Posts Tagged ‘Romi’

Romi participa da Equiplast 2011, na Espanha.

22/11/2011

Através de sua marca Sandretto, a Romi busca liderança no competitivo mercado espanhol para as máquinas de injetoras de plástico

A Romi participou da Equiplast 2011, uma das mais importantes exposições da indústria de plásticos na Espanha. A feira se realizou entre os dias 14 e 18 de Novembro de 2011, em Barcelona.

Segundo Hermes Lago, diretor de vendas da Companhia, “a participação da Romi na Equiplast 2011 foi especialmente importante para a apresentação da subsidiária Romi para o mercado espanhol, a Italprensas Sandretto, que passa a contar com uma nova estrutura comercial, completamente renovada e que atende a todas as áreas da península. A subsidiária também apresenta uma nova gestão de vendas, bem como novas instalações em Barberà del Vallés, onde estão centralizados os serviços de assistência técnica e peças de reposição, bem como a coordenação dos técnicos residentes que atuam em áreas como Valencia, Levante e País Basco. “

“Esta reestruturação é importante para mantermos o contato e a estrutura de pós-venda mais próximos aos clientes, o que faz parte da estratégia de expansão e renovação da empresa, com o objetivo de oferecer um melhor serviço a nossos numerosos clientes na Espanha “, diz Romi Monica Zanatta, gerente de vendas internacionais.

Dentro do plano de ação desenvolvido para o mercado espanhol, a empresa expôs, na Equiplast 2011, uma injetora Sandretto EN 100, de aplicação geral, e que serve a muitos setores da produção industrial. Também estiveram em exposição  o centro de usinagem vertical Romi D 600, projetado para ambientes de alta produção e ferramentaria, e a Sandretto EL 100 máquina elétrica, mais direcionada ao setor técnico de processamento de plásticos por injecção. “Ambos os modelos de injetoras cumprem o objectivo de proporcionar maior economia de energia”, conclui o gerente da subsidiária espanhola, Adolfo Ibañez.

Fonte: Indústrias Romi

Anúncios

Romi consolida posição no mercado internacional com a marca Sandretto

22/09/2011

Empresa estrutura operação de vendas e serviços no México, estreitando relacionamento com clientes e fortalecendo sua presença internacional

A Indústrias Romi S.A., empresa líder brasileira no setor de máquinas-ferramenta e máquinas para processamento de plásticos, estará presente, com sua marca Sandretto, nas mais importantes feiras internacionais, mostrando sua expertise no desenvolvimento e fabricação de máquinas de alta qualidade e processamento de plásticos.

 No calendário internacional, também estão programadas open houses na Itália, visando fortalecer a liderança de mercado da empresa e o relacionamento direto com os clientes. A abertura de uma subsidiária no México faz parte da iniciativa de ampliar a presença internacional da Romi, que proporcionará aos seus clientes vantagens exclusivas, por meio do apoio direto de vendas e serviços.

 Neste segundo semestre de 2011, a empresa participará das feiras: Expo Plast (Romênia), Interplas (Inglaterra), Plastimagen (México), Fakuma (Alemanha), Plast Eurasia (Turquia) e Equiplast (Espanha). Além desses eventos importantes, a companhia planejou seis open houses na Itália, que serão realizadas nas regiões do Vêneto, Marche, Emilia Romagna, Toscana, Campania e Lombardia.

 “A Romi, por meio de sua marca Sandretto, consolida sua posição no mercado internacional. A combinação de trabalho conjunto e know-howgerou resultados importantes em tecnologia, inovação e serviços, que beneficiaram diretamente os clientes em todo o mundo. Juntas, Romi e Sandretto, venderam mais de 180 mil máquinas mundialmente. Atualmente, os clientes buscam credibilidade e robustez quando escolhem um fornecedor de máquinas”,afirma Mônica Romi Zanatta, gerente de Vendas Internacional.

