Posts Tagged ‘Refrigeração’

Grupo Piovan anuncia início das obras da sua nova sede na Ásia

22/07/2021

A cerimônia de assinatura do acordo com o governo local para a construção da nova fábrica do Grupo Piovan na China aconteceu em 15 de julho.

A Piovan está no mercado chinês há mais de vinte anos. A abertura do primeiro escritório comercial em Hong Kong remonta ao ano 2000, enquanto a abertura da primeira unidade de produção foi em 2005 em Zhuhai, na província de Guangdong, e em 2008 em Suzhou, na província de Jiangsu.

A presença da Piovan se expandiu não apenas na China, mas em toda a Ásia, graças a uma ampla rede de empresas de serviços e vendas.

A decisão de investir na construção de uma nova fábrica confirma mais uma vez a estratégia que o Grupo vem seguindo há anos: investir no desenvolvimento de uma rede estruturada internacional com filiais diretas para estar sempre ao lado dos seus clientes em todo o mundo, desde as vendas até os serviços pós-venda.

A nova fábrica do Grupo Piovan será construída na cidade de Suzhou, na província de Jiangsu, China. Terá uma área de dez mil metros quadrados e será dedicado ao projeto e produção de sistemas completos de automação para o tratamento de plásticos, pós alimentícios e soluções de refrigeração.

O novo site em Suzhou será a sede de referência para todas as filiais do Grupo na região asiática, incluindo Piovan Thailand em Bangkok, Piovan Vietnam em Ho Chi Minh City, Piovan Japan em Kobe e ToBa PNC em Seul, Coreia do Sul.

“O novo edifício será projetado de acordo com os melhores padrões internacionais”, disse Flavio Zaghini, Gerente Geral da Piovan China. “Ela terá escritórios, laboratórios de tecnologia para testes, showrooms, armazéns, uma área de produção projetada de acordo com metodologias enxutas e – muito importante – o novo departamento de P&D dedicado ao desenvolvimento de tecnologias inovadoras. ”

Curta nossa página no

Furgões refrigerados Ibiporã utilizam poliuretanos da Dow na entrega de vacinas contra Covid-19

03/07/2021

  • Estrutura logística para distribuição das vacinas em todo o território nacional conta com os furgões Ibiporã
  • A Ibiporã produz atualmente cerca de 1.800 furgões refrigerados por ano e é parceira da Dow na área de Poliuretanos.
  • No início do ano, a fabricante de furgões foi contratada pelas empresas vencedoras da licitação para realizar o transporte das vacinas contra a Covid-19, em todo o país.
  • Vacinas podem ser movimentadas com segurança para enfrentar os desafios relacionados ao extremo calor e às variadas condições climáticas de cada região brasileira.
  • Até o momento, a Ibiporã já fabricou 88 furgões especificamente para esse destino. Com previsão de mais de 50 a 80 a serem produzidos até o final do ano.

O transporte seguro das vacinas contra o novo coronavírus é peça-chave para o sucesso no combate à pandemia. Embora a malha aeroportuária atenda às grandes capitais e cidades importantes do interior, o transporte rodoviário – o modal mais usado no Brasil – representa um dos maiores desafios nessa logística. Enquanto aeronaves possibilitam a chegada dos lotes de vacinas aos principais centros para a distribuição regional, a entrega para os mais de 5.570 municípios brasileiros é realizada por via terrestre. Essa distribuição, delicada e regulamentada por rígidas normas técnicas de refrigeração, representa um desafio ainda maior, principalmente porque algumas marcas de vacinas precisam ser transportadas em temperaturas muito baixas e por grandes deslocamentos.

Para atender a essa demanda, a Ibiporã, fabricante nacional especializada em furgões refrigerados, foi escolhida como parceira fornecedora de carrocerias refrigeradas às transportadoras vencedoras da licitação para a distribuição das vacinas contra Covid-19, em todo o território brasileiro Com 28 anos de mercado e sediada na cidade de mesmo nome, no Paraná, a Ibiporã atende a grandes marcas da indústria alimentícia, no Brasil e no exterior, e já produziu até o momento 88 furgões especificamente para o transporte de vacinas contra o novo coronavírus. Com previsão de mais de 50 a 80 a serem produzidos até o final do ano.

A tecnologia empregada na produção desses furgões é fornecida pela área de Poliuretanos da Dow, responsável pelo desenvolvimento de soluções para atender aos rígidos parâmetros do mercado de transporte refrigerado. O uso da tecnologia em poliuretano, um dos materiais mais versáteis da indústria plástica, permite a criação de soluções especiais em aplicações para a chamada cadeia do frio – processos que incluem ciclos de manutenção, armazenamento, transporte, condições e garantia de conservação de produtos congelados e refrigerados. “A versatilidade de nossas soluções para espumas de poliuretano possibilita excelentes propriedades de isolamento térmico, força estrutural e aderência, fazendo com que sejam ideais para aumentar a eficiência energética de todos os processos da cadeia do frio, reduzir custos de operação e preencher cavidades e estruturas de diversos formatos, beneficiando a refrigeração durante o transporte e armazenamento de diferentes produtos, incluido as vacinas contra a Covid-19”, explica Edilson Machado, diretor de Marketing do negócio de Poliuretanos da Dow.

Além desses benefícios e de atender às adequações regulatórias, normas e protocolos desse mercado, a parceria entre a Dow e a Ibiporã resulta na utilização de materiais isentos de gases que afetam a camada de ozônio e potencializam o efeito estufa. A produção dos furgões refrigerados para o transporte de vacinas integra o Programa Brasileiro de Eliminação dos HCFCs (hidroclorofluorcarbonos), apoiado pelo PNUD, Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, em atendimento ao Protocolo de Montreal. Pactuado em 1987, e da qual o Brasil é signatário, o acordo global busca a diminuição do uso de substâncias que afetam a camada de ozônio. Por meio desses programas, empresas brasileiras do setor de espuma e de refrigeração são apoiadas na conversão de seus processos produtivos para outras substâncias alternativas, como os HFOs, estruturas químicas de vida curtíssima na atmosfera, reduzindo consideravelmente impactos ambientais. A Ibiporã finalizou esse processo de conversão industrial em julho de 2019, saindo na frente das demais empresas, que finalizaram o processo no final do mesmo ano e o no início do ano seguinte.

Parceria no combate a Covid-19

Ricardo Gabriel, gerente comercial da Ibiporã, conta que desde o início dos testes das vacinas, no Brasil, a empresa vinha sendo procurada por parceiros especializados em transporte de medicamentos, atentos à demanda por uma distribuição eficiente e segura das vacinas contra a Covid-19. “Sem a tecnologia de refrigeração com o uso de poliuretano na construção dos furgões, não seria possível levar a vacina para todos os cantos do Brasil, onde a extensão territorial é um desafio, bem como condições climáticas de extremo calor. Acompanhar nossos furgões sendo carregados com milhões de doses de vacinas para distribuição em todos os recantos do país nos deixa honrados e cientes de nossa responsabilidade nessa frente em prol da proteção da população brasileira, ao mesmo tempo em que cumprimos nossa missão por meio de materiais que não agridem a camada de ozônio”, enfatiza o executivo.

Para Edilson Machado, da Dow, a parceria com a Ibiporã integra um conjunto de ações que reúne as diferentes frentes de negócios da companhia em busca de soluções para a mitigação dos impactos da Covid-19, no Brasil. “Diversas ações têm sido realizadas desde janeiro de 2020, quando a pandemia dava seus primeiros sinais, em todo o mundo. Entre elas, a doação de tecnologia de espumas para a produção de colchões para hospitais de campanha, no ano passado. Por meio da parceria com nossos clientes, materializamos nossa crença em colaboração para a busca de soluções conjuntas e que auxiliem as comunidades em que estamos inseridos”, finaliza.

