Posts Tagged ‘Troca Rápida de Moldes’

Plástico Brasil 2019 apresenta sistema inovador automatizado para Troca Rápida de Moldes

20/03/2019

  • Em parceria com Romi e Stäubli, feira será anfitriã do espaço SMED – Single Minute Exchange of Die – Troca Rápida de Moldes
  • Em 2017, Plástico Brasil apresentou a primeira versão do SMED. Neste ano, o processo está totalmente automatizado

Diminuir o tempo de setup para troca de moldes é um dos grandes desafios da indústria de injeção de plásticos para ganhar produtividade e competitividade. A Plástico Brasil – Feira Internacional do Plástico e da Borracha apresentou, já em sua edição inaugural, em 2017, o inédito espaço SMED – Single Minute Exchange of Die – Troca Rápida de Moldes. A versão demonstrada na ocasião representava uma redução significativa no tempo de setup, inferior a 10 minutos (o “single minute” do nome).

Na Plástico Brasil deste ano, de 25 a 29 de março, no São Paulo Expo, os visitantes poderão conferir uma versão aprimorada do sistema. Numa parceria com as empresas Romi e Stäubli, a troca rápida de moldes no espaço SMED se dará de maneira totalmente automatizada, sem interação humana.

A injetora utilizada será a ROMI EN 170, equipada com um sistema de troca rápida de moldes composto por mesas troca-moldes, placas magnéticas e sistemas de multiacoplamentos rápidos. Todo o ciclo – carregamento, fixação e conexão dos moldes – é realizado ao vivo e em tempo real inferior a 5 minutos, sem necessidade de operador. A própria injetora informa para o sistema automatizado qual o molde necessário para o próximo lote e carrega a receita de programação.

Este inovador sistema de SMED está alinhado com o conceito da Indústria 4.0, que busca a total integração dos equipamentos e sistemas de gerenciamento de produção, reduções de custos, menores riscos de acidentes, redução de falhas no processo de setup e maior produtividade dos equipamentos.

Para Ricardo Braghittoni, gerente da divisão Conector da Stäubli no Brasil, a troca rápida de moldes automatizada garante flexibilidade, produtividade e eficiência para as empresas. “É um dos caminhos para ganhar produtividade no mundo globalizado”. O executivo destaca que a apresentação na Plástico Brasil vai mostrar os passos para os transformadores avançarem em direção a um processo mais moderno para suas plantas.

William dos Reis, diretor da Unidade de Máquinas para Plásticos da Romi, reafirma o foco da empresa em integrar processos e garantir produtividade no desenvolvimento de novas soluções. “Sendo um dos pilares da Indústria 4.0 a integração entre homem e máquina, nosso principal objetivo é oferecer máquinas com alta tecnologia que atendam à nova geração da indústria e sejam referência no mercado plástico” conta o executivo.

Em seus respectivos estandes, Romi e Stäubli manterão equipes de atendimento para tirar dúvidas dos visitantes e desenvolver soluções customizadas de troca rápida de moldes automatizada.

A Indústrias Romi S.A., fundada em 1930, é líder na indústria brasileira de máquinas e equipamentos industriais. A Companhia fabrica máquinas-ferramenta, com foco em tornos, tornos CNC, centros de torneamento e centros de usinagem; máquinas injetoras e sopradoras de termoplásticos; e peças fundidas em ferro cinzento e nodular, que podem ser fornecidas brutas ou usinadas. Os produtos e serviços da Companhia são vendidos mundialmente e utilizados por uma grande variedade de indústrias, tais como automotiva, de bens de consumo, máquinas em geral, equipamentos industriais e agrícolas.

A Stäubli é uma provedora de soluções mecatrônicas com três divisões dedicadas: têxtil, conectores e robótica. Emprega mais de 5.000 pessoas e no ano passado alcançou um volume de negócios de 1,25 bilhão de francos suíços. Fundada em 1892 como uma pequena empresa de Horgen, perto de Zurique, a Stäubli é hoje uma empresa multinacional com sede em Pfäffikon, na Suíça. Seus doze locais de produção industrial estão localizados em todos os continentes. Diversas subsidiárias de vendas e serviços dão a sua presença em 29 países, e tem representação em mais de 50 outros.