 Com presença mundial desde1944, a Romi possui subsidiárias nos Estados Unidos, na Itália, na Alemanha, na Inglaterra, na Espanha e na França, além das fábricas no Brasil e na Itália, na região de Turim. Com a aquisição dos ativos da Sandretto, em 2008, a companhia consolidou sua presença em todo o mundo. “A abertura da nova subsidiária no México vai reforçar a determinação da empresa de se estruturar, com o objetivo de melhor atender ao mercado mexicano, que acreditamos ter potencial para absorver nossa linha de produtos e serviços”, declara Mônica.

 O foco da Romi, durante as feiras e open houses, será demonstrar as recém-lançadas máquinas injetoras Sandretto P, Sandretto EN e Sandretto EL, que oferecem alta tecnologia e produtividade, com custo extremamente competitivo.

Fonte: Indústrias Romi 

Romi leva injetoras e sopradora à Plastech Brasil 2011

12/08/2011

A Indústrias Romi S.A., empresa líder brasileira no setor de máquinas-ferramenta e máquinas para processamento de plásticos, apresenta algumas de suas principais linhas de injetoras e sopradoras na Plastech Brasil 2011.

A companhia irá demonstrar, durante o evento, a injetora ROMI EL 300, um equipamento totalmente elétrico, com baixo consumo energético, que se adapta facilmente a salas limpas e é voltado para produção de peças de alta precisão. A injetora ROMI EN 150, voltada para diversas aplicações, também é composta por servobomba, recurso que permite a redução do consumo energético em relação à máquina com bomba de vazão variável.

Já a sopradora ROMI PET 230 automática é um equipamento para sopro de pré-formas com alta produção de frascos e garrafas para linha de bebidas, cosméticos, limpeza e frascos de uso geral.

Apresentando ao público gaúcho dois lançamentos da linha de injetoras, o diretor de Comercialização de Máquinas da empresa, Hermes Lago, afirma: “A Plastech está crescendo e a participação da Romi no mercado da região Sul também. Acreditamos que esse evento vai colaborar com o crescimento dos resultados da companhia em 2011.”

Outra máquina Romi em exposição será a injetora ROMI P220, que estará demonstrando uma injeção de peça no estande do SENAI.

Máquinas Romi na Plastech:

Injetora ROMI EL 300 Aplicação – máquinas elétricas que se adaptam facilmente a salas limpas. Apresentam baixo nível de ruído e são indicadas para produção de peças de alta precisão com baixo consumo de energia. Capacidade – 300 toneladas de força de fechamento, 745 g de capacidade de injeção.Essa série de máquinas propicia elevada relação desempenho/consumo energético, permitindo uma melhor relação entre produção (kg/h) e consumo energético (kW). É um projeto novo, dotado de componentes e insumos de alta confiabilidade e tecnologia.

Injetora ROMI EN 150 Aplicação – máquina de uso geral destinada a diversas aplicações: injeção de peças técnicas, utilidades domésticas, brinquedos e embalagens. Capacidade – 150 toneladas de força de fechamento, 380 g de capacidade de injeção. Diferencial – a série ROMI EN é composta por máquinas com servobomba, recurso que permite a redução do consumo energético em relação à máquina com bomba de vazão variável. O funcionamento é baseado na variação da rotação do motor: quando a máquina é exigida, o motor fornece a potência necessária ao movimento; quando a máquina está em tempo “de parada”, ou seja, num momento em que não é exigida, o motor permanece praticamente em descanso. Nessa fase, o consumo energético se aproxima muito ao de uma lâmpada convencional.

Sopradora ROMI PET 230 automática Aplicação – equipamento para sopro de pré-formas com alta produção de frascos e garrafas para linha de bebidas, cosméticos, limpeza e frascos de uso geral. Capacidade – produção de frascos e garrafas com capacidade volumétrica de até 3 litros. Dimensões – permitem moldes de duas cavidades de até 3 litros cada. Diferencial – equipamento de alta produtividade, com processo 100% automático, bem compacto em uma construção monobloco, robusto e preciso. Na Plastech 2011 estará produzindo garrafas de 500 ml para água mineral, com uma produção estimada em 1.500 garrafas por hora.