Curta nossa página no

Mecalor triplica espaço da fábrica em 2021

15/04/2021

CEO da Mecalor, János Szegö

Empresa quer aumentar seu market share no segmento de periféricos

Previsões para o aumento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2021 apontam para a retomada da economia, impulsionada pelo crescimento do PIB industrial. Esse desempenho é um alento se comparado com 2020, que foi prejudicado pela pandemia da Covid-19.

De olho nas projeções positivas de 2021 , a Mecalor planeja aumentar seu market share e ao mesmo tempo fortalecer a participação em alguns segmentos, como o de HVAC (ar-condicionado de precisão). A empresa prepara uma grande transformação que vai movimentar em 2021 o mercado de equipamentos periféricos voltados para soluções de engenharia térmica.

A empresa anunciou a ampliação da área industrial com o objetivo de triplicar a fabricação de chillers e outras máquinas. O plano é terminar as obras até novembro deste ano. Desde 2017, a direção da empresa pensa nessa expansão da fábrica devido ao rápido crescimento das linhas de produção. “Estamos olhando para dez a 15 anos à frente, por isso demos continuidade ao projeto”, ressaltou János Szegö, CEO da Mecalor.

Linha Presys-Klima

Instalada no Parque Novo Mundo, bairro da zona norte de São Paulo, a fábrica vai ganhar uma área nova para produção de chillers e outras máquinas. A empresa começou a preparar o lançamento da linha Presys-Klima, que são equipamentos mais sofisticados, voltados para o mercado de ar-condicionado de precisão (HVCA) para Datacenter.

“Contaremos com uma linha completa desses chillers, projetada do zero. Serão cinco famílias de produtos. Já terminamos a reformulação e começamos a oferecer esses novos equipamentos para o segmento de ar-condicionado de precisão”, disse o CEO.

Segundo ele, há boas perspectivas também para a comercialização dos chillers de grande porte. Esses equipamentos são específicos para o mercado de HVAC, usados para aplicações em vários segmentos, como hotéis, shoppings, empresas grandes, supermercados e outras edificações.

Com a expansão da fábrica, a Mecalor vai construir ainda dois laboratórios de ensaios e estudos. Um deles irá simular o desempenho dos equipamentos novos. “Poderemos provar para os clientes que nossas máquinas fazem o que falamos”, afirmou Szegö. O outro laboratório vai conduzir testes em chillers.

Curta nossa página no

Mecalor completa 60 anos com expectativa de crescimento

12/11/2020

János Szegö, CEO da Mecalor

A pandemia do Covid-19 impôs novos paradigmas aos indivíduos, governos e empresas em todo o mundo. As novas formas de convivência exigiram mudanças e adaptações. Poucas empresas entenderam a urgência do momento e conseguiram se transformar e se adaptar para enfrentar as duas crises gêmeas: a crise econômica e a crise sanitária.

Acostumada a enfrentar e vencer dificuldades, a Mecalor chega aos seus 60 anos como uma empresa vitoriosa também no que diz respeito às novas adversidades vividas ao longo deste ano. No início de março, quando foi decretada a pandemia e a quarentena no país, a empresa rapidamente reorganizou a produção e colocou cerca de 100 funcionários em regime de trabalho de home office. Embora afetada pela brutal queda da demanda, manteve a produtividade e a qualidade dos serviços de atendimento.

A cíclica instabilidade da economia brasileira, combinada aos diversos planos econômicos, marcou a trajetória da empresa. Essa característica de superação está, contudo, no DNA da companhia. Nasceu com o fundador, o engenheiro húngaro Sándor Szegö, que deixou o seu país em 1956 em busca de um futuro melhor no Brasil. Em 1960, ele abriu uma pequena loja no centro de São Paulo para consertos de eletrodomésticos. A partir de pedidos dos clientes, que sentiam falta de novos produtos no mercado, iniciou a fabricação de equipamentos de refrigeração.

Liderança de Mercado

Desde então, a empresa vem crescendo ininterruptamente e, em pouco tempo, consolidou a marca como sinônimo de qualidade e tecnologia. Há 30 anos, o engenheiro e executivo János Szegö (foto), filho do fundador, atua como CEO da empresa. Foi na sua gestão que a empresa conquistou a liderança de mercado, desenvolvendo equipamentos periféricos e soluções de engenharia térmica para diversos setores da indústria. Hoje, segundo a Mecalor, são cerca de 20 mil chillers instalados no Brasil e no exterior, com uma produção mensal de 150 equipamentos, mais da metade sob demanda. A empresa produz para os segmentos hospitalar, plástico, alimentício, farmacêutico, de datacenters, ar condicionados industriais e automobilístico.

As crises na economia não impediram um desempenho acima da média do mercado. Entre 2004 a 2014, a Mecalor registrou um crescimento de 20%. De 2014 a 2016, segundo a empresa, apresentou um incremento de 5%, mesmo quando todo o mercado caía 30%.

Um bem sucedido projeto de exportação, iniciado há dez anos como alternativa à retração da demanda interna, tornou-a um importante exportador de chillers para as Américas do Sul e Central, resultando na abertura de uma filial no México em 2019, com o objetivo de atender melhor o mercado local e de olho nas vendas para os Estados Unidos.

A pandemia do coronavírus diminuiu o ritmo, mas não interrompeu a expectativa de crescimento. A Mecalor afirma que vai continuar mais uma etapa do seu projeto de expansão ainda este ano: a construção de um prédio novo, ampliação da fábrica e aumento na produção de chillers.

Curta nossa página no

Grupo Piovan adquire 100% do capital social da Doteco Spa

07/10/2020

06 de Outubro de 2020 – O Grupo Piovan, empresa global com atuação no desenvolvimento e produção de sistemas de automação de processos para armazenagem, transporte e tratamento de plásticos, polímeros e pós alimentícios, listado no segmento Star da Bolsa de Valores Italiana, anunciou a assinatura do acordo de aquisição de 100% do capital social da Doteco SpA.

Fundada em 1994, a Doteco SpA, tem sede em Modena, na Itália, e é uma das líderes mundiais em tecnologias para dosagem de filmes plásticos (para embalagens alimentícias e não alimentícias) e fibras sintéticas. A empresa fechou 2019 com um volume de negócios consolidado em € 19.7 milhões de Euros e um Ebitda consolidado em € 3.4 milhões de Euros. A Doteco atua internacionalmente e tem, entre seus parceiros, os principais produtores de equipamentos de extrusão a nível mundial.

“A aquisição da Doteco fortalece e aumenta a liderança tecnológica mundial da Piovan, consolidando o processo de crescimento estratégico que sempre distinguiu o Grupo Piovan” declara Nicola Piovan, Presidente Executivo do Grupo Piovan.

“Com esta integração, destaca Filippo Zuppichin, CEO do Grupo Piovan, podemos combinar as tecnologias de dosagem para filmes da Doteco com a automação em alimentação e armazenamento da Piovan, tornando-nos líderes no fornecimento de plantas completas neste campo e conquistando novos clientes em um setor que, em virtude das crescentes melhorias necessárias em termos sanitários e de higiene, cada vez mais mandatórias, está se tornando estratégico na embalagem de alimentos”.

Curta nossa página no

Mecalor expõe chillers compactos na Expo Guadalajara

18/03/2020

A Mecalor levou para a Expo Guadalajara, prestigiada feira do setor de plástico no México, um conjunto de equipamentos de ponta para atender aos fabricantes de máquinas de injeção da indústria de transformação. O evento mobilizou grandes empresas do segmento na região, importante centro industrial mexicano.

Há um ano com atuação própria no México, a empresa vem cumprindo suas metas comerciais e já está presente em todo o país, com um time de vendas e pós-vendas, além de estoque próprio para atender à demanda do setor por chillers. A indústria da transformação de plástico é o principal segmento da Mecalor nessa primeira fase de expansão no México.

