Posts Tagged ‘SENAI’

Grupo Solvay mostra benefícios de polímeros especiais e sílica de alto desempenho em aplicações industriais em palestras no SENAI-RS

28/09/2017

Polímeros de alto desempenho para aplicações na área de Saúde e sílicas de alto desempenho para a produção de pneus que economizam energia serão temas de apresentações especiais da Solvay no 22º Seminário de Atualidades Tecnológicas, que será realizado em São Leopoldo (RS), nesta quinta-feira, dia 28/09, no Instituto SENAI de Inovação em Engenharia de Polímeros, em São Leopoldo – RS.

Guilherme Brunetto, Especialista da Solvay Sílica na América Latina, mostrará os avanços da empresa na área de sílicas de alto desempenho empregadas pelos clientes na produção dos chamados “pneus verdes”, de maior eficiência energética e que contribuem para a redução do consumo de combustíveis e, consequentemente, da emissão de CO2. Dados da empresa atestam que o uso desse tipo de pneu proporciona redução de até 7% no consumo de combustível. A Solvay Sílica é pioneira no Brasil na produção da sílica de alto desempenho, em sua unidade industrial de Paulínia – SP, atendendo às principais montadoras de pneus instaladas no País.

Por sua vez, Mônica Martins, Gerente do Mercado Healthcare para a América do Sul da Solvay Specialty Polymers, vai falar sobre os benefícios do uso de polímeros especiais na área da saúde, aplicação que vem crescendo continuamente, principalmente na substituição de materiais tradicionais, como metais. Esta tendência é atribuída ao alto desempenho dos novos polímeros que, além de apresentar propriedades mecânicas, térmicas e químicas excepcionais, também são mais leves, oferecem maior flexibilidade no design e são de fácil fabricação. Com um amplo portfólio de polímeros de alta performance, contando com mais de 35 marcas em mais de 1.500 formulações, a Solvay está posicionada como um fornecedor estratégico no mercado global médico. Na área de saúde, esses polímeros são usados nos mercados de ortopedia, cardiovascular, renal e odontológico, entre outros.

  • Serviço: Solvay no 22º Seminário de Atualidades Tecnológicas
  • Dia 28 de setembro – Instituto SENAI de Inovação em Engenharia de Polímeros
  • Rua Presidente João Goulart, nº 682 – Bairro Morro do Espelho, São Leopoldo – RS
  • Apresentação técnica: às 14h00 – Auditório 1 – Guilherme Brunetto – Soluções Solva Sílica para Pneus de Transporte com Eficiência Energética
  • Apresentação técnica: às 14h40 – Auditório 2 – Mônica Martins – Polímeros de Alta Performance para a Área da Saúde

Fonte: Assessoria de Imprensa – Solvay

Curta nossa página no

Anúncios

Senai realiza workshop durante a Interplast 2016

10/07/2016

Interplast_foto

Durante a Interplast (Feira e Congresso de Integração da Tecnologia do Plástico, que acontece em Joinville/SC), o Senai realizará um workshop voltado aos profissionais do setor. O evento acontecerá dia 18 de agosto, das 14h às 21h, na Expoville (sala Girassol), e consistirá num ciclo de palestras. Confira abaixo a programação:

14h – Métodos e práticas na fabricação de moldes de injeção – Dinor Martins Junior (SENAI)
15h – Processos Especiais de Fabricação – Daniel de Aviz (SENAI)
16h15 – Soldagem para Recuperação de Moldes (imprevistos de processos) –    Célio Cabral Filho (SENAI)
17h30 – Captação de recursos no edital SENAI SESI de Inovação: Ariel Rezende (Instituto SENAI de Inovação)
19h – Fabricação de Micromoldes de injeção: André Zanatta e Tiago Guerra (Instituto SENAI de Inovação)
20h – Microinjeção de plástico: Fernando Kasten (Instituto SENAI de Inovação)

As inscrições são gratuitas e os interessados em participar devem inscrever-se pelo site http://goo.gl/forms/zXbh4mKHCKyk4vBF3.

O Senai-Joinville estará com um stand na Interplast para apresentar aos visitantes seus produtos e serviços. Além do workshop e do espaço na feira, a instituição realizará um Torneio de Robótica. Para mais informações sobre as palestras ou o torneio envie um email para cristiane.catarina@sc.senai.br.