Sobre a Romi – A Indústrias Romi S.A. , fundada em 1930, é líder de mercado na indústria brasileira de máquinas e equipamentos industriais. A empresa fabrica máquinas-ferramenta, principalmente tornos mecânicos e centros de usinagem, máquinas injetoras e sopradoras de termoplásticos e peças feitas de ferro fundido cinzento, nodular ou vermicular, que são fornecidos em estado bruto ou usinado. Os produtos e serviços da Romi são vendidos mundialmente e utilizados por uma grande variedade de indústrias, tais como a automotiva, produtos de consumo geral e indústrias de máquinas e equipamentos industriais e agrícolas.

 Fonte: Assessoria de Imprensa – PlastechBrasil 2011

 

Feira Mac&Tools conta com participação da Romi.

28/07/2011

Empresa participa da maior feira de metal-mecânica do Centro-Oeste com equipamentos das linhas de máquinas-ferramenta e máquinas para plástico

A  primeira edição da Mac&Tools – Feira de Máquinas e Ferramentas da Indústria Metal-Mecânica do Centro-Oeste, será realizada no Centro de Convenções de Goiânia, entre os dias 26 e 29 de julho de 2011

Nesta feira, a empresa demonstrará o Centro de Usinagem Vertical ROMI D 600, o Centro de Torneamento ROMI GL 280 e a Sopradora ROMI Maxtec 10L, equipamentos de alta tecnologia e com ampla aplicação em diversos segmentos da indústria.

Em sua 1ª edição, a Mac&Tools já é a maior exposição da indústria Metal-Mecânica do Centro-Oeste, e tem como objetivo inaugurar um centro de negócios no Estado.

Fonte: Indústrias Romi

Romi lança série de máquinas injetoras no Reino Unido

27/06/2011

Lançamento faz parte da estratégia Romi da recuperação de sua marca Sandretto

Após sua apresentação ao público europeu durante a última edição da feira K, começam as vendas no Reuno Unido da nova Série EN – comercializada no Brasil como Série Romi EN. Composta por sete versões de máquinas, com força de fechamento de 70 a 450 toneladas, a nova série já está disponível em todo o continente europeu. A família combina um projeto compacto, com interface amigável e consumo de energia reduzido significativamente. De acordo com Marcel Machado, Gerente de Vendas para o Reino Unido, a Série EN foi projetada visando às novas necessidades de baixa manutenção, alta produtividade e baixos custos operacionais, especialmente com relação ao consumo de energia. “Estamos confiantes no sucesso da nova série, dada a resposta muito positiva dos nossos clientes”, acrescentou.

O lançamento da Série EN faz parte da estratégia de recuperação da Sandretto, que já está apresentando resultados positivos. No Reino Unido, a Romi registrou um aumento significativo nas vendas no primeiro trimestre de 2011 comparado ao mesmo período do ano anterior. Embora o mercado ainda esteja cauteloso, a indústria do plástico dá indícios de recuperação. “O ano começou bem para a Sandretto: estamos tendo bons resultados, especialmente com a nossa base de clientes existentes, que nos vêem como um parceiro forte e confiável. Apesar da sensibilidade do mercado ao fator preço, a confiabilidade e a disponibilidade tem sido um dos aspectos mais importantes na decisão de aquisição de uma nova máquina “, diz Marcel.

Fonte: Indústrias Romi

Romi leva sopradora ROMI PET 230 para a 27ª Fispal Tecnologia.

07/06/2011

A Indústrias Romi S.A., empresa líder brasileira no setor de máquinas-ferramenta e máquinas para processamento de plásticos, participa, de 7 a 10 de junho, da Fispal Tecnologia 2011, demonstrando a sopradora ROMI PET 230 automática. A máquina é voltada à fabricação de garrafas ou frascos para as indústrias de bebidas e refrigerantes, água mineral, óleos comestíveis, molhos, cosméticos, condimentos e produtos de higiene e limpeza. Durante o evento, que será realizado no Parque Anhembi, o equipamento estará soprando pré-formas de garrafas de 500 ml para água mineral, com produção estimada em 2,5 mil garrafas por hora.