“A participação em feiras como a Expo Guadalajara é fundamental para a divulgação da marca no mercado mexicano. Ainda mais nessa região, onde estamos iniciando as vendas dos nossos chillers”, afirmou Flávio Pereira, gerente de exportação da Mecalor. A empresa é líder no Brasil em soluções de engenharia térmica e fabrica chillers e outros equipamentos periféricos para a indústria de plástico.

Na Expo Guadalajara foram mostrados modelos compactos de equipamentos para o mercado de injeção: Termochiller DUO, Termorregulador e um chiller pequeno, além do DryCooler. “Esses chillers têm uma boa receptividade pelo mercado local”, comenta Pereira. O Drycooler é uma máquina da linha de água industrial sustentável, com menos consumo energético e de água.

O México é estratégico no projeto de expansão da Mecalor no mercado internacional, em especial na América Latina. Embora o cenário internacional ainda seja de retração econômica, a empresa manteve suas metas nesse primeiro ano, o que abre possibilidade para a fabricação local e vendas no mercado dos Estados Unidos.

Curta nossa página no

Mecalor expõe seus produtos para refrigeração industrial na Feira K 2019

27/09/2019

Dando continuidade ao seu processo de internacionalização, a Mecalor estará expondo na Feira K 2019, em Düsseldorf, pela terceira vez consecutiva. O evento é considerado como o mais importante para a indústria de transformação de plásticos do mundo. “Os nossos produtos têm recebido uma excelente aceitação em mercados exigentes, como europeu e norte-americano, o que tem motivado cada vez mais a expansão da atuação da empresa pelo mundo”, afirmou Marcelo Zimmaro, diretor comercial. Para ele, esse ano a feira terá um sabor especial por causa da inauguração em maio da planta do México, localizada na cidade de Querétaro. “Passamos a atender de maneira especial aos clientes da América Latina”, ressaltou.

Para o stand E15 do hall 10, a Mecalor vai levar uma unidade de água gelada (chiller) compacta de alta eficiência, com recursos de última geração. A escolha do chiller para esta feira é porque, além de ser o produto “carro-chefe”, é também aquele que tem um uso mais abrangente, podendo ser aplicado no resfriamento com água gelada nos mais variados processos de transformação, por exemplo injeção, sopro, extrusão, termoformagem e também flexografia.

O equipamento é da linha Compact Chiller MAS e produzido em estrutura de aço inoxidável AISI 304, contndo com condensadores microcanal de alumínio com proteção anticorrosiva e-coating, bomba de água Grundfos de aço inoxidável, controle de capacidade por inversor de frequência para economia de energia e fluido ecológico R-410A que não agride a camada de ozônio, afirma a empresa.

Além disso, alinhado com as tendências da indústria 4.0, será apresentado o sistema de controle Smart Connect, que disponibiliza uma série de informações provenientes dos sensores distribuídos no equipamento, diz a Mecalor. Estas informações disponíveis na SmartConnect podem ser utilizadas para comunicação com as máquinas injetoras, sopradoras, extrusoras e podem servir para monitoramento via web e assistência técnica à distância, informa a empresa.

Curta nossa página no

Inovação e sustentabilidade são temas centrais do Grupo Piovan para a K 2019

31/08/2019

Em meados de outubro, a exposição internacional mais importante do mercado mundial do plástico – Feira K 2019 – abrirá suas portas entre os dias 16 e 23. Mais de 3.000 expositores de mais de 60 países irão se reunir nos pavilhões do centro de exposições de Düsseldorf para receber aproximadamente 200.000 visitantes de todo o mundo.

O Grupo Piovan estará expondo na K 2019 – no stand 9B60 – com suas marcas, Piovan, Aquatech, Fdm e Penta. Uma variedade de soluções turnkey de alta tecnologia, estarão em exposição: desde sistemas de secagem a controladores de temperatura; de rastreabilidade de matérias-primas a soluções completas para a indústria 4.0. No entanto, a feira não abordará apenas o desenvolvimento tecnológico de produtos, mas uma atenção especial também será dedicada a temas essenciais como Sustentabilidade, Indústria 4.0, Rastreabilidade e Integração de Sistemas.

Foco na Inovação

A Piovan sempre investiu recursos em inovação e hoje o Grupo emprega ao redor de 171 especialistas em P&D e engenheiros especializados, capazes de avaliar as necessidades do cliente, com base nos conhecimentos adquiridos ao longo dos anos.

Soluções integradas e eficientes para tratamento de PET e manuseio de materiais reciclados

Na K 2019, a Piovan fará o lançamento mundial da nova linha Genesys. Segundo a empresa, este sistema de desumidificação distingue-se pela sua tecnologia auto-adaptativa, que agora foi otimizada para o tratamento de PET reciclado. A Piovan afirma que o seu novo desumidificador pode gerenciar automaticamente o processo de secagem, atuando em todos os parâmetros críticos: desde a vazão do ar de processo até o valor do ponto de orvalho, o tempo de residência e a temperatura, mantendo o processo em condições ideais de operação, mesmo quando há variação da produção horária e das condições iniciais de temperatura e umidade do granulado plástico. A empresa informa que, além destes controles, foram introduzidas outras inovações de última geração, que incluem um controle mais intuitivo e melhor eficiência na auto-regulação.

Segundo a Piovan, outras melhorias significativas também foram introduzidas na função AIPC (Automatic Injection Pressure Control – Controle Automático da Pressão de Injeção) com o objetivo de garantir o menor custo de produção de cada preforma, não apenas considerando o consumo de energia, mas em termos de otimização de todo processo produtivo das preformas, com melhor qualidade do produto final e redução de descartes.

Ainda sobre às soluções para PET, os visitantes poderão apreciar a nova gama de equipamentos para análise da qualidade da preforma, com interface amigável. Estes equipamentos medem de maneira simples e intuitiva os parâmetros mais importantes, como o nível de acetaldeído das preformas.

Dosagem precisa

A Fdm, empresa do Grupo com sede em Troisdorf (Alemanha), especializada na produção de soluções para aplicações em extrusão, também apresentará novas tecnologias de dosagem na K 2019 como o GDS 5, o novo misturador gravimétrico da linha GDS, com PLC Siemens, que foi otimizado para permitir a montagem de até 5 estações de dosagem, mantendo as dimensões compactas do equipamento.

Transporte de materiais com Penta e Piovan

A Penta, empresa do Grupo que projeta e fabrica grandes sistemas para armazenamento, transporte e dosagem de materiais em pó ou grãos, apresentará as mais recentes inovações em manuseio de aditivos no setor de compostos para a produção de tubos e cabos. Na feira, os visitantes poderão ver o Vakupulse em operação. Segundo a Piovan, o Vakupulse é um sistema particularmente adequado para o transporte de matérias-primas delicadas em fase densa, a baixas velocidade e vazões, em curtas distâncias.

Estará em exposição na K2019, pela primeira vez, uma estação manual de acoplamento equipada com a tecnologia RFID (Radio Frequency Identification – Identificação por Radio Frequência). Segundo a Piovan, Este sistema permite verificar se a combinação entre fontes e destinos estão corretas. Se detectar um erro, o sistema de transporte não ativa o ciclo de carga, evitando assim qualquer risco de erro ou contaminação entre os diferentes tipos de materiais. A unidade permite conectar os tubos de maneira simples e fácil, com apenas uma das mãos, afirma a empresa. É também livre de juntas para evitar contaminação, garantindo que os grânulos plásticos tenham contato somente com o aço inoxidável. Um sistema de LEDs, que mudam de cor conforme as tubulações são acopladas, guiam o operador, permitindo que as conexões sejam verificadas instantaneamente, complementa a Piovan.