A Interplast apresenta novidades dos mais variados setores como máquinas, equipamentos, transformadoras, ferramentarias, embalagens, matérias-primas, periféricos, design e serviços.
Realizada pelo Simpesc (Sindicato da Indústria de Material Plástico no Estado de Santa Catarina) e organizada pela Messe Brasil, a 9ª edição tem o apoio da ABIMAQ (Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos), ABIPLAST (Associação Brasileira da Indústria do Plástico) e FIESC (Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina).
Paralelamente ao evento acontecem a 3ª EUROMOLD Brasil – Feira Mundial de Construtores de Moldes e Ferramentarias, Design e Desenvolvimento de Produtos – o CINTEC 2016 Plásticos – Congresso da Inovação Tecnológica e a Rodada de Negócios.

Serviço
Interplast 2016 – Feira e Congresso de Integração da Tecnologia do Plástico – http://www.interplast.com.br
EUROMOLD BRASIL – Feira Mundial de Construtores de Moldes e Ferramentarias, Design e Desenvolvimento de Produtos – http://www.brasilmold.de
Data: 16 a 19 de agosto de 2016
Horário: 14 às 21 horas
Local: Expoville – Joinville-SC – Brasil
Organização: Messe Brasil

Fonte: Messe Brasil

Curta nossa página no

Novos cursos do SENAI em São Paulo terão 9 máquinas da Pavan Zanetti

30/08/2013
HDL-10-L

Sopradora Série HDL

Até setembro, a Pavan Zanetti entregará para o SENAI (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) cinco injetoras HXF90 BR, duas sopradoras HDL 10L e duas sopradoras BMT 5.6 S/H. As nove máquinas serão instaladas em escolas da instituição no interior paulista.

Os equipamentos permitirão ao SENAI implantar novos Cursos Técnicos, de Aprendizagem em Moldagem de Plástico e Ferramentaria de Moldes, aumentado sua capacidade de formação de profissionais para o setor de plásticos, que está em crescente desenvolvimento.

Segundo a Pavan Zanetti, a injetora HXF90 BR apresenta alto desempenho e grande economia de energia. É utilizada para tampas, brinquedos, peças técnicas (inclusive automotivas) e pré-formas de PET.

A sopradora HDL 10L atende o segmento de embalagens de médio e grande portes, como bombonas industriais e agroquímicos, peças técnicas, autopartes e produtos para construção civil.

A sopradora BMT 5.6 S/H é indicada para frascos de até 5 litros, empregada na fabricação de embalagens para os setores de higiene e limpeza, cosméticos, produtos farmacêuticos, produtos alimentícios e peças técnicas de pequeno volume.

De acordo com a Pavan Zanetti, os equipamentos possuem comando avançado, interface amigável e de fácil operação, além de um completo sistema de segurança. Este conjunto de características garante as condições ideais de manuseio por aprendizes.

Fonte: Amiglo / Pavan Zanetti

Curta nossa página no

Paraná ganha Escola do Plástico do SENAI

19/08/2012

Professores Celso Prosdócio e Valdir da Silva, gerente do Senai Marcos Marcondes, Presidente do SIMPEP, Denise Dybas Dias e presidente da FIEP Edson Luiz Campagnolo

Com a finalidade de preparar profissionais para a indústria do plástico, o Senai, em parceria com o SIMPEP -Sindicato da Indústria de Material Plástico no Estado do Paraná- inaugurou no dia 13 de agosto a Escola do Plástico, em São José dos Pinhais. Além de atender à demanda do setor, que sofre pela falta de mão de obra especializada, a escola será uma oportunidade aos jovens que desejam ingressar no mercado de trabalho ou aos que buscam uma nova área de atuação.

A primeira turma, que iniciou no dia 13, está realizando o curso “Operador em Processos de Transformação de Plástico e Polímeros”, com carga horária de 160 horas.

Aline Alves, com apenas 25 anos, trabalha há dois meses na empresa Madeplast e conta que ficou surpresa com a oportunidade de especialização. “Nunca trabalhei em indústria antes e este curso é uma realização pessoal, porque acho que pode me ajudar a crescer na empresa”, afirma a jovem que promete continuar buscando o seu aprimoramento profissional nos cursos da escola.