Sopradora ROMI PET 230 automática

Aplicação – equipamento para sopro de pré-formas com alta produção de frascos e garrafas para linha de bebidas, cosméticos, limpeza e frascos de uso geral.

Capacidade – produção de frascos e garrafas com capacidade volumétrica de até 3 litros.

Dimensões – permitem moldes de duas cavidades de até 3 litros cada.

Diferencial – equipamento de alta produtividade, com processo 100% automático, bem compacto em uma construção monobloco, robusto e preciso.

Fonte: RP1 C0municação

Romi apresenta ações para redução de consumo energético durante a Conferência Brasilplast.

13/05/2011

 A fabricante de máquinas-ferramenta Romi apresentou na Conferência BRASILPLAST 2011 ações que podem ser úteis na diminuição do consumo energético no processo de transformação de materiais plásticos. Segundo Antonio Dottori, gerente de marketing de máquinas para plásticos da Romi, os processos de transformação do plástico são avaliados pela relação quilowatts (kW) por quilo (kg); ou seja, menor consumo energético para mais material transformado. “São muitos os pontos que podem ser atacados, por exemplo, sabemos que além da máquina existem os periféricos e estes também têm sua parcela de contribuição. Nem sempre as máquinas são responsáveis pelo alto consumo energético”.

Romi leva suas principais linhas de máquinas para a Feira Emaqh 2011 em Buenos Aires

24/03/2011

Empresa investe no mercado argentino e conta com sua representante Favel para aumentar participação no País

A Romi participará da Emaqh 2011, que será realizada entre os dias 25 e 30 de março de 2011, em Buenos Aires, Argentina. A Companhia, representada naquele País pela Favel Argentina S.A., estará no estande E70, no pavilhão Azul, onde apresentará o centro de usinagem vertical ROMI D 800, os centros de torneamento ROMI GL 280M e GL 240, o torno CNC ROMI C 1000 (no Brasil, este modelo chama-se Centur 50) e a Injetora Prática 80.

Presente no mercado Argentino há muitos anos, a Romi participará da Emaqh 2011 objetivando reforçar a presença da marca e de seus produtos em todo o território do País vizinho. Com suporte comercial completo, a Romi ainda conta com a vantagem estratégica de estar próxima à Argentina, o que traz facilidade logística para a sua expansão naquele território. “Vamos levar todo o nosso portfólio de máquinas, equipamentos e serviços e contribuir com a retomada da atividade industrial na Argentina”, afirma o diretor de Comercialização de Máquinas da Romi, Hermes Lago.

Em sua 24º edição, a Emaqh é a mais importante exposição da indústria de máquinas-ferramenta de Buenos Aires. O evento conta com a presença das principais empresas e representantes do setor de máquinas-ferramentas e ferramentarias da Argentina.

Fonte: Romi

Romi promove leilão de máquinas e equipamentos

17/03/2011

Empresa vai leiloar diversos tipos de máquinas a preços atrativos, entre as quais Injetoras,  Sopradoras, Tornos e Centros de Usinagem.

Agendado para o dia 23 de março de 2011, a Romi anuncia um leilão público presencial e online de máquinas seminovas, usadas, equipamentos e materiais de estoque. Neste leilão, um lote composto por um torno CNC Centur 30D V.4.0 x 1.000mm A2-6″ Siemens terá uma vantagem extra: a garantia de três meses.

O pregão oficial será realizado às 12 horas no Maici’s Place, localizado na Rua Pernambuco, 478, próximo à Avenida Tiradentes, em Santa Bárbara d’Oeste, interior do Estado de São Paulo. Quem não puder ir até o local terá a possibilidade de participar do leilão simultaneamente pela internet. Os interessados pelo pregão online podem se cadastrar pelo site www.milanleiloes.com.br e já começar a registrar seus lances.

A visitação aos lotes disponíveis poderá ser feita nos dias 17, 18, 21 e 22 de março de 2011, das 8 às 16h e, no dia do leilão, das 8 às 12h. Os lotes encontram-se na unidade Matriz e na unidade Distrito da Romi, em Santa Bárbara d’Oeste, SP. Alguns dos lotes encontram-se em Manaus, AM.