Aplicações na área médica

Na exposição, a Piovan também apresentará importantes inovações para o setor médico: segundo a empresa, ocorrerá durante a feira o lançamento de um microdosador capaz de alimentar as máquinas com um único grão de cada vez, mantendo a alta precisão para atender às demandas que vêm especialmente de setores altamente técnicos, como microdosagem médica e micromoldagem de precisão.

Para completar a gama para o setor médico, a linha conta com equipamentos adequados para uso em salas limpas, como o alimentador sem filtro Pureflo, que, segundo a Piovan, não requer ar comprimido ou manutenção e o desumidificador da Série DPA, livre de emissões.

Soluções em Refrigeração

A Aquatech, empresa do Grupo dedicada a tecnologias de resfriamento industrial e controle de temperatura, estará no centro das atenções com muitos produtos inovadores em exposição: desde unidades de controle de temperatura até os novos dry coolers adiabáticos.

A unidade de Controle de Temperatura para Moldes da linha Easytherm recebeu uma nova versão pressurizada, ampliando a gama de aplicações. Ainda na área dedicada à refrigeração industrial, outras inovações interessantes estarão em destaque, tais como o DigitempEvo, um termochiller refrigerado a água com baixos níveis de consumo de energia e alto desempenho, segundo informações da Piovan.

Destaque especial também para a linha de chillers Easycool+, uma linha de chillers compactos que foi concebida e projetada para atender a requisitos específicos de resfriamento de processos industriais.

Sustentabilidade e Economia Circular

A Piovan desenvolve tecnologias e soluções que contribuem para aumentar o uso de materiais reciclados, permitindo que uma gama de produtos seja produzida com a utilização de PET pós-consumo como matéria-prima, por exemplo. Desde 2006 a Piovan tem desenvolvido tecnologias que dão vida nova aos materiais reciclados, transformando-os novamente em garrafas. De uma maneira geral, a decisão de investir em soluções eficientes resultou na redução do consumo de energia e das emissões de CO2 relacionadas com o processamento de plásticos.

Indústria 4.0

A Piovan continua ampliando a gama de recursos oferecidos pelo Software de Supervisão Winfactory 4.0. Uma das novas funcionalidades deste software inclui um módulo de monitoramento da eficiência energética, e também com possibilidade de monitorar e analisar os sistemas de controle de temperatura com a tecnologia Aquatech.

Dados, contexto, Interação (DCI) e Interconexão Digital ao longo de todo o processo são as diretrizes da indústria 4.0 que nortearam o desenvolvimento do MTS, o novo sistema de rastreamento de material. Segundo a Piovan, o MTS consiste em um terminal de código de barras capaz de ler os códigos de barras para identificação dos usuários, materiais e lotes de produção. Este sistema orienta o operador no gerenciamento, otimização e armazenamento de materiais, identificando o fluxo dos diferentes lotes desde a fase inicial até o produto acabado.

Um grupo em crescimento

O Grupo Piovan apresentou um crescimento significativo nos últimos anos, seguindo uma trajetória que começou há cerca de dez anos e que o levou a se tornar um grupo internacional em contínua expansão. O Grupo fechou o ano de 2018 com um faturamento de € 246 milhões (mais de 15% em relação ao ano anterior), e em outubro passou a integrar a listagem da Bolsa de Milão, fazendo do ano de 2018 um grande marco para o Grupo. Uma empresa listada na Bolsa, confere ao Grupo um alto perfil internacional, maior visibilidade junto aos principais clientes, atrai novos talentos para a empresa e permite que o Grupo mantenha sua estratégia de crescimento e governança futura.

O primeiro semestre de 2019 também foi muito intenso com a abertura de novas filiais, como a Piovan Marrocos, e a aquisição de novas empresas: Toba, uma empresa sul-coreana líder na automação de processos industriais para o setor de plásticos e particularmente na produção de sistemas de transporte e armazenamento de plástico no formato de pó; e a Fea Process & Technological Plants, uma empresa italiana com sede em Cuneo, na região de Piemonte, especializada em automação para a indústria alimentícia e sistemas de dosagem e transporte para líquidos e pastosos.

Uma nova identidade Corporativa para o Grupo

No início de 2019, foi lançada a nova identidade corporativa do Grupo para comunicar de forma ainda mais efetiva a idéia da Piovan como um grupo internacional, formado por várias empresas que compartilham um denominador comum: a atenção com clientes e pessoal, seguindo os três pilares que distinguem o grupo: Clientes, Pessoas e Inovação. O novo logo do Grupo Piovan é caracterizado por um pictograma com três círculos que expressam os valores do Grupo, as áreas de negócios e os pontos fortes:
– 3 valores: Clientes. Pessoas. Inovação
– 3 áreas de negócios: Plásticos. Alimentos. Refrigeração
– 3 forças: Presença Mundial. Serviços. Equipe

A nova identidade corporativa destaca uma reestilização da imagem gráfica. Uma imagem gráfica que visa reunir todas as empresas do grupo dentro de uma mesma visão. Piovan, Una-Dyn, Fdm, Aquatech, Penta, Progema e Energys: todas adotam o mesmo estilo gráfico e o novo pay-off “Piovan Group” para ressaltar que todas as empresas pertencem a um único grupo.

Curta nossa página no

Piovan anuncia Nova Sede na América do Norte

06/09/2018

A Universal Dynamics, Inc., uma das empresas do Grupo Piovan, finalizou sua mudança de Woodbridge para Fredericksburg Virginia, Estados Unidos em julho de 2018. Uma estrutura recém-construída com área de 10.000m², que foi projetada sob o conceito do “lean manufacturing”, permitirá que a empresa dobre sua capacidade produtiva.

A nova instalação também será a nova sede do Grupo Piovan na América do Norte.

Equipamentos para armazenamento, transporte, dosagem, desumidificação e granulação, juntamente com os softwares de supervisão, estão sendo produzidos pela nova fábrica.

Em 2019, a nova fábrica de Fredericksburg também se tornará um centro de fabricação de equipamentos para refrigeração da Aquatech, hoje importados da Aquatech Itália, que é a empresa do Grupo Piovan que fornece soluções em refrigeração industrial e sistemas de controle de temperatura.

Com a produção da Aquatech, a Universal Dynamics se tornará o primeiro fabricante de Dry Coolers Adiabáticos de alta eficiência no Estados Unidos.

O evento de inauguração será realizado no dia 04 de outubro de 2018, e contará com a presença dos principais líderes do setor, vindos dos Estados Unidos, Canadá e México. O evento inclui demonstrações ao vivo das novas tecnologias com visitas guiadas à fábrica, assim como a cerimônia oficial do corte da fita.

O Grupo Piovan é líder mundial no fornecimento de equipamentos auxiliares e serviços para vários segmentos de mercado. Ao longo dos últimos quinze anos, a empresa tem se tornado uma organização multinacional com 07 fábricas, 26 filiais de vendas e serviços, uma rede internacional de distribuidores em mais de 70 países e uma força de trabalho com 998 colaboradores no mundo. As empresas do Grupo Piovan são Universal Dynamics (EUA), Fdm (Alemanha), Aquatech (Itália), Penta (Itália), Progema (Itália), Energys (Itália).

Fonte: Piovan

Curta nossa página no

Piovan destaca modernos dosadores gravimétricos e a nova linha de chillers compactos da Aquatech

13/07/2018

O destaque no estande da Piovan na Interplast será a solução de dosagem e mistura Quantum, a nova geração de dosadores gravimétricos por batch de alta precisão. De acordo com a Piovan, o Quantum é uma linha compacta, flexível e fabricada em aço inox, tendo sido patenteado pela empresa. A solução diferencia-se pela homogeneidade, troca rápida de material e simplificação das operações de limpeza, afirma a empresa, destacando que o Quantum é imune a vibrações e foi fabricado para suportar as possíveis vibrações provenientes das máquinas transformadoras, garantindo precisão da mistura, mesmo sob condições extremas. Com capacidade de produção de 70 a 800 kg/h, o Quantum oferece a mais recente tecnologia, eficiência energética e operacional em dosagem e mistura, garante o fabricante.