Para a presidente do SIMPEP, Denise Dybas Dias, a escola também vai contribuir com o crescimento do setor no Paraná. “O nosso estado já foi líder nacional com relação ao volume de produção de plástico, mas hoje ocupamos a 4ª posição. Com esta escola, estaremos dando um grande passo rumo à liderança novamente”.

O setor de transformação do plástico conta com 950 empresas no Paraná e emprega 25 mil pessoas, sendo que metade das indústrias do estado estão concentradas em Curitiba e Região Metropolitana.

O presidente da FIEP, Edson Luiz Campagnolo, destacou o plástico como um material transversal, que se faz necessário em quase todos os tipos de indústria. “Utilizamos o plástico em quase tudo, até mesmo no zíper ou no botão de nossas roupas, por isso, vamos continuar estudando e aprimorando modelos de cursos para atender todas as necessidades deste setor”.

Fonte: WBC COMUNICAÇÃO – Simpep

Curta nossa página no

Braskem e empresa alemã Tecnaro estabelecem parceria para utilização de polietileno derivado de etanol em suas soluções.

04/06/2012

Acordo de fornecimento estabelecido entre as empresas resulta na ampliação do portfólio de aplicações para o “PE Verde”

(A partir da esquerda) Dr. Lars Ziegler (Tecnaro),  Juergen Pfitzer (Tecnaro), Claudia Cappra (Braskem) e Helmut Naegele (Tecnaro) depois da assinatura do contrato.

A TECNARO (www.tecnaro.de) , empresa alemã desenvolvedora do ARBOFORM (uma espécie de “madeira termoplástica”), fechou contrato com a Braskem (www.braskem.com.br), líder mundial na produção de biopolímeros, para uma nova linha de aplicação de polietileno derivado de etanol de cana-de-acúcar. A TECNARO GmbH produzirá compostos com o “PE Verde” da Braskem em uma série especial chamada ARBOBLEND, um composto de biopolímero que pode ser processado, dependendo da fórmula, por meio de moldagem por injeção, extrusão (filme) ou termoformagem.

“O objetivo da parceria é desenvolver aplicações que ainda não foram exploradas, ampliando o portfólio de produtos produzidos com PE Verde”, diz Claudia Cappra, gerente comercial de Químicos Renováveis da Braskem.

A Tecnaro foi selecionada pela Braskem para ampliar a penetração do biopolímero no mercado europeu com a nova linha renovável. “Estamos muito satisfeitos com a parceria com a Braskem, que nos permitirá dar mais um importante passo na exploração dos mercados brasileiro e europeu”, diz Lars Ziegler, chefe do F&E da TECNARO GmbH.

Através dessa parceria, é reforçada a ligação de longo prazo da TECNARO GmbH com o Brasil. Desde 2001 a TECNARO tem um escritório de representação em São Paulo. Por meio de projetos PPP (Parceira Público-Privada) selecionados desde 2005, juntamente com o patrocinador do projeto Sequa gGmbH e o Instituto de pesquisa do SENAI CIMATEC, foi elaborado e realizado um programa de treinamento abrangente relativo à utilização de matérias-primas renováveis na indústria de plásticos.

Fonte: Braskem

Curta nossa página no

Eastman e Bekum realizam palestra e demonstração no Senai de Jundiaí sobre o processo de extrusão-sopro e aplicações de resinas de copoliéster.

18/11/2011

A Eastman Chemical do Brasil e a Bekum do Brasil realizaram no dia 8 de novembro, no SENAI Jundiaí, um Open House para convidados. Os participantes assistiram uma palestra dada pelas duas empresas envolvendo aspectos técnicos e possíveis usos para resinas de copoliéster .

Após a palestra, os convidados foram encaminhados a uma sopradora Bekum  que operava com a resina GN001, da Eastman, para produção de garrafas de 500ml sem alça. O GN001 é uma resina de PETg direcionada para o processo de extrusão sopro, conferindo ao produto final boas caracteristicas de transparência e brilho.

 As resinas copoliéster GN001 e EB062 são materiais transparentes, de fácil processamento, que se adequam muito bem aos equipamentos de extrusão-sopro. Por serem resinas obtidas de matérias primas da linha de produção do PET, podem ser recicladas junto com este, podendo, inclusive, ter o número “1” de reciclagem.

