Posts Tagged ‘Silicones’

Wacker dá partida em nova planta de produção de silício metálico na Noruega

30/12/2019

A nova planta de produção de silício metálico da Wacker Chemie AG entrou oficialmente em operação em 15 de novembro, na fábrica de Holla, na Noruega, após dois anos e meio de construção. O silício metálico é uma das matérias-primas mais importantes da Wacker. É necessário para a produção de silicones e polissilício hiperpuro.

O novo forno é um dos maiores do gênero no mundo e aumenta a capacidade total da unidade de Holla em mais de 40%. O silício produzido em Holla agora cobre cerca de um terço da demanda nas fábricas alemãs da Wacker. Um total de cerca de 100 milhões de euros foi investido na nova fábrica. A empresa diz que o design de ponta da nova planta a torna particularmente eficiente, exigindo pouca manutenção.

“A capacidade de silício metálico que adicionamos nesta unidade de produção é uma etapa estratégica essencial no nosso suprimento de matérias-primas”, disse Rudolf Staudigl, presidente e CEO da Wacker Chemie AG, ao explicar as razões por trás da decisão de investimento. “A expansão da produção cativa nos torna mais independentes das flutuações de preços nos mercados de matérias-primas e aprimora nossa segurança de suprimentos, tanto em períodos de pico de demanda quanto nos problemas que possam surgir em relação às crescentes barreiras comerciais em todo o mundo”, enfatizou.

A Wacker adquiriu a fábrica de Holla, perto da cidade de Trondheim, em 2010. Desde então, produz lá silício metálico para atender às suas próprias necessidades. A Wacker emprega cerca de 200 pessoas em Holla.

Curta nossa página no

Evonik constrói nova planta de silicones e polímeros terminados em silano na Alemanha

30/09/2018

  • Nova fábrica de silicones multifuncionais
  • Investimento de dois dígitos de milhões de euros
  • Comissionamento no final de 2019

A Evonik está investindo um valor na casa dos dois dígitos de milhões de euros na construção de uma nova fábrica multifuncional em seu site de Geesthacht, norte da Alemanha, a 30 km da cidade de Hamburgo. As capacidades adicionais a serem criadas serão destinadas à produção de uma variedade de silicones e polímeros terminados em silano que a Evonik comercializa sob os nomes Polymer VS e Polymer ST.

Os produtos são usados em várias aplicações, incluindo adesivos para pisos de parquê, adesivos em produtos para o cuidado de ferimentos ou em aplicações de encapsulação no setor eletrônico.

“O investimento planejado para o site de Geesthacht tem importante significado estratégico na medida em que vai nos ajudar a concentrar ainda mais o nosso foco em especialidades químicas inovadoras”, diz Dietmar Schaefer, responsável pela linha de negócios Interface & Performance na Evonik.

O início das atividades da nova planta está programado para o final de 2019. Além da ampliação da capacidade de produção, também será erguida uma unidade para o abastecimento de caminhões-tanque no local. “Essa operação vai simplificar os processos de entrega e armazenamento para os nossos clientes e, dessa maneira, aumentará a eficiência”, diz Dr. Sabine Giessler-Blank, responsável pela linha de produtos Polymer & Construction Specialties na Evonik.

“A capacidade de produção adicional também vai criar espaço para o desenvolvimento de novos produtos, permitindo o aumento do desempenho dos produtos dos nossos clientes e a nossa resposta a demandas futuras no mercado de adesivos e selantes”.

O site de Geesthacht, com cerca de 100 colaboradores, vai focar em duas áreas: silicone e nanotecnologia. Os silicones de cura por adição e condensação e também os polímeros terminados em silanos são usados como resinas em adesivos e selantes, produtos eletrônicos e no setor médico. Dentre outras coisas, os nanomateriais baseados em sílica funcionam como aditivos de melhora das propriedades de compósitos de fibra, materiais usados com sucesso nas indústrias automotiva e aeroespacial.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Evonik

Curta nossa página no