Outro destaque no campo da refrigeração industrial é a Slim, a nova geração de chillers da Aquatech, que, segundo a Piovan, combina capacidade de refrigeração, tamanhos reduzidos e elevada eficiência energética. Condensados a ar ou água e capacidade de refrigeração até 85.000 kcal/h, a linha Slim possui dois circuitos frigoríficos independentes, condensadores micro canal e bombas de alto rendimento. De acordo com o fabricante, a construção robusta, 100% em aço galvanizado, permite instalação em ambiente externo e atende a todos os requisitos de aplicação industrial.

Além dessas linhas em destaque, outras soluções e sistemas para manuseio, transporte e desumidificação de materiais também serão expostos. A linha completa de produtos abrange soluções para alimentação e transporte, secagem e desumidificação, dosagem e mistura, granulação, controle de temperatura, refrigeração de processos industriais, softwares de supervisão para controle da planta e instrumentação de análise. As soluções são aplicáveis a diferentes indústrias como preformas e garrafas PET, embalagens rígidas, peças automotivas, peças técnicas, soluções médicas, termoformagem e chapas técnicas, filmes flexíveis, tubos, perfis e cabos, fibras e cintas, reciclagem e compostos.

O Grupo Piovan atua no mercado plástico desde 1964, e se estabeleceu no Brasil em 1982. Ao longo os anos especializou-se em tecnologia para equipamentos auxiliares para os mais diversos processos de transformação de polímeros. No campo da refrigeração industrial, a Aquatech é a empresa do grupo especializada em soluções e sistemas industriais de arrefecimento para a indústria do plástico, alimentos e bebidas. Oferece equipamentos como chillers, dry coolers, termochillers, soluções integradas, grupos de bombeamento, além de acessórios e softwares. Nos últimos anos, a empresa tornou-se uma organização multinacional com sete fábricas na Itália, Brasil, Estados Unidos, Alemanha e China, 26 filiais e representantes em mais de 70 países.

Fonte: Messe Brasil

Curta nossa página no

Piovan apresenta novidades na Plastico Brasil

23/03/2017

A Piovan participa da Feira Plástico Brasil apresentando uma série de novidades. Entre elas o Easylink, a nova linha de estações de acoplamento automático para alimentação centralizada. O equipamento  oferece transporte automático da matéria prima plástica de forma eficiente e econômica, afirma a empresa.  As estações automáticas de acoplamento Easylink são totalmente construídas com tubos rígidos e componentes revestidos de cerâmica que garantem melhor desempenho, resistência ao desgaste e ausência de contaminação, assegura a Piovan. São projetadas para pequenas ou grandes capacidades de transporte. Com design vertical compacto, ocupa uma área bem pequena mesmo para o maior range (60 posições de entrada e saída).

No campo de dosagem a empresa está apresentando o Quantum, da nova geração de dosadores gravimétricos de precisão. Quantum é um misturador gravimétrico por batch, compacto e flexível. A fabricação é em aço inoxidável e, segundo a Piovan, oferece dosagem precisa, boa homogeneidade, troca rápida de material e operações de limpeza  simplificadas. Imune às vibrações, o Quantum foi projetado para suportar possíveis vibrações provenientes das máquinas transformadores, garantindo precisão da mistura, mesmo sob condições extremas, afirma a empresa. Com capacidade de produção entre 70 e 800 kg/h e projeto patenteado, representa um passo adiante em termos de tecnologia, eficiência energética e operacional em dosagem e mistura.

Umas das principais inovações, lançada na feira K em Outubro passado, será apresentada em primeira mão ao mercado Brasileiro: o Winfactory 4.0, um software de supervisão da Piovan para “smart factory”. Trata-se de um novo aplicativo preparado para a “Indústria 4.0”; um conjunto de procedimentos e tecnologias que faz a integração digital entre as estruturas de produção, distribuição e informação. A Piovan implantou este conceito com a evolução de seu software de controle e gestão de processos, criando redes de comunicação com capacidade de troca que permitem conexões entre as diversas partes do ecossistema tecnológico. Winfactory 4.0 é a solução da Piovan para evolução da indústria de transformação de plásticos.

No campo de refrigeração, Aquatech, empresa do Grupo Piovan dedicada à refrigeração de processos industriais, apresenta seus mais recentes desenvolvimentos e soluções de alta eficiência energética. Em destaque, a solução Flexcool, que oferece redução dos ciclos da máquina transformadora, composta pelo Aryacool, um dry cooler que é uma alternativa eficaz para as torres de refrigeração.  O Aryacool oferece inúmeras vantagens para o processo de resfriamento de água industrial. Com um processo inteligente através do resfriamento da água em circuito fechado, mantêm a limpeza da água de processo, sem desperdícios e reduz os custos operacionais, afirma a empresa; o termorefrigerador Digitempl integra funções de aquecimento, resfriamento e free-cooling. Com duas saídas independentes e temperaturas entre 6°C a 90°C, com condensação por água, estão disponíveis na versão mono e duplo circuito.

Outro destaque é a Slim, a nova linha de chillers compactos adequados para aplicações ao lado da máquina. Os chillers da série Slim combinam alta capacidade de refrigeração e tamanhos reduzidos com alta eficiência energética, afirma a empresa.

Fonte: Piovan

Curta nossa página no

Piovan exibe novidades em equipamentos para transformação de polímeros na Interplast 2016

10/07/2016

Piovan_Interplast

Durante a feira,  a Piovan dará destaque aos equipamentos da linha de Refrigeração da Aquatech e novidades na linha de alimentação e transportes.

A Aquatech – nova empresa do Grupo estabelecida no ano passado, focalizada totalmente na Refrigeração Industrial – apresentará o SLIM, da nova linha de Chillers. Segundo a Piovan, o equipamento possui alta eficiência energética, com capacidade de refrigeração até 49.900 kcal/h e gás refrigerante eco-compatível R410a.

Outro destaque será o DigitempL, o novo Termochiller de alto desempenho. De acordo com a empresa, o DigitempL é projetado para oferecer redução de ciclos da injetora ou sopradora e conta com até duas saídas independentes e temperaturas de 6°a 90°C.

Já na área de alimentação e transporte de grãos a novidade é o Pureflo, nova geração de alimentadores sem filtro, com design exclusivo patenteado pela Piovan. O produto elimina a necessidade da manutenção padrão do funil alimentador (limpeza do filtro) e melhora ainda mais a capacidade de transporte de todo o sistema, afirma a Piovan. É ideal para instalação em locais de difícil acesso.

Além dos alimentadores para grãos, a Piovan mostrará o Alimentador da Série FG para resinas em pó, indicado para compostos de PVC com capacidade para até 2.000 kg/h. Os visitantes verão também uma exibição de dosadores volumétricos e gravimétricos, desumidificadores e controladores de temperatura.

O Grupo Piovan atua no mercado plástico desde 1964. No Brasil, estabeleceu-se em 1982, especializando-se ao longo dos anos em tecnologia para equipamentos auxiliares para os mais diversos processos de transformação de polímeros.

A Interplast tem em média 550 marcas expositoras apresentando novidades dos mais variados setores como máquinas, equipamentos, transformadoras, ferramentarias, embalagens, matérias-primas, periféricos, design e serviços. Realizada pelo Simpesc (Sindicato da Indústria de Material Plástico no Estado de Santa Catarina) e organizada pela Messe Brasil, a 9ª edição tem o apoio da Abimaq (Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos), Abiplast (Associação Brasileira da Indústria do Plástico) e Fiesc (Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina). Paralelamente ao evento acontecem a 3ª Euromold Brasil – Feira Mundial de Construtores de Moldes e Ferramentarias, Design e Desenvolvimento de Produtos – o Cintec 2016 Plásticos – Congresso da Inovação Tecnológica e a Rodada de Negócios.