Entre os destaques dos quase 120 lotes oferecidos, estão centros de usinagem vertical Discovery 760, torno convencional Tormax 30B, tornos CNC Centur 30G, Centur 30D, Multiplic 35D, ROMI G 280 Fanuc, injetora de plástico Prática 130 e 170 e Sopradora Maxtec Especial.

Informações para visitação:

Matriz Romi: Lotes 087 a 104 e 108 ao 119 – Avenida Pérola Byington, 56 Centro – Santa Bárbara d’Oeste – SP
Unidade Distrito: Lotes 001 a 086 – Rodovia SP-304 km 141,5 – Santa Bárbara d’Oeste – SP
Manaus: Lotes 105 a 107 – Av. dos Oitis, 5699, Distrito Industrial II, Manaus – AM

Informações ou agendamento de visitas pelo telefone (11) 3845-5599 ou pelo site www.milanleiloes.com.br

Fonte: Romi

Romi participa da Expo Plásticos 2011, no México.

24/02/2011

A Romi está participando da Expo Plásticos 2011, uma das mais importantes exposições da indústria de plástico no México. Em sua oitava edição, a feira está sendo realizada desde o dia 22  fevereiro de 2011, encerrando-se hoje, na cidade de Monterrey. A Romi está presente no estande 1320.

A participação da Romi na Expo Plásticos 2011 faz parte da estratégia de expansão da companhia, com vistas à ampliação de sua área de comercialização em mercados com grande potencial. “O México representa um mercado extremamente competitivo, que conta com uma cadeia de empresas transformadoras diversificada e cuja demanda por máquinas para plástico está em forte recuperação após a crise”, explica o diretor de Comercialização de Máquinas da Romi, Hermes Lago.

Dentro do plano de ação traçado para o mercado mexicano, a empresa leva à Expo Plásticos 2011 a injetora Sandretto HP 100/430, que atende diversos setores da produção industrial, com foco nos produtos de aplicação geral.

Estas máquinas são equipadas com sistema bi-togle de fechamento. Incluem-se no setor de máquinas de média e pequena tonelagem, destinadas, principalmente, aos setores de utensílios domésticos, eletrônicos e eletrodomésticos. Esta série oferece grande variedade de modelos, com força de fechamento variando de 75 a 485 toneladas, com grupos de injeção de 118 a 1768 cm3.

Fonte: Indústrias Romi

Romi participa de feiras em Dubai e na Rússia.

19/01/2011

Romi iniciou o ano participando da Arabplast, em Dubai. A participação da empresa em feira na Rússia mostrará também ao público a consolidação internacional da Romi, através de sua marca Sandretto

A 10º edição da Feira Arabplast, se realizou entre os dias 8 e 11 de janeiro de 2011, na cidade de Dubai, nos Emirados Árabes Unidos.

A empresa apresentou a injetora Sandretto HPF 200 para produção de embalagens. Durante a feira, essa máquina demonstrou a injeção de um copo de 300 ml em PS (molde com 4 cavidades) integrada com uma solução de IML (In Mould Labelling) lateral. A Romi teve um estande próprio localizado no Hall 6 – D18.

Feira Interplastika

A Romi estará presente na Feira Interplastika 2011, que se realizará entre os dias 25 e 28/1/2011, em Moscou, na Rússia. A participação da empresa será em conjunto com seu representante Kealer. Esse evento será uma excelente oportunidade para mostrar aos clientes da Sandretto a consolidação da marca, bem como as novas linhas de produtos e suas aplicações. A marca Sandretto tem uma longa história e presença no mercado russo. Seus maiores clientes pertencem ao setor automotivo, de utilidades domésticas e de embalagens. A participação na Interplastica é um importante passo para a expansão da Romi, através de sua marca Sandretto.

Fonte: Indústrias Romi

Através de sua marca Sandretto, Romi participará da importante feira K 2010, que se realiza em Düsseldorf, Alemanha.