Sobre a Plástico Brasil

Uma iniciativa da ABIMAQ – Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos e ABIQUIM – Associação Brasileira da Indústria Química e Informa Exhibitions, a feira vai reunir mais de 800 marcas nacionais e internacionais, que representam os setores de máquinas, equipamentos e acessórios, matérias-primas e resinas, moldes e porta moldes, automação industrial e robótica, periféricos, entre outros produtos, serviços e soluções.

Parte significativa das marcas expositoras é representada por 13 países: Alemanha, Argentina, Áustria, China, Estados Unidos, Hungria, Índia, Itália, México, Portugal, Taiwan, Turquia e Suíça, sendo que quatro deles – Alemanha, Áustria, China e Itália – participam com grupos de empresas reunidas em seus respectivos pavilhões. Mais de 60 entidades representativas nacionais e internacionais já garantiram seu apoio ao evento.

São esperados mais de 45 mil visitantes, entre transformadores de plástico, compradores e demais profissionais da construção civil, alimentos e bebidas, embalagens, automóveis e autopeças, perfumaria, higiene e limpeza, farmacêuticos, entre outros.

A feira vai oferecer uma programação técnica com cerca de 80 horas de seminários, palestras e workshops, a maioria deles gratuita, como o Parque de Ideias, VDI Road Show, 1º Abinfer Business Center – ABC 2019, PETtalk 2019, SEBRAE Móvel, SENAI – Escola Móvel de Indústria 4.0 e o SMED (Single Minute Exchange of Die), demonstração de troca rápida de moldes.

Ao lado dos negócios, conhecimento e relacionamento, a Sustentabilidade é um dos pilares da Plástico Brasil 2019. A feira vai destacar uma série de ações que visam não só colaborar com a preservação do meio ambiente, mas também inspirar os fornecedores, transformadores e demais visitantes profissionais a replicarem tecnologias ambientalmente corretas em seus negócios.

O credenciamento é gratuito e já pode ser feito no site da feira: https://www.plasticobrasil.com.br/pt/credenciamento.html.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Plástico Brasil 2019

Curta nossa página no

Anúncios

Feira Plástico Brasil fará demonstrações de troca rápida de moldes

11/03/2017

Através de parceria da Plástico Brasil com SENAI e as empresas Romi, Stäubli, Berg Steel, Piovan e Previsão, sessões diárias vão apresentar a troca rápida de moldes, acompanhada de mini palestras

Diminuir o tempo de montagem do molde (tempo de setup) na injetora para melhorar a produtividade tem sido um dos grandes desafios da atividade industrial nas últimas décadas. Com o intuito de contribuir para a capacitação e o desenvolvimento tecnológico do setor, a Plástico Brasil – Feira Internacional do Plástico e da Borracha, de 20 a 24 de março, no São Paulo Expo, vai apresentar o espaço “SMED – Single Minute Exchange of Die – Troca Rápida de Moldes”.

O SMED é uma metodologia que tem como objetivo a redução do tempo de setup para menos de 10 minutos (o “single minute” do nome) e será demonstrado na feira por meio da troca de moldes de uma injetora – um dos processos que mais demandam parada de máquina dos transformadores de plástico.

O espaço “SMED – Single Minute Exchange of Die – Troca Rápida de Moldes” é resultado de uma parceria da Plástico Brasil com o SENAI e um grupo de empresas expositoras: Romi, Stäubli, Berg Steel, Piovan e Previsão.

A combinação de moldes equipados com sistema de placas magnéticas e o posicionamento racional de talhas, carrinhos, bancadas e racks pretende provar aos visitantes da feira que é possível aumentar a produtividade das linhas sem investimentos vultuosos.

Estão previstas quatro sessões de troca rápida de moldes em cada um dos cinco dias da feira, às 11h, 13h, 15h e 19h. Enquanto os operadores executam o procedimento, instrutores do SENAI e especialistas das empresas parceiras farão mini palestras explicando todo o processo aos visitantes. Um cronômetro instalado no espaço vai aumentar o desafio do tempo de setup em um dígito.