Serviço
Interplast 2016 – Feira e Congresso de Integração da Tecnologia do Plástico – http://www.interplast.com.br
EUROMOLD BRASIL – Feira Mundial de Construtores de Moldes e Ferramentarias, Design e Desenvolvimento de Produtos – http://www.euromoldbrasil.com.br
Data: 16 a 19 de agosto de 2016
Horário: 14 às 21 horas
Local: Expoville – Joinville-SC – Brasil
Organização: Messe Brasil

Fonte: Messe Brasil

Curta nossa página no

Piovan apresenta inovações na tecnologia de processamento de PET durante SAPET em Buenos Aires

13/06/2016

SAPET_PIOVAN

A produção da garrafa PET envolve uma série de processos, que se inicia com a entrega da resina na planta, seguindo com armazenagem, transporte, distribuição, mistura, secagem, injeção e refrigeração. Outro processo muito importante é o armazenamento da preforma ou o estiramento/sopro da garrafa. A evolução nas metodologias e tecnologias para produção de preformas tem levado o desempenho de processo ao limite, a tal ponto que todos esses processos atingiram eficiência física máxima. O controle de processo também evoluiu neste mesmo ritmo, garantindo hoje o mais alto nível de produtividade e qualidade. As mais recentes tendências de desenvolvimento visam melhorar ainda mais a produtividade constante, eficiência operacional e a qualidade do produto.

Dentro deste contexto, a Piovan lançou um novo programa de desenvolvimento tecnológico, iniciado em 2012 e concluído no primeiro semestre de 2015. A Piovan apresentará no SAPET 2016, os resultados destas inovações em tecnologia de processamento de PET, com foco em auto adaptabilidade para processos de secagem e refrigeração.

A Palestra da Piovan, a ser proferida pelo Vice-Presidente da empresa no Brasil, Eng. Ricardo Prado, ocorrerá no dia 14 de junho, às 13:00 hs. no Hotel Panamericano, em Buenos Aires, na Argentina.

O 3o. SAPET (South American PET Markets, Applications & Recycling) é um evento que reúne especialistas, produtores de resinas, transformadores, provedores de equipamentos auxiliares e vários outros profissionais do segmento da Tecnologia de PET. O SAPET é promovido pela CMT (Center for Management Technology), empresa com sede em Cingapura.

Fonte: Piovan / SAPET

Curta nossa página no

Piovan exibe lançamentos na Plastech Brasil e apresenta nova empresa do grupo

06/07/2015

Com sede na Itália, Aquatech torna-se o braço do grupo no segmento de refrigeração industrial

Piovan_DigitempNa expectativa da participação na Plastech Brasil 2015, a Piovan  destacará o Pureflo, a nova geração de alimentadores para grânulos sem filtro, com design exclusivo pantenteado pela própria empresa, que elimina a necessidade da manutenção padrão do funil alimentador (limpeza do filtro) e melhora ainda mais a capacidade de transporte de todo o sistema. É ideal para instalação em locais de difícil acesso.

Mas a grande novidade fica por conta da Aquatech, a nova empresa do Grupo Piovan, que foi criada no início deste ano, focalizando-se totalmente em refrigeração industrial. A Aquatech apresentará o DigitempL (foto), um novo termochiller de alta performance que pode proporcionar redução de  ciclos em injetoras ou sopradoras. Conta com até duas saídas independentes e temperaturas de 6°a 90°C.

“Oferecendo mais opções que possam contribuir com a melhoria de processos dos nossos clientes, apresentamos também a linha de detectores e separadores de metal da alemã S+S, que a Piovan está distribuindo com exclusividade para todo o mercado de transformação de plástico”, revela o vice-presidente da Piovan para América do Sul, Ricardo Prado Santos.

Além das novidades, a exibição também conta com dosadores volumétricos, alimentadores e desumidificadores por ar comprimido.

A sede mundial da Piovan está sediada em Santa Maria di Sala, Veneza, Itália e foi fundada em 1934 como uma empresa metalúrgica. Em 1964 entrou para a indústria do plástico,  especializando-se na fabricação de equipamentos auxiliares. A gama de produtos fornecidos inclui: alimentadores, desumidificadores, cristalizadores, secadores, desumidificadores para moldes, dosadores volumétricos, misturadores gravimétricos por perda de peso, moinhos, termorreguladores, chillers e softwares de supervisão.

A evolução da expertise da Piovan permite operar em diversos setores, tais como pré-formas e garrafas PET, embalagens rígidas, autopeças, artigos técnicos, soluções médicas, chapas termoformadas, filmes flexíveis, cabos, perfis e cintas, reciclagem compostos.

Nos últimos dez anos, a empresa tornou-se uma organização multinacional com fábricas na Itália, Alemanha, Brasil, China e EUA, 23 filiais, representantes em mais de 70 países e 900 colaboradores em todo o mundo.

Fonte: Plastech Brasil

Curta nossa página no

PIOVAN ESPERA CRESCER 15% EM 2013 E APRESENTA SOLUÇÕES EM REFRIGERAÇÃO INDUSTRIAL

22/05/2013

Empresa tem registrado crescimento anual constante, e mostra na Feiplastic lançamentos como o Chiller CA/W, com capacidade de refrigeração de até 326 mil kcal/h

Piovan_feiplasticElementos como refrigeração e dosagem para processos industriais são utilizados por segmentos tão diversos como alimentação, transporte e produção de produtos à base de polímeros, entre outros. E é por essa abrangência que a Piovan é líder mundial em suas áreas de atuação. Expositora da Feiplastic 2013, a empresa apresenta linhas completas para refrigeração industrial, periféricos para alimentação e transporte, secagem, dosagem, e granulação de materiais termoplásticos.

De acordo com Ricardo Prado Santos, vice-presidente para América do Sul, a empresa multinacional sediada em Veneza exporta 30% dos produtos fabricados no Brasil. “Registramos crescimento todo ano, e nossa expectativa é crescer 15% em 2013. Por isso a participação na Feiplastic é importante, pois é um lugar apropriado para conversar com clientes e conhecermos novos projetos”. O executivo explica que cerca de 95% dos equipamentos comercializados aqui e em toda América do Sul são fabricados nacionalmente. .

Entre os lançamentos reservados para a feira, um dos destaques se aplica às áreas de alimentação e transporte – o dispositivo universal RYNG, que mede a produtividade de eficiência da linha de alimentação, verificando em tempo real a quantidade de material que passa pela entrada de rosca de plastificação. Para refrigeração, a Piovan apresenta o Chiller da Série CA/W, com capacidade de refrigeração até 326.000 kcal/h. Na área de dosagem gravimétrica e volumétrica está exposto o LYBRA, para masterbatch (concentrado de pigmento em um veículo compatível com polímero a ser utilizado), aditivos e reciclados. Essa linha possui alto nível de precisão, controle avançado e interface simples.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Feiplastic

Foto (créditos): Feiplastic

Curta nossa página no

Refrisat expõe linha de refrigeração industrial na Feiplastic

08/04/2013

feiplastic

A REFRISAT, empresa certificada pela ISO 9001-2008, atua na área de refrigeração Industrial e estará expondo seus produtos e soluções durante a Feiplastic 2013. Seus produtos e soluções padrão são desenvolvidos para operações em controle térmico.

Nesta edição da Feiplastic, a empresa trará novidades em relação à tecnologia, com seu constantemente renovado sistema CLP com painel IHM Touch. A empresa é a única no setor com um laboratório de desenvolvimento deste tipo de programa para a otimização de processos industriais.

Sendo uma empresa reconhecida por sempre investir em iniciativas sustentáveis, a REFRISAT agora segue uma tendência da Indústria e investe na linha com gases refrigerantes ecologicamente corretos em todas as suas linhas e equipamentos.

Estes utilizam fluídos refrigerantes ecologicamente corretos, tais como, R-410A, R-404A, R-134A, entre outros não agressivos à camada de ozônio. A tubulação de cobre com menor quantidade de solda evita o risco de vazamento do fluído, além de possuir maior espessura, permitindo operar com maiores pressões.

Durante a feira, serão expostos os seguintes produtos:

Unidade de Água Gelada – SAT-AR TOUCH (Condensação a Ar)
O modelo contém serpentina interna e ventiladores para gerar a condensação do fluído refrigerante. O modelo possui um duplo circuito de refrigeração e dois compressores que possibilitam o uso parcial em caso de falhas.
Aplicações: Injeção, Sopro, Extrusão, Laminação e Flexografia.

Um destaque tecnológico do produto SAT-AR TOUCH e toda a sua linha é interatividade que Controlador Lógico Programável (CLP) proporciona. A tela “touch screen” responde ao toque manual, reproduz slides e visualiza os componentes internos em atividade, indicando as temperaturas e oferecendo opções de atalhos para as principais funções além de indicar possíveis falhas. Outro fator do Controlador Lógico Programável (CLP) que é universal e oferece a versatilidade de ser personalizado em softwares exclusivos para o cliente, sendo produzidos pela equipe de engenharia da Refrisat.

Resfriador de Líquido – CHILLER TOUCH (Condensação a Ar/Água)
Modelo CHILLER TOUCH tem versatilidade e qualidade comprovada para resfriadores de líquidos, fluídos ou emulsões para aplicação em sistemas e processos com necessidade de controle térmico, pois possuem diversos modelos com condensação a ar ou à água, e são dotados de componentes com reconhecida qualidade mundial, podendo ser fornecidos com compressores scroll ou parafuso.
Aplicações: Injeção, Sopro, Extrusão, Laminação e Flexografia.

O modelo CHILLER TOUCH tem várias possibilidades de aplicações, tais como, indústrias, shoppings, edifícios comerciais, aeroportos, hipermercados, pavilhões de exposição, entre outros, fazem do Resfriador de Líquido Refrisat, um equipamento versátil para qualquer finalidade.

Possui ainda a interatividade que o Controlador Lógico Programável (CLP) proporciona. A tela “touch screen” responde ao toque manual, reproduz slides e visualiza os componentes internos em atividade, indicando as temperaturas e oferecendo opções de atalhos para as principais funções além de indicar possíveis falhas.

Redução do Consumo de Energia e Aumento da Vida Útil – A utilização é mediante a carga térmica requerida, tendo o seu consumo em conformidade com a necessidade real, economizando assim energia, além de prolongar a vida útil do equipamento.

Termoregulador – TMTI
O aparelho TMTI foi projetado para controlar a temperatura de processos industriais que utilizem água ou óleo como fluído. Para água, existem opções de temperatura para operação de 10°C ou até 140°C com água pressurizada.
Para o óleo térmico são fabricados para as mesmas temperaturas ou com alternativas de até 250°C, sob consulta.
Aplicações: Injeção, Sopro, Extrusão, Laminação e Flexografia.
O TMTI possui circuitos independentes em um único equipamento que podem ser fornecidos com dois, três ou mais circuitos em um único gabinete. O controle de cada circuito é independente e dispõe de conexões individuais para cada linha do processo a ser atendido. Cada sistema conta com controle único de temperatura do fluído, dosando o aquecimento e arrefecimento de forma precisa e estável.
Algumas Características:
• Controlador com indicador de operação e falha, incluindo alarme sonoro e visual
• Painel elétrico obedece às exigências da Norma Internacional IEC para montagem, disposição e identificação dos componentes, sendo isolado da unidade hidráulica
• Controle de nível para proteção das resistências
• Reservatório e resistências em aço inoxidável
• Resistências com baixa potência por cm²

Trocador de Calor – TC W/AR (Condensação à Ar / Água)
Modelo TC W/AR tem funcionalidade da temperatura de ar frio controlada para extrusoras e co-extrusoras.
Aplicações: Extrusão e Laminação.
O trocador foi projetado para resfriar o ar através da passagem por serpentina com circulação de água gelada. O ar frio assegura a qualidade nos processos industriais envolvendo o anel de extrusoras de filme soprado PE, corrugadores de mangueiras, moinhos de tinta pó, entre outros, que incidem no aumento produtivo em processos de extrusão de filme tubular.
Algumas Caracteríticas:
• Filtro de ar com gaveta removível
• Bandeja de condensador com dreno
• Capacidade de 22.000 a 150.000 kcal/h

Fonte: Assessoria de Imprensa – Feiplastic

Curta nossa página no

Moretto apresenta linha de equipamentos auxiliares de processamento durante Feiplastic 2013

20/02/2013

feiplastic

A partir do crescimento registrado em 2012, empresa anuncia nova sede e quer ampliar atuação nas áreas de extrusão e embalagens sopradas

 Um dos principais fornecedores de equipamentos periféricos para o mercado de plástico no Brasil, a Moretto, empresa italiana presente em mais de 51 países, fechou o ano passado projetando expressivo crescimento para 2013. Influenciada principalmente, pelo forte desempenho da indústria automotiva, que produziu 3,34 milhões de veículos entre dezembro de 2011 e novembro de 2012, segundo levantamento da ANFAVEA, a Moretto pretende ampliar suas áreas de atuação no território nacional. A nova sede da empresa localizada em Valinhos-SP, em processo de implantação neste ano, contará com maior espaço físico e tecnologia de última geração. As novidades deste novo momento da empresa estarão demonstradas na FEIPLASTIC 2013 – 14ª Feira Internacional do Plástico, evento organizado pela Reed Exhibitions Alcantara Machado, que acontece entre os dias 20 e 24 de maio, no Pavilhão de Exposições do Anhembi.

Além da forte presença no fornecimento de material para a indústria automobilística, a Moretto do Brasil tem participação bastante diversificada na indústria brasileira e define como surpreendente os resultados de mercado alcançados em 2012. A empresa pretende utilizar a nova sede também para ampliar sua atuação nos setores de extrusão e embalagens sopradas. “Contamos com projeções melhores para neste ano de 2013, com investimentos efetivos e contratações de pessoal para o início das operações da sede de Valinhos. Esses novos profissionais, já altamente capacitados, passarão ainda por treinamento em nossa matriz na Itália antes de se juntarem ao seleto time da companhia. Com essa unidade ganharemos em tamanho e estrutura, o que nos permitirá entregas imediatas, melhoria na eficiência e garantia de resultados no atendimento aos nossos parceiros de negócios”, afirma Alexandre Nalini, diretor Comercial da empresa.

Durante a FEIPLASTIC 2013, a Moretto terá mais de 230m² de estande para expor suas linhas completas de equipamentos, entre eles dosadores volumétricos e gravimétricos, desumidificadores, centrais de alimentação, geladeiras, e muitos outros. Além disso, a empresa lançará no evento uma série de novidades contempladas pelas novas linhas de produção. “É uma feira de presença mundial, que nos gera um incremento significativo ao longo do ano. Nestes encontros, grandes negócios são engatilhados”, diz Federico Bugno, diretor da empresa na América Latina.

A 14ª Feira Internacional do Plástico deve receber mais de 1.400 marcas expositoras, nacionais e internacionais, e cerca de 70.000 visitantes/compradores, numa área total de 85 mil m², 7.000m² a mais que sua última edição.

Fonte: Assessoria de Imprensa / Feiplastic 2013

Curta nossa página no

Refrisat lança unidade de água gelada e termorregulador de temperatura na Interplast

20/08/2010

A Refrisat especializada em refrigeração industrial, climatização e projetos especiais, lança na Interplast 2010 dois novos produtos: a unidade de água gelada SAT e o termorregulador de temperatura TMTI.

A unidade de água gelada SAT passou por nova remodelação em design e de compactação do projeto, cuja concepção permitiu uma serie de inovações inéditas para o tipo de equipamento. A estrutura da base e do gabinete da maior parte dos modelos, é montada sob perfis de alumínio resistentes e imunes a oxidação. Outra inovação é relacionada ao sistema de proteção elétrica diferenciada, e projeto do quadro que já contava com grau de proteção contra jatos de água e respingos, agora ficou mais seguro porque é embutido no aparelho e elimina a exposição direta e riscos aos operadores por ter uma segunda porta de acesso. O aparelho é utilizado nas mais variadas aplicações na indústria de plástico onde fundamentalmente o cliente queira se beneficiar do aumento de produção assim como de maior qualidade do plástico transformado.

O termorregulador de temperatura TMTI teve nova restilização de design, assim como estruturalmente está mais leve e compacto devido a base em alumínio, além de contar tecnologicamente com maiores recursos operacionais derivados do upgrade do CLP (Controlador Lógico Programável), que ampliou suas funções de controle entre elas o sistema PID. Desenvolvido para controlar temperatura processos de injeção plástica, é fornecido em modelos para sistemas de um circuito, ou outros modelos multi circuito, que podem atender a necessidade de temperaturas diferentes para cada etapa do molde.

Sobre a Refrisat
Fundada em 1976, a Refrisat é uma empresa brasileira e atua na área de refrigeração industrial, climatização e projetos especiais em que haja necessidade de troca de calor. Ao longo dos anos, a Refrisat vem aperfeiçoando e desenvolvendo equipamentos de refrigeração industrial e climatização para atender as necessidades do mercado. É atualmente um dos mais expressivos fabricantes da América Latina, com mais de 7.000 unidades vendidas no Brasil, América Latina, Estados Unidos e Europa. Atendendo ao crescimento de vendas a Refrisat acabou de ampliar sua área de fábrica em mais de 50%, totalizando 3.200 m2 de espaço de produção onde se prevê a capacidade de aumento de manufatura acima de 150 equipamentos mês. Aproveitando das melhores condições de espaço o prazo de entrega para equipamentos de nossa linha de produtos padrão foi reduzido, e para alguns modelos já temos produtos para pronta entrega.

Fonte: Messe Brasil

Mecalor divulga produtos na Interplast

13/08/2010

Comemorando 50 anos, a Mecalor leva novidades à Interplast 2010, como a já conhecida linha de chillers, o DryCooler Compact, os TermoReguladores e o Termochiller DUO.

O Dry Coller Compact é a solução mais indicada para processos que exigem água industrial limpa, para evitar incrustações em trocadores de calor. Possui capacidade nominal de 50 kW, dimensões reduzidas e trabalha em circuito fechado, garantindo grande economia de água.

Concebidos com bomba e tubulações de aço inoxidável, os TermoReguladores (TMR’s) possuem design que, além de bonito, proporciona operação mais ergonômica e facilita a manutenção. A operação é feita de forma simples, por meio de uma IHM semi-gráfica, com sinalização completa de operação e falhas, podendo operar em uma faixa de temperatura de 10°C até 140°C, com estabilidade de ± 5°C em toda a faixa de temperatura.

O TermoChiller DUO foi desenvolvido para atender processos de injeção plástica que necessitam de temperaturas diferentes em cada uma das fases do molde. Concebido em um gabinete compacto, pode ser facilmente instalado ao lado da injetora, ocupando o mínimo de área de planta fabril.

Os equipamentos da Mecalor também estarão em operação no stand de alguns parceiros: Arbur, Cosa, Deb’ Maq, Join Wai, Krauss Maffei, Megga Plásticos, Romi, Rulli Standard, Sandretto e Tsong Cherng.

Fonte:  Messe Brasil

Körper expõe equipamentos de refrigeração na Interplast 2010.

04/08/2010

A Körper, especializada em sistemas de resfriamento e tratamento de água, apresenta na Interplast 2010 a Série Q de torres de resfriamento quadradas, o resfriador de circuito fechado Série FC e as unidades de água gelada. Com a participação no evento, pretende fortalecer a presença de sua marca no sul do país. Os equipamentos destacam-se no mercado devido ao seu alto desempenho, pois são desenvolvidos para atingir maior eficiência com menor consumo de água e energia.

As unidades de água gelada preencheram a lacuna que faltava no portfolio Körper e tem recebido grande aceitação na indústria plástica, pois unem a mais alta tecnologia a preços muito competitivos. Pode ser fabricada com condensação a ar ou a água, circuito de gás com válvula de expansão, pressostato de alta e baixa pressão, reservatório em fibra de vidro, ventilador axial, painel de controle (CLP) e manômetro de pressão. As torres de resfriamento série Q operam com capacidade entre 10 e 400m/h e trabalham com baixo consumo de energia.

Sua estrutura compacta e o design moderno facilitam a montagem, manutenção e limpeza. Conta com sistema de distribuição de água através de tubos e bicos aspersores em PP (polipropileno) autolimpantes e o reservatório de água é em PRFV. Possui porta de inspeção de fácil manuseio e acesso, além de elevada resistência a corrosão.

Sobre a Körper Equipamentos Industriais
Há 23 anos no mercado, a Körper logo destacou-se por sua atuação no mercado de resfriamento de água , atendendo às necessidades de um amplo segmento de mercado, com destaque para as indústrias de transformação de plásticos, metalurgia, química, farmacêutica e alimentícia, incluindo equipamentos para sistemas de ar condicionado central. Os principais produtos fabricados são: torres de resfriamento, resfriadores de circuito fechado a ar e água, dry coolers, unidades de água gelada, termoreguladores, ventiladores/exaustores de telhado, sistema de ventilação com dupla filtragem especial e unidades de recalque para bombeamento de líquidos com controle de pressão e temperatura . A Körper também executa projetos e instalações completas na área de resfriamento industrial, atendendo especificamente as necessidades de cada cliente.

Fonte: Messe Brasil

Linha de Mini Chillers da Piovan apresentado na Interplast tem baixíssimo consumo de energia

08/07/2010

A Piovan, uma das líderes mundiais no setor de transformação de matérias plásticas, leva para a Interplast uma amostra de sua linha de refrigeração Industrial. “A linha de Mini Chillers Piovan, considerada a mais versátil e eficiente do mercado, com capacidades até 25.000 kcal/h, é caracterizada por suas reduzidas dimensões, com uma significativa economia no consumo energético.  Possui alta flexibilidade das capacidades de resfriamento e conta com modelos condensados a ar ou água”, explica Rogério Riccardi, diretor comercial da empresa.

Além desse equipamento, a Piovan mostra na feira, a linha de desumidificadores da Série DS que tem o menor consumo de energia do mercado, os dosadores volumétricos da série MDP para até quatro componentes, com capacidade de até 1000 kg/h, moinhos de alta performance e termorregulares para moldes. Entre os recém-lançados da linha de refrigeração como o Mini Chiller, a Piovan também mostra o Duotemp para aquecimento e resfriamento da água de processo em circuitos e temperaturas independentes. Para o mercado de PET a Piovan apresenta a nova geração de secagem para PET, a linha Genesys que reduz o consumo energético em até 50%.

Sobre a Piovan

A Piovan é líder mundial no segmento de transformação de plástico, com mais de 50 anos de atividade e presença em todos os continentes. Possui um amplo portfolio de equipamentos auxiliares capazes de atender as necessidade e exigências de injeção, sopro, extrusão, preformas PET e refrigeração industrial. Oferece completa linha de equipamentos para armazenamento, transporte, alimentação, secagem, dosagem, moagem e controle de temperatura, além da linha completa para Chillers e Dry Coolers. Opera em 40 países com quatro unidades fabris no Brasil, China, Itália e EUA.

Fonte: MesseBrasil