01/10/2010

Presente na Feira K 2010, na Alemanha, a Romi apresentará ao mercado europeu as novidades da sua linha de máquinas para plásticos da conceituada marca Sandretto. É a primeira participação da Companhia no evento após a aquisição das operações da italiana Sandretto em 2008. A feira K 2010 será realizada entre os dias 27 de outubro e 3 de novembro de 2010, no pavilhão Messe Düsseldorf GmbH, na Alemanha.

“A participação nesta que é uma das maiores feiras mundiais do setor de máquinas para processamento de plásticos demonstra a consolidação internacional das operações da Romi através de sua marca Sandretto, que hoje possui uma rede própria de distribuição e de serviços pronta para atender aos importantes mercados e unidades de produção da Europa e do resto do mundo”, afirma Hermes Alberto Lago Filho, diretor de Comercialização da Romi.

Em seu estande de 400 m², a Romi vai expor as máquinas EL 220, da linha Técnica; a Nove HPF 200, da linha para embalagem e um lançamento para Aplicação Geral.

Fonte: Indústrias Romi

Romi leva sopradora e injetora para Interplast 2010

18/08/2010

A Indústrias Romi S.A.,  empresa líder brasileira no setor de máquinas-ferramenta e máquinas para processamento de plásticos, participa da Interplast 2010 com duas máquinas das suas linhas de sopradoras e injetoras para plástico. Em seu estande de 120 m2 estarão expostas, em plena operação, a sopradora ROMI JAC Compacta 5TS e a Injetora ROMI Prática 220. A Interplast acontece entre 23 e 27 de agosto, no Megacentro Expoville, em Joinville, Santa Catarina.

Sobre a Romi
A Indústrias Romi S.A. (Bovespa: ROMI3), fundada em 1930, é líder de mercado na indústria brasileira de máquinas e equipamentos industriais. A companhia está listada no segmento de “Novo Mercado”, que é reservado para sociedades com o mais alto grau de governança corporativa na Bovespa. A empresa fabrica máquinas-ferramenta, principalmente tornos mecânicos e centros de usinagem, máquinas injetoras e sopradoras de termoplásticos e peças feitas de ferro fundido cinzento, nodular ou vermicular, que são fornecidos em estado bruto ou usinado. Os produtos e serviços da Romi são vendidos mundialmente e utilizados por uma grande variedade de indústrias, tais como a automotiva, produtos de consumo geral e indústrias de máquinas e equipamentos industriais e agrícolas.

Fonte: Indústrias Romi / Messe Brasil

Romi apresenta novidades na Embala Nordeste 2010.

06/08/2010

Durante a feira Embala Nordeste, a empresa demonstrará solução para pequenos engarrafadores, que passarãoa contar com máquinas Romi em todo o seu processo produtivo.

A Romi chega à Embala Nordeste 2010 com uma proposta  que vem movimentando o mercado de transformação de material plástico: o ingresso no segmento de máquinas injetoras para pré-formas. A novidade, apresentada anteriormente na Mecânica 2010, em maio, tornou-se capaz com a adequação da ROMI Primax 220H para esse fim. Dessa forma, a Companhia amplia as opções de equipamentos para pequenos engarrafadores, que passarão a contar com máquinas Romi em todo o seu processo produtivo.

Em uma área de 140 m², a empresa demonstrará, ponta a ponta, a produção de embalagens PET, com máquinas para cada uma das etapas do processo, que, além da injeção da pré-forma feita pela ROMI Primax 220H, inclui o sopro da garrafa PET na ROMI PET 130 “Mostraremos durante o evento a capacidade da Romi em atender de forma integral a demanda do mercado de pequenos engarrafadores, aqueles que produzem em torno de 3 a 4 mil embalagens por hora”, informa Hermes Lago, diretor de Comercialização de Máquinas da Romi. Entre os potenciais compradores, ele cita os engarrafadores de bebidas gaseificadas e de produtos de limpeza.

Para o diretor, ter “em casa” todo o processo traz inúmeras vantagens a este público que, hoje, em sua maioria, adquire as pré-formas prontas. O primeiro benefício é a maior flexibilidade obtida ao poder adequar o molde da pré-forma ao processo produtivo e não ter que se adaptar aos padrões das pré-formas prontas no mercado. Além disso, o produtor ganha em economia, rapidez e, principalmente, na garantia e controle da sua produção. “Enxergamos uma lacuna nesse mercado e pretendemos preenchê-la com um equipamento que reúne a qualidade já comprovada da Romi a preços acessíveis para esta faixa de empreendedores”, ressalta Lago.

O processo completo poderá ser conferido no estande da Romi, durante a Feira Embala Nordeste, que acontece de 23 a 26 de agosto, no Centro de Convenções de Pernambuco Recife / Olinda.

Fonte: Indústrias ROMI

Romi atinge a marca de 150 mil máquinas produzidas.

18/06/2010

Marco histórico na trajetória da Romi e da indústria brasileira de máquinas reflete a capacidade produtiva e solidez da Companhia em seus 80 anos de atuação

Indústrias Romi, empresa líder brasileira no setor de máquinas-ferramenta e máquinas para processamento de plásticos, acaba de atingir a marca de 150 mil máquinas produzidas nas suas unidades fabris.

Para comemorar o fato, a Romi, que este ano completa 80 anos de atuação, realizou evento na Unidade Fabril 16, em Santa Bárbara d’Oeste, para a entrega simbólica do equipamento. Trata-se de um Centro de Usinagem Vertical ROMI D 800, entregue na presença de diretores e colaboradores, aos representantes da empresa ZHS Indústria e Comércio Ltda., compradora, bem como do BNDES, banco que financiou a compra do equipamento.

Durante a cerimônia, o diretor-presidente da Romi, Livaldo Aguiar dos Santos, falou aos presentes sobre a importância dos princípios empresariais na condução dos negócios da Companhia. Para ele, “o crescimento da Romi está diretamente relacionado a um sólido e ético conjunto de valores, baseado em princípios empresariais que se aliam à criatividade e à inovação para formar conceitos fundamentais que regem nosso dia-a-dia”.

Santos ressalta ainda a importância das pessoas, que, como fonte constante de geração de ideias, motivam investimentos permanentes em capacitação, treinamento e qualificação profissional. “Nestes 80 anos, passaram pela Romi mais de 25 mil colaboradores, muitos dos quais com 30, 40 e 50 anos de dedicação, e hoje nos transformamos em 2.800 colaboradores, atuando no Brasil, Itália, Alemanha, Inglaterra, França, Espanha e EUA, compartilhando uma única cultura voltada para a inovação e qualidade”, completa Santos.

Presente no mercado internacional desde 1944, a Romi é a maior fabricante brasileira de máquinas-ferramenta (tornos e centros de usinagem) e máquinas para plásticos (injetoras e sopradoras), Suas instalações totalizam mais de 140 mil metros quadrados de área construída, distribuídos em nove plantas localizadas nas cidades de Santa Bárbara d’Oeste, SP – sede da empresa -, Grugliasco e Pont Canavese, na região de Turim, Itália. Além disso, a empresa mantém subsidiárias comerciais nos Estados Unidos, Alemanha, Reino Unido, Espanha e França, e produtos e serviços presentes em mais de 60 países.

Fonte: Indústrias Romi

ROMI exibe sopradora para PET na FISPAL

17/06/2010

A Romi levou à FISPAL 2010, a sopradora ROMI PET 230, destinada à fabricação de garrafas ou frascos para as indústrias de: bebidas e refrigerantes, água mineral, óleos comestíveis, molhos, condimentos e produtos de higiene e limpeza. Durante o evento, que aconteceu entre 8 e 11 de junho no Parque Anhembi, o equipamento esteve soprando pré-formas de PET de 17g para garrafas de não carbonatados de até meio litro, com produção estimada de 2.600 garrafas por hora.

Sobre a Sopradora ROMI PET 230 automática com duas cavidades:

Aplicação – Equipamento para sopro de pré-formas com alta produção de frascos e garrafas para linhas de bebidas, cosméticos, limpeza e frascos de uso geral.