A Feira Plástico Brasil é uma iniciativa da ABIMAQ – Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos e da ABIQUIM – Associação Brasileira da Indústria Química, com organização e promoção da Informa Exhibitions, a Plástico Brasil será palco de avanços tecnológicos e tendências globais dos  segmentos que compõem a cadeia produtiva do plástico: instrumentação, controle e automação, máquinas, equipamentos e acessórios, moldes e ferramentas, produtos básicos e matérias-primas, reciclagem, resinas sintéticas, serviços e projetos técnicos e outros. O evento vai receber uma visitação de transformadores e profissionais da indústria do plástico, que atendem e atuam em diversos segmentos, como construção civil, automóveis e autopeças, agricultura, móveis, eletrônicos, instrumentos médicos, vestuário e calçados e eletrodomésticos, entre outros.

Serviço: PLÁSTICO BRASIL – Feira Internacional do Plástico e da Borracha
Data: 20 a 24 de março de 2017
Local: São Paulo Expo Exhibition & Convention Center
Realização: ABIMAQ – Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos e ABIQUIM – Associação Brasileira da Indústria Química.
Promoção e organização: Informa Exhibitions
Patrocínio Oficial: Romi

Fonte: Assessoria de Imprensa – Plástico Brasil

Curta nossa página no

Mesa para troca de moldes – um projeto holandês apresentado na NPE2015

09/04/2015

EAS_MCT_NPEA mais recente inovação da equipe de engenharia da EASchangesystems na Holanda focaliza-se no aumento da produtividade dos equipamentos. Ferramentas de troca de molde, como a mesa de troca de moldes, pode aumentar as disponibilidades das máquinas em até 95%, afirma a empresa.

Uma mesa de troca de moldes pode ser a solução necessária para trocas confiáveis. O carregamento horizontal pode ser feito usando-se um mecanismo manual ou um mecanismo de transferência acionado eletricamente. O posicionamento é fácil e simples e, ao se utilizarem sistemas com acoplamentos múltiplas, todas as conexões necessárias são feitas em um piscar de olhos. O operador controla manualmente os passos da troca de molde até mesmo com um controle automático de botoeira. Uma mesa para o molde ou um carrinho sempre fazem um alinhamento seguro com a máquina, sem necessidade de ajustes. Com um posicionamento especial definido por Laser, a mesa de troca de moldes é alinhada.

As mesas da EAS são projetadas de tal forma que as transmissões em cadeia de várias mesas são operados usando apenas um acionamento.

Flexibilidade, rapidez e facilidade de manuseio

Os sistemas de troca de moldes podem diferir em método e tamanho. Dependendo do melhor ajuste, o intervalo vai desde a transferência manual até a totalmente automatizada, manuseando-se um ou dois moldes, com ou sem pré-aquecimento e estações de resfriamento. Cada grau de automação neste processo ajuda a obter de um tempo de troca mais rápido e livre de problemas, de acordo com a EAS.

Um estação de troca de moldes de eficiente deve ser segura, durável e amigável para se trabalhar. Alem disso, um pré-requisito é que o sistema de troca rápida do molde escolhido seja capaz de crescer com a produção no futuro. A EASchangesystems oferece mesas de troca de moldes e carrinhos com uma construção modular e instalação simples, afirma a empresa.

Mesas duplas de troca de molde são usadas ​​cada vez mais na moldagem de plásticos por injeção e indústrias relacionadas, a fim de acelerar o processo de troca de moldes.

Muito tempo é economizado quando o próximo molde está imediatamente disponível durante as trocas. Esta é a maior vantagem de uma mesa dupla de troca de moldes, afirma a EASchangesystems. Um espaço valioso é quando se manuseiam dois moldes.

Os carrinhos de troca de molde guiados por trilhos da EASchangesystems são parte da gama de soluções de Troca Rápida de Moldes (QMC – Quick Mold Change) que economizam tempo e dinheiro – reduzindo o tempo que leva para se mudar um molde de horas ou até mesmo dias para, virtualmente, apenas alguns minutos. E eles são ainda um outro caso que demonstra  como se alcançar melhorias significativas no desempenho geral, substituindo-se métodos tradicionais de troca de molde que já não atendem ao ambiente de negócios hoje em dia.

Aumentando a produção e aumentando os lucros operacionais

A Troca Rápida de Moldes (Mold Quick Change-QMC) reduz o tempo de inatividade e aumenta a produtividade do equipamento. Estes ganhos de eficiência podem significar a troca de um molde em minutos ao invés de horas. Uma completa renovação ou padronização muitas vezes não são sequer necessárias.

Fonte: EASchangesystems

Curta nossa página no