 “Os nossos copoliésteres não possuem plastificantes ou geram qualquer tipo de gás tóxico durante seu processamento. Possuem FDA para contato com alimentos, e não necessitam de materiais especiais para limpeza da máquina ou para suas paradas”, afirma Mauro Kohler, Representante da Área de Assistência Técnica da Eastman.

Fonte: Eastman

Núcleo de Tecnologia do Plástico do SENAI Alagoas servirá de modelo para núcleo pernambucano

28/07/2011

Wander Lobo ressalta crescimento da CPQP em Alagoas

O Núcleo de Tecnologia do Plástico (NTPlás) do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de Alagoas (Senai/AL) vai servir de modelo para a implantação de uma unidade profissionalizante e prestadora de serviços para os setores da Química e do Plástico do Estado de Pernambuco.

 Na tarde de terça-feira (19), uma missão pernambucana formada por empresários, engenheiros e representantes do Instituto de Tecnologia de Pernambuco (Itepe) veio à capital alagoana para conhecer o Núcleo instalado no Centro de Educação Profissional Napoleão Barbosa, unidade do Senai localizada no Polo Multissetorial Governador Luiz Cavalcante, no Tabuleiro do Martins.

 Eles também conheceram os mecanismos de incentivos fiscais e outros atrativos que o Estado de Alagoas oferece para a consolidação da Cadeia Produtiva da Química e do Plástico (CPQP). “É o segmento que mais cresceu no Estado. Só a duplicação da planta de PVC da Braskem, um investimento superior a R$ 1 bilhão, já revela o nosso dinamismo”, afirmou Wander Lobo, presidente do Sindicato da Indústria de Tintas e Plásticos de Alagoas (Sinplast/AL).

 Segundo o empresário, o nosso Estado dá um exemplo de governança, que ajudou a consolidar a CPQP por meio da atração de novas indústrias e da ampliação das já existentes. “Nós temos o Sindicato, a Federação das Indústrias, o Sistema S, grandes empresas e o governo alagoano agindo em sinergia. Como resultado, deixamos de ser produtores de uma commodity (PVC) e hoje fabricamos produtos de maior valor agregado”, explica.

 A cadeia produtiva alagoana conta com 55 empresas que geram, juntas, cerca de 5,5 mil empregos diretos. O NTPlás, além de oferecer serviços tecnológicos, capacita mão de obra para o setor. Inaugurado no dia 18 de outubro de 2010, o Núcleo já certificou 314 pessoas e outras 208 serão formadas até o final deste ano.

 O presidente do Sindicato das Indústrias de Materiais Plásticos do Estado de Pernambuco (Simpepe), Fernando Pinheiro, participou da Inauguração do Núcleo de Tecnologia de Plástico do Senai. Ele conta que o desejo de implantar uma unidade profissionalizante no Estado dele é antigo. Agora, com a verba garantida, a ideia é ver como funciona um núcleo que ele considera como “modelo” para adquirir experiência.

 PERNAMBUCO

 Em Pernambuco, o setor gera, aproximadamente, 22 mil empregos diretos e indiretos e conta com 489 empresas de diversos segmentos da indústria de transformação de plástico, das quais  292 empresas são formais e as demais informais.

 O setor consome cerca de 12 mil toneladas por mês de matéria-prima de polietileno (resina plástica) e, em 2010, faturou R$ 600 milhões, segundo informações do Simpepe. Com a primeira fábrica de embalagens fundada há 50 anos, Pernambuco é um dos estados pioneiros no ramo de transformação de plástico no País.

Fonte:  Senai -Alagoas

SENAI-RS organiza Seminário de Atualidades Tecnológicas em Elastômeros, Plásticos e Adesivos.

16/09/2010

Entre 30 de setembro e 1º de outubro, acontece a XV edição do Seminário de Atualidades Tecnológicas: Elastômeros, Plásticos e Adesivos, no Centro de Eventos da FIERGS, em Porto Alegre (RS).

Organizado pelo SENAI, o encontro funciona para atualização e intercâmbio de informações, acesso a inovações técnicas, tecnológicas e de gestão ao setor. No público-alvo, estão empresários, técnicos, pesquisadores, estudantes, professores e outros profissionais ligados ao setor.

Fonte: Boletim do INP