Capacidade – produção de frascos e garrafas com capacidade volumétrica de até 3 litros.

Dimensões – Permite moldes de até duas cavidades e de até 3 litros cada.

Diferencial – Equipamentos de alta produtividade, em processo 100% automático, bem compacto em uma construção monobloco, muito robusta e precisa.

Fonte:  Indústrias ROMI

Na Feira Mecânica 2010, Romi apresenta injetora para pré-formas

21/05/2010

Em uma área do seu estande de 696m², a Romi mostrará, de ponta a ponta, a produção de embalagens PET, com máquinas para cada uma das etapas do processo, que, além da injeção da pré-forma feita pela ROMI Primax 220H, inclui o sopro da garrafa PET na ROMI PET 230 e a injeção das tampas na ROMI EL 150. “Mostraremos durante o evento a capacidade da Romi em atender, de forma integral, a demanda do mercado de pequenos engarrafadores, aqueles que produzem em torno de 3 a 4 mil embalagens por hora”, informa Hermes Lago, diretor de Comercialização de Máquinas da Romi. Entre os potenciais compradores, ele cita os engarrafadores de água mineral e de produtos de limpeza.

Para o diretor, ter “em casa” todo o processo traz inúmeras vantagens a este público que, hoje, em sua maioria, adquire as pré-formas prontas. O primeiro benefício é a maior flexibilidade obtida ao poder adequar o molde da pré-forma ao processo produtivo e não ter que se adaptar aos padrões das pré-formas prontas no mercado. Além disso, o produtor ganha em economia, rapidez e, principalmente, na garantia e controle da sua produção. “Enxergamos uma lacuna nesse mercado e pretendemos preenchê-la com um equipamento que reúne a qualidade já comprovada da Romi, fabricado no Brasil, e a preços acessíveis para esta faixa de empreendedores”, ressalta Lago.

O processo completo poderá ser conferido no estande da Romi, durante a Feira da Mecânica, entre os dias 11 e 15 de maio de 2010, onde estarão em funcionamento os seguintes equipamentos:

Injetora ROMI EL 150 com Painel de controle e-ONE,  produzindo tampas para garrafas não carbonatadas em ciclos de 5,5 segundos, molde de 32 cavidades, com produção estimada de 21.000 peças/hora.

Injetora ROMI Primax 220H com Painel de controle Controlmaster 10. Produzirá pré-formas de PET 17g em ciclos de 15 segundos, molde de 24 cavidades, 5.760 peças/hor, as quais serão sopradas na ROMI PET 230.

Sopradora ROMI PET 230 automática com 2 cavidades, produzindo pré-formas de PET de 17g para garrafas de não carbonatados até meio litro, em uma produção estimada de 2.600 garrafas por hora.

Sopradora ROMI JAC Compacta 3 TD, produzindo garrafas de 510 ml em PEAD para não carbonatados, cabeçote quádruplo, ciclo de 14 segundos, com uma produção estimada de 2.507 peças/hora.

Fonte: Indústrias ROMI

Romi Sandretto promove “Open House” na Itália

18/11/2009

Nos dias 1º, 2 e 3 de dezembro de 2009 será realizada “Open House” Romi Sandretto em Grugliasco.


O evento, que se realizará no início de dezembro/2009, em Grugliasco, na Itália, é uma importante oportunidade para mostrar aos clientes os resultados da reorganização e o subsequente relançamento da marca Sandretto, bem como suas atividades de produção.

Os clientes poderão conhecer as linhas de montagem e de testes de máquinas, incluindo a nova máquina elétrica “EL Series”, que foi projetada a com a colaboração da Romi e Sandretto.

A gama de máquinas em exposição terá modelos com força de fechamento entre 75 toneladas e 1.500 toneladas. A oportunidade especial será a de conhecer as fases de montagem, demonstradas na construção de uma máquina MEGA HES 3500.

Datas do evento:
Das 9h00 às 18h00

Terça-feira, 1º de dezembro
Quarta-feira, 2 de dezembro
Quinta-feira, 3 de dezembro

Fonte: Indústrias Romi S.A