelha (Associação Brasileira da Indústria de Telhas de PVC), a Braskem esteve presente na TeCobI Expo 2014, evento que exibiu as principais novidades sobre telhados, coberturas, lajes e impermeabilização. A feira ocorreu entre os dias 20 e 22 de maio, no Transamérica Expo Center, em São Paulo, reunindo mais de 6 mil visitantes, entre engenheiros, arquitetos, empreiteiros, revendedores e distribuidores de materiais de construção, com 150 marcas expositoras.

Braskem e Abitelha apresentaram os benefícios e crescimento das telhas de PVC, que têm um enorme potencial de mercado no país. Com expectativa de atingir 15% do mercado nacional em 10 anos, a cobertura oferece diversas vantagens, como maior praticidade e durabilidade, economia e variedade, além de ser sustentável e inovadora. O produto é ainda até 25% mais barato se comparado às telhas convencionais, dispensa a utilização de caibros e ripas para sua sustentação e oferece mais segurança, por ser resistente a chamas, por exemplo.

Primeira fabricante do item no país, com início da comercialização em 2011, a mineira Precon também esteve no evento. O produto disponível hoje no Brasil foi desenvolvido com tecnologia chinesa em parceria com a Braskem, fornecedora do PVC, que também foi parceira da empresa para adaptar a tecnologia ao país e identificar o maquinário apropriado para a produção do item. Hoje, o Brasil já conta com seis fabricantes de Telhas PVC e uma produção de aproximadamente 11 mil toneladas. Registrado em 2013, o número é quase quatro vezes superior à produção inicial.

“O crescimento e o potencial para este mercado mostram que as soluções em PVC, já presentes em diversos setores da infraestrutura brasileira, podem ajudar diretamente no desenvolvimento do país, em especial nas áreas de saneamento e construção”, diz Américo Bartilotti, diretor da área de vinílicos da Braskem. “Além disto, as telhas PVC podem representar, para nossos clientes, uma possibilidade de diversificar seus portfólios, possibilitando a atuação em um novo segmento e consequente consolidação no mercado”, conclui o executivo.

Fonte: Braskem

Curta nossa página no

Tags: , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: