Posts Tagged ‘PMMA’

Compostos para moldagem da linha de acrílicos da Evonik recebem nova certificação para indústria automotiva

06/06/2018

  • Unidades de produção em Worms e Xangai são certificadas segundo a norma IATF 16949:2016
  • A linha de produtos Molding Compounds atende aos critérios de qualidade da indústria automotiva para fornecedores sub-tier 1.
  • A certificação das fábricas dos EUA está prevista para 2019.

A linha de produtos Molding Compounds da linha de negócios Methacrylates, da Evonik, recebeu a certificação de duas unidades de produção de Plexiglas®, marca de polimetilmetacrilato (PMMA) da Evonik, de acordo com o padrão mais recente da indústria automotiva, a IATF 16949:2016.

Os certificados atestam que os requisitos de gestão da qualidade analisados como parte da auditoria foram atendidos no site alemão da empresa em Worms, para a produção dos compostos para moldagem Plexiglas® e Pleximid® e na unidade chinesa de Xangai para a produção do composto para moldagem Plexiglas®.

A certificação incluiu auditorias de processos comerciais em diversos setores como compras, controle de garantias, IT, calibragem, gestão do relacionamento com os clientes, gestão de fornecedores, marketing, recursos humanos, desenvolvimento de produto, desenvolvimento de processos, testes, sistema de gestão da qualidade, planejamento estratégico e vendas.

“Esta certificação representa um marco importante em nossa estratégia de continuar sendo o principal fornecedor de PMMA da indústria automotiva”, explica Siamak Djafarian, responsável pela linha de produtos Molding Compounds no segmento Performance Materials da Evonik. “Sabemos o quanto esta certificação é relevante para a maioria dos nossos clientes. Com esta bem-sucedida auditoria, enfatizamos o comprometimento com a qualidade e a confiabilidade dos nossos compostos para moldagem Plexiglas®.

Durante as auditorias, os peritos da Associação Alemã de Certificação de Sistemas de Gestão (DQS, na sigla em alemão) e do grupo SGS verificaram que os processos da linha de produtos Molding Compounds seguem à risca os padrões de qualidade determinados para o cumprimento dos requisitos da indústria automotiva também em relação aos seus fornecedores sub-tier 1. “A auditoria simultânea de duas fábricas em continentes distintos é algo que envolve grande complexidade e requer uma coordenação excepcional”, observa Volkhard Erb, da Gestão de SSMAQ na linha de negócios Metacrilatos, que acompanhou a certificação.

O novo padrão da International Automotive Task Force (IATF) substitui os padrões anteriores e a certificação segundo a norma ISO/TS 16949:2009, que perde a sua validade em 2018, e unifica as exigências gerais existentes em relação aos sistemas de gestão da qualidade na indústria automotiva.

A certificação das unidades de produção dos Estados Unidos da linha de produtos Molding Compounds segundo a IATF 16949:2016 está prevista para 2019.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Evonik

Curta nossa página no

Anúncios

Evonik planeja linha adicional para a fabricação de compostos de PMMA nos EUA

16/01/2018

  • A expansão praticamente dobrará a capacidade de produzir compostos especiais para moldagem em Osceola, Arkansas (EUA)
  • A construção da nova linha para compostos começará no início de 2018, com conclusão e início das atividades previstos para o primeiro trimestre de 2019
  • A expansão da capacidade para compostos fortalece as redes de produção totalmente integradas de MMA/PMMA.

Neste começo de 2018, a Evonik dá início à construção de uma linha adicional para a produção de compostos de sua marca de PMMA Acrylite® no site de Osceola, Arkansas (EUA). A expansão deverá praticamente dobrar a capacidade de produção dos compostos especiais para moldagem da linha de negócios Methacrylates produzidos no local. A nova linha de compostos deverá ser concluída e inaugurada no primeiro trimestre de 2019.

“Essa expansão da capacidade para compósitos em Osceola é a próxima etapa lógica da Evonik no processo de implementar a sua estratégia global”, explica Siamak Djafarian, responsável pela linha de produtos Molding Compounds no segmento Performance Materials da Evonik. “Nós somos o único fabricante de PMMA do mundo a possuir redes de produção de MMA/PMMA totalmente integradas, com produção downstream dos compostos nas regiões das Américas, Europa e Ásia”, acrescenta Djafarian. A Evonik agora pretende ampliar esse ponto forte para poder oferecer compostos especiais para moldagem produzidos localmente em cada uma das três regiões.

“A expansão é uma resposta à crescente demanda pelo Acrylite®”, acrescenta Jack Chenault, responsável pelo segmento Performance Materials na região Americas da Evonik. “A demanda está em alta nos EUA e nos mercados em crescimento do México e da América do Sul, sobretudo para aplicação nos setores da construção, iluminação e automotivo, que requerem um sofisticado nível de qualidade”.

Segundo a Evonik, os seus compostos para moldagem Acrylite® apresentam desempenho convincente em todas as aplicações cujos requisitos primordiais são resistência à intempérie, solidez de cor, alto brilho e transparência, bem como dureza e resistência à abrasão. Em cooperação com especialistas da indústria do plástico e seus fornecedores, a linha de produtos Molding Compounds da Evonik desenvolve novos produtos Acrylite® para aplicações inovadoras.

A Evonik é fabricante mundial de produtos de PMMA comercializados sob a marca Plexiglas® e Pleximid® na Europa, na Ásia, na África e na Austrália, e sob a marca Acrylite® e Acrimyd nas Américas.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Evonik

Curta nossa página no

Evonik realinha negócios de metilmetacrilato

09/01/2018

  • Foco em clientes e processos eficientes
  • Disponibilidade global em alta qualidade

Seja em revestimentos e adesivos duráveis ou em plásticos de alta transparência, os monômeros de metacrilato integram muitos produtos e aplicações do dia a dia. “Os metacrilatos são os ‘especialistas’ versáteis entre os monômeros”, diz Hans-Peter Hauck, diretor da linha de negócios Methacrylates da Evonik. “Como um dos principais fornecedores, nós oferecemos ampla variedade de monômeros de metacrilato para diversos setores industriais sob a marca VISIOMER.

Foco no benefício para os clientes

Desde abril de 2016, a linha de negócios Methacrylates se divide em três linhas de produtos. Enquanto a linha de produtos Bulk Monomers, com seus monômeros de grandes volumes, como o MMA, segue uma estratégia focada em eficiência de custos e confiabilidade, a linha de produtos Application Monomers, com seus diferentes monômeros especiais, se posiciona como fornecedora de sistemas. O terceiro integrante da série são os compostos para moldagem de PMMA, agrupados na linha de produtos Molding Compounds e comercializados sob a marca Acrylite. Esses produtos específicos respondem por uma parcela importante da cadeia de valor dos metacrilatos. “Com essa divisão, podemos nos concentrar de maneira ainda mais efetiva nas necessidades individuais dos nossos clientes, contribuindo para a configuração de seus negócios e estabelecendo padrões em nossos mercados”, afirma Hauck.

O produto mais importante da linha de negócios em termos de volume é o metilmetacrilato (MMA). Entre outras aplicações, ele é usado na fabricação de polimetilmetacrilato (PMMA) ultratransparente, que a Evonik comercializa sob a marca Acrylite e é empregado como componente importante em resinas para tintas e revestimentos. “Nós somos um fabricante de MMA com mais de 80 anos de tradição e o know-how correspondente, o que também se reflete na qualidade dos nossos produtos”, declara Hans-Detlef Luginsland, diretor da linha de produtos Bulk Monomers.

“Além de tradição, a configuração inteligente do modelo de negócio é um componente importante na unidade recentemente reestruturada. Atualmente, nosso foco se concentra especialmente na transformação digital dos processos de negócio na cadeia de fornecimento, nos serviços aos clientes e no planejamento da produção”, continua Luginsland. “Os mercados dos nossos clientes estão se transformando com rapidez. Como o segundo maior fabricante mundial de MMA, nós queremos apoiar esses clientes em seu desenvolvimento, o que exige agilidade gerencial e processos orientados ao futuro. Além de preservar os relacionamentos de longa data com os clientes, a linha de negócios se concentra cada vez mais nos principais clientes e nas regiões essenciais, o que contribuirá para o fortalecimento do nosso negócio no longo prazo.

A linha de produtos Bulk Monomers produz em quatro plantas em três continentes (China, Alemanha e Estados Unidos) e está representada em países importantes no mundo inteiro. “Essa estrutura nos permite servir os nossos clientes globais e regionais com alto nível de segurança de fornecimento e serviços regionais”, acrescenta Luginsland.

“Nossos contínuos investimentos em segurança e na melhoria da eficiência de todas as nossas unidades de produção formam a espinha dorsal de uma rede de produção integrada de metacrilatos e garantem a nossa competitividade no futuro”. Além disso, nossa cadeia fornecimento eficiente e confiável assegura a entrega pontual dos produtos”, ele explica.

Situação das entregas

A demanda por MMA continua alta. Em 2017 também se observou um crescimento sólido, acima do PIB. No entanto, no primeiro semestre do ano, diversas interrupções planejadas e não planejadas ocasionaram uma escassez nas cadeias de fornecimento em todas as regiões, afetando também a Evonik. “Esse gargalo que se observa desde o início do ano e os estoques reduzidos representam um desafio para todos os clientes e fornecedores”, diz Luginsland. Uma análise interna mostra que também no segundo semestre- e para além dele – são esperados uma demanda consistentemente alta e um alto nível de utilização das capacidades. “Estamos nos preparando para isso”, enfatiza Luginsland.

Essa é mais uma das razões pelas quais a linha de negócios Methacrylates trabalha continuamente para melhorar as suas principais tecnologias. “Nossa prioridade máxima é o aumento dos rendimentos e a redução do consumo de matérias-primas e energia”, explica Hans-Peter Hauck. “Em última análise, esses projetos nos permitirão melhorar continuamente tanto a disponibilidade do sistema quanto o volume de produção a fim de acompanhar a crescente demanda regional dentro da cadeia de fabricação integrada existente”.

A Evonik Industries é fabricante mundial de produtos de PMMA comercializados sob a marca Plexiglas na Europa, na Ásia, na África e na Austrália, e sob a marca Acrylite nas Américas.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Evonik

Curta nossa página no

Polímeros da Evonik são usados nos faróis dianteiros do Classe C da Mercedes Benz

25/09/2017

Os materiais usados como elementos óticos em faróis automobilísticos têm de satisfazer a requisitos exigentes em termos de transmissão de luz, resistência à temperatura e resistência UV – este é o caso de três compostos para moldagem Plexiglas® e Pleximid®, usados no LED Intelligent Light System da Automotive Lighting, que a Mercedes-Benz está instalando no seu modelo Classe C.

Os motoristas devem ser capazes de reagir prontamente a situações perigosas mesmo com pouca luz ou na escuridão, razão pela qual os fabricantes e fornecedores automotivos estão usando lâmpadas cada vez mais potentes. Seja a tecnologia halógena, de luz de xenônio ou LED, todas têm uma coisa em comum: as fontes luminosas necessitam de um material envoltório que direcione a sua luz para a pista. Nos faróis, essa função vem sendo exercida há tempos por lentes de coberturas perfiladas. Atualmente, a distribuição da luz se dá por meio de refletores de forma livre, calculados numericamente, ou por sofisticados módulos de projeção diretamente no farol. Estes se distinguem por meio de placas de cobertura transparentes, de estética atraente.

Luz Inteligente

“As funções diferentes de um farol dianteiro impõem requisitos diferenciados em relação ao material usado”, explica Klaus Kratschmann, responsável pelo ID na Automotive Lighting. No sistema LED Intelligent Light System, por exemplo, que a Automotive Lighting vem produzindo para a Mercedes desde 2013, dois módulos de projeção assumem em conjunto a função de luz baixa. A flexibilidade desses módulos supera as possibilidades oferecidas pela luz de xenônio: por exemplo, a distribuição da luz é ajustada de acordo com a velocidade do carro e a situação ambiente. “O farol ilumina a superfície da pista de um modo específico, conforme a situação”, diz o Dr. Ernst-Olaf Rosenhan, responsável por inovações em faróis na Automotive Lighting. Com essa finalidade, os módulos são equipados com arranjos de LED, cabeçotes óticos e uma lente de projeção fabricada com Plexiglas® Heatresist FT 15 da Evonik. “O material oferece excelente transmitância de luz para a nossa aplicação”, afirma Henning Weinhold, engenheiro de iluminação na Automotive Lighting. Além disso, o polimetilmetacrilato (PMMA) da Evonik evita a ocorrência de margens coloridas incômodas da periferia das lentes . A razão disso é a baixa birrefringência ótica do material e seu número Abbé simultaneamente alto, assegurando que os efeitos de dispersão sejam mantidos em níveis mínimos, garante a empresa.

Além disso, afirma a Evonik, o Plexiglas® é totalmente incolor e transparente – o que aponta para uma outra característica dos LEDs: eles oferecem uma cor clara similar à da luz do dia, sendo, por isso, mais suaves para os olhos do condutor. Essa qualidade ótica é mantida de modo duradouro no Plexiglas®. Mesmo após vários anos, o material não perde a sua alta transmitância e oferece uma quantidade de iluminação consistentemente alta, assegura a Evonik. O material também não é afetado pelas altas temperaturas que predominam nos faróis, garante a empresa.

Resistência ao calor

Por todas as suas vantagens quando usados em faróis, os LEDs também submetem os materiais nele utilizados a uma dura prova: dependendo do tipo e design dos elementos óticos, podem ocorrer temperaturas bem superiores a 100ºC – e isso por longos períodos de operação.

Mas as coberturas, as lentes e as guias de luz não devem se deformar, descolorir ou ficarem opacas. “E isso é algo que simplesmente não é garantido quando se trata de plásticos transparentes. Materiais como o policarbonato, e mesmo as suas variantes resistentes a temperaturas, ficam amarelos com o tempo. Por esse motivo, a quantidade de iluminação é reduzida e o brilho ótico é perdido”, revela Martin Mohrmann, gerente de marketing técnico do Setor Automotivo da Evonik. Os compostos para moldagem especiais Plexiglas®, por outro lado, são otimizados em relação a variados requisitos de temperatura; o Plexiglas® Heatresist FT15, por exemplo, resiste ao stress térmico em módulos de projeção sem nenhum problema, afirma a Evonik.

Apropriada para temperaturas ainda mais altas é a especialidade Pleximid®, que consiste do polímero polimetilmetacrilimida (PMMI), assegura a Evonik. Ele se mantém totalmente estável quando submetido ao stress térmico de longo prazo: em um teste de resistência de 40 dias a 150º C, praticamente não ocorreram alterações na transmissão, no índice de amarelamento ou na opacidade. Por essa razão, o material é usado em muitos faróis das atuais séries da Mercedes-Benz, como guia de luz nas lâmpadas curvas em forma de tocha usadas durante o dia. Nesse componente, os LEDs são instalados muito próximos do guia de luz, fazendo com que as temperaturas se elevem rapidamente até 130 graus. Com o Pleximid®, afirma a Evonik, a quantidade de iluminação se mantém consistentemente alta, mesmo após vários anos. “Isso é importante porque as luzes diurnas permitem que o veículo seja visto claramente por outras pessoas na estrada”, explica Mohrmann.

Aparência homogênea

O que também contribui para a visibilidade são os sinalizadores pisca-pisca, os quais, no LED Intelligent Light System, consistem de seis elementos óticos individuais. O aspecto especial neste caso é o fato de que os designers decidiram não adotar uma cobertura colorida, optando, em vez disso, por um composto padrão Plexiglas® 8N transparente. Esse material possui uma temperatura de deflexão térmica (HDT) satisfatória, apropriada para o stress térmico relativamente baixo nesse componente. “Foi importante para nós criarmos contornos reduzidos e puristas para o Mercedes-Benz Classe C, que enfatizassem a sua tecnologia inteligente”, conta Stefan Handt, diretor de Exterior Design, Lights & Parts da Mercedes-Benz.

Já que os LEDs dos sinalizadores emitem uma luz amarela, nós pudemos permitir o uso de uma cobertura colorida para a luz indicadora de direção (pisca-pisca), optando pelo Plexiglas® transparente, que transmite a cor com fidelidade. Isso melhora a aparência global do farol dianteiro”. Os faróis dianteiros conferem ao Mercedes-Benz Classe C a sua aparência distintiva, típica da marca.

A Evonik é fabricante mundial de produtos de PMMA comercializados sob a marca Plexiglas® e Pleximid® na Europa, na Ásia, na África e na Austrália, e sob a marca Acrylite® e Acrymid nas Américas.

Fonte: Evonik

Curta nossa página no

Resina de metil metacrilato ganha espaço no mercado de pisos

08/09/2015

Evonik_MMA_pisos

Por sua elevada resistência mecânica e química  e rápida liberação do local, a resina de MMA vem ganhando cada vez mais importância como sistema ideal na área de pisos e revestimentos de alto desempenho

Por MEvonik_Woolfichael F. Wolff*

Resina MMA (metil metacrilato), resina PMMA, resina de metacrilato (MA), resina acrílica ou resina de acrilato. Os nomes são muitos e as aplicações amplas: indo de implante dentário e ósseo, lentes de contato, fibras óticas e materiais ortopédicos até vidros à prova de bala. Mas o que pretendemos destacar é, na verdade, sua utilização na área de pisos e revestimentos de alto desempenho. Por sua elevada resistência mecânica e química, vem ganhando cada vez mais importância como sistema ideal para locais de circulação interna e externa, seja pela estética diferenciada, pelo desempenho, pela longa expectativa de vida útil e pelo excelente custo-benefício, proporcionado pelo baixo custo de manutenção e conservação.

Tudo começou na década de 1960, com a precursora Evonik, quando ainda era Degussa. Naquela época o mercado de revestimentos necessitava urgentemente de um produto de ágil aplicação. A partir disso, as resinas MMA começaram a ser empregadas sobre concreto, cerâmica, madeira e metal com grande ganho e, principalmente, sem a proliferação de fungos e bactérias. Resultado: desde então a MMA é um dos revestimentos mais indicado para áreas industriais, decorativas e alimentícias.

Resinas reativas à base de metacrilato têm sido usadas durante décadas no setor de construção para proteger superfícies. Como curam rapidamente, mesmo sob baixas temperaturas, são o material de escolha em muitos casos, especialmente quando existem altas exigências de resistência mecânica ou química. A sua excelente resistência a raios UV e a variedade de formulações, fazem da MMA uma tecnologia indispensável para proteção e reparo de superfícies de concreto. Piso industrial é a principal área de aplicação na construção. Para o cliente final isso significa curtas interrupções e perda mínima de produção, economizando, dessa maneira, tempo e dinheiro.

Outro ponto importante é que a variedade de formulações de resinas de metacrilato permite ajustar as propriedades mecânicas dos revestimentos, produzindo superfícies duras e resistentes ao impacto mecânico ou elástica e flexível. Atributo bastante interessante é que as resinas de metacrilato curam por uma reação química chamada polimerização via radical, bastante rápida em comparação com outras reações. Variando a quantidade de endurecedor adicionado, o processo de cura pode ser ajustado individualmente para diferentes temperaturas de trabalho e leva, na maioria das condições, menos de uma hora – o que significa a liberação do local para uso em menos tempo.

Mundialmente, mais de 20.000 toneladas de resinas de metacrilato são utilizadas por ano na área de construção, como, por exemplo, na proteção de superfícies. No Brasil, os sistemas em MMA vêm ganhando espaço devido à sua performance superior, rapidez na aplicação e liberação de área e grande versatilidade de acabamentos, apresentado soluções eficientes para pisos industriais e comerciais. E, considerando a orientação no Brasil por materiais mais sustentáveis, espera-se que o MMA ganhe uma atenção ainda maior no mercado nacional.

* Michael F. Wolff é Gerente de Vendas Técnicas na Evonik Industries AG, na Alemanha, e responsável pela linha DEGADUR® nas Américas.

Curta nossa página no

Evonik apresenta produtos na Feiplastic 2015

14/04/2015

evonik-industriesCom amplo portfólio de matérias-primas dirigidas à cadeia produtiva do plástico, a empresa estará representada por várias áreas de negócios e linhas de produtos, com soluções inovadoras e lançamentos que agregam alta tecnologia e características sustentáveis aos produtos finais.

A novidade na linha Acrylic Polymers será o ACRYLITE® Resist AG100 – PMMA injeção de janelas automotivas. Segundo a empresa, o produto permite ampla liberdade de design e traz como vantagens a redução de peso e opção de integração de uma variedade de funções. ACRYLITE® Resist AG 100 é o primeiro composto especial para moldagem em PMMA para essa aplicação. Além da alta resistência à luz UV e à intempérie pelas quais o ACRYLITE® é reconhecido, este novo produto foi modificado ao impacto e proporciona até 30 vezes a resistência à ruptura do vidro mineral, afirma a Evonik.

Além do lançamento, serão destaques: CYROLITE®, linha especialmente desenvolvida para injeção de produtos para aplicações médicas como conectores, válvulas, filtros e outros produtos que serão submetidos à esterilização por Óxido de etileno e raios gama – possui excepcional resistência química, de acordo com a empresa; e ACRYLITE® Hi-Gloss, PMMA especialmente desenvolvido para uso em aplicações automotivas não transparentes como colunas A,B e C externas, retrovisores, molduras de rádio e peças do painel. É amplamente utilizado na Europa e Estados Unidos em substituição a peças pintadas. Usualmente é produzido na cor Black Piano com altíssimo brilho e possui excelente resistência a intempéries, além de permitir polimento, observa o fabricante.

Os destaques da linha Interface & Performance na Feiplastic, serão:

TEGOMER® ANTISCRATCH – Aditivo que promove resistência a risco para poliolefinas como pp/talco, bem como para polímeros técnicos como PA, PMMA ou PC/ABS. Quimicamente, aditivos TEGOMER® Antiscratch são siloxanos organicamente modificados (OMS).

TEGOMER® FR 100 – Aditivo retardante de chama para fios e cabos, baseados em OMS (siloxanos organicamente modificados). Segundo a Evonik, os produtos possibilitam redução e distribuição no teor do retardante (ATH, MDH), melhora acabamento superficial e homogeneidade nas dimensões, além de não migrar para a superfície, como os óleos de silicones, o que também melhora a impressão sobre o cabo.

TEGOMER® P 121 – Agentes dispersantes fornecidos sob o nome comercial TEGOMER® são indispensáveis para alcançar a distribuição otimizada de pigmentos orgânicos e inorgânicos, em concentrados de cor. Uma distribuição otimizada de pigmentos resulta em uma intensidade de cor superior a uma dada concentração de pigmento, ou uma concentração de pigmento inferior para conseguir um intensidade de cor específica, respectivamente.

Os aditivos Evonik estão disponíveis para polímeros sólidos e pastas líquidas. Além disso, aditivos TEGOMER® são adequados para a dispersão de fillers inorgânicos, como giz, talco ou dióxido de titânio. Agentes de dispersão TEGOMER® podem ser aplicados durante um pré-mix na formulação geral ou diretamente, ou seja, através do processamento split-feed.

Silanos

A linha Dynasylan®, que inclui uma vasta gama de diferentes grupos de silanos, como aminosilanos e sistemas de silanos multifuncionais, será apresentada durante a Feiplastic, com destaque para:

Dynasylan® para cabos e tubulações – para aplicações no setor de fios e cabos, usam-se silanos Vinis funcionais no processo de reticulação de Polietileno. Para essas aplicações, bem como para tubos PEX-b, os silanos são utilizados como: agentes de acoplagem para compostos de diferentes polímeros (por exemplo, PE/EVA), aditivos de reticulação para polietileno, resultando em tubos ou cabos PEX-b (XLPE).

Para formulações retardantes de chamas para cabos, a Evonik oferece oligômeros Dynasylan®. A empresa afirma que os silanos multifuncionais, com sua estrutura oligomérica feita sob medida, oferecem diversos benefícios, como liberação significativamente reduzida de álcool durante o processo de hidrólise dos grupos Silanóis (baixo VOC -composto orgânico volátil), combinação de diferentes funcionalidades em uma molécula como os grupos vinila, alquila, amina e diamina, alto ponto de fulgor, maior segurança de manuseio e armazenamento, segurança adicional durante a produção e nenhuma perda de material, mesmo a elevadas condições do composto.

Por meio do Dynasylan SILFIN®, oferece ampla gama de produtos prontos para o uso para as indústrias de fios, cabos e tubulações, mas também para outras aplicações termoplásticas. De acordo com a empresa, os produtos são fáceis de dosar, oferecem misturas feitas sob medida consistindo em todos os ingredientes necessários para acoplagem e reticulação em polietileno, resultando em PEX-b (XLPE).

Esses produtos contêm vinil silanos e iniciadores para o processo de duas etapas (SIOPLAS®) e, adicionalmente catalisadores de crosslinking, além de, em alguns casos, outros aditivos como, antioxidantes, desativadores de metal, auxiliares de processamento, etc., para o processo em uma etapa (Monosil®).

Dynasylan® para adesivos e selantes de alta performance – é o desempenho essencial dos silanos que permite que os adesivos e selantes, quando expostos à umidade ou aplicados a superfícies particularmente difíceis, sejam tão eficazes quanto os conhecemos hoje. Os silanos protegem os modernos adesivos e selantes de altos níveis da umidade ambiental, além de manter a plena capacidade adesiva de superfícies adesivas já unidas, mas ainda não curadas.

Sílicas para plásticos

Mais um destaque da Evonik para a indústria do plástico será a linha de sílicas precipitadas SIPERNAT®, com grades especiais para diversas funções: antiaglomeração de grânulos de poliestireno pré-espuma; carga ativa para borracha de silicone HTV e selantes polissulfídicos; agente antibloqueio para filmes de PE, PP e outros polímeros de filme; entre diversas outras.

Também apresentará as sílicas especiais feitas sob medida para adesivos e selantes, como a sílica especial com áreas superficiais específicas muito altas e a sílica especial hidrofóbica; além das sílicas pirogênicas AEROSIL®, utilizadas com crescente sucesso em campos de alta tecnologia. A natureza das partículas e a alta pureza permite que AEROSIL® seja utlizada em diversas aplicações na indústria de plástico e de adesivos e selantes para melhorar a produção, qualidade e desempenho dos produtos.

Dióxido de titânio

Na linha de dióxido de titânio, fabricada pela Kronos – uma das maiores produtoras mundiais do produto e representada pela Evonik no Brasil – serão apresentados diversos tipos que atendem necessidades do mercado, proporcionando poder de pigmentação, dispersão, fluidez e propriedades ópticas, resistência a intempéries, entre outros benefícios, em PVC, policarbonato, poliestireno, polímeros de engenharia e poliolefinas, afirma a Evonik.

A Evonik também apresentará o portfólio da Addivant™, maior produtor mundial de fosfitos líquidos, antioxidantes e aditivos especiais em formatos granulares tipo “non-dust” (incluindo sua tecnologia estabilizadora de misturas ANOX® NDB® patenteada – que permite que até oito componentes sejam entregues em uma única mistura homogênea).

Representada pela Evonik nos segmentos de plástico e borracha, a empresa é reconhecida por sua carteira de aditivos especiais, incluindo estabilizadores leves, modificadores de polímeros, inibidores de polimerização e intermediários.

A Evonik, grupo industrial da Alemanha, atua em mais de 100 países no mundo inteiro. No ano fiscal de 2014, mais de 33.000 colaboradores geraram vendas em torno de 12,9 bilhões de Euros e um lucro operacional (EBITDA ajustado) de cerca de 1,9 bilhão de Euros. No Brasil, a empresa conta hoje com cerca de 600 colaboradores no País e seus produtos são utilizados como matéria-prima em importantes setores industriais.

Serviço
Feiplastic 2015 – Feira Internacional do Plástico
Data: 04 a 08 de maio
Horário: 11h às 20h
Local: Pavilhão de Exposições do Anhembi
Av. Olavo Fontoura, 1.209 – Santana – São Paulo (SP)
Estande: B, nº 498

Fonte: Assessoria de Imprensa – Evonik

Curta nossa página no

Evonik introduz no mercado brasileiro acrílico de alto brilho para indústria automobilística

23/10/2013

Utilizado em larga escala  na Europa e nos Estados Unidos, o ACRYLITE® Hi-Gloss, o acrílico especial da Evonik desenvolvido para uso em aplicações automotivas não transparentes, começa a conquistar as montadoras brasileiras de veículos. Segundo a Evonik, a resina de PMMA é produzida na cor Black Piano e possui altíssimo brilho e excelente resistência a intempéries. A empresa afirma que o ACRYLITE® Hi-Gloss é ideal para revestir colunas A, B e C externas dos veículos, retrovisores, lanternas, molduras de rádio e peças do painel.

“O produto oferece excelente custo-benefício e alta durabilidade. Como principais vantagens estão alto brilho sem necessidade de pintura, design leve, economia na produção, altíssima resistência às condições adversas do tempo e possibilidade de polimento”, declara Carla Camilo, chefe de produtos da área de Polímeros Acrílicos da Evonik.

A Evonik destaca que a eficiência e qualidade da sua resina acrícilica são testadas durante todo ciclo de vida do automóvel, garantindo o mesmo padrão inicial, sem perda de brilho. Além disso, características como resistência química, abrasão e facilidade de moldagem o tornam o candidato ideal para substituição de peças plásticas pintadas para uso nas colunas externas, por exemplo, bem como em peças de acabamento no interior dos veículos.

Já é de conhecimento do mercado que peças de plástico pintadas têm maior custo de produção, porque requerem uma etapa adicional de trabalho. A vantagem da utilização do ACRYLITE® Hi-Gloss, segundo a Evonik, é que este passo é completamente eliminado, resultando em economia de até 40% no custo total da peça em comparação com sistemas de componentes pintados.

Os benefícios vão além da economia. Destaca a empresa que, com suas propriedades especiais, o ACRYLITE® Hi-Gloss oferece aparência particularmente luxuosa e superfície de alta qualidade aos componentes. Comparativamente, peças feitas com este material (polimetilmetacrilato – PMMA) também são mais leves do que as metálicas. Como resultado, o próprio veículo fica mais leve, tem menor consumo de combustível e produz menos CO2.

A indústria automotiva brasileira produziu mais de 3,3 milhões de veículos em 2012 e é nesse mercado que a Evonik pretende solidificar o ACRYLITE® Hi-Gloss.“Estamos apresentando o ACRYLITE® Hi-Gloss às montadoras instaladas no Brasil e elas têm demonstrado grande interesse, tanto que o material estará presente em um breve lançamento”, destaca Carla.

A Evonik é um dos principais líderes mundiais em especialidades químicas. Ela atua em mais de 100 países no mundo inteiro. No ano fiscal de 2012, mais de 33.000 colaboradores geraram vendas em torno de 13,4 bilhões de Euros e um lucro operacional (EBITDA ajustado) de cerca de 2,4 bilhões de Euros. No Brasil, a empresa conta hoje com cerca de 500 colaboradores no País e seus produtos são utilizados como matéria-prima em importantes setores industriais, como: automotivo, agroquímico, biodiesel, borracha, construção civil, cosmético, farmacêutico, nutrição animal, papel e celulose, plástico, química e tintas.

Fonte: Evonik

Curta nossa página no

Evonik anuncia aumento da capacidade de produção de metacrilato de metila

08/09/2011

A Evonik, uma das principais fornecedoras de metacrilatos, está aumentando a capacidade de produção de suas plantas de metacrilato de metila ao redor do mundo, para suprir uma crescente demanda.

 A Evonik aumentará sua capacidade de produção de metacrilato de metila através de projetos de desgargalamento e uma série de expansões de plantas já existentes na Europa (Worms e Wesseling, na Alemanha), Ásia (Xangai, na China), e nos Estados Unidos (Fortier), em 2011 e 2012.

Após finalizar os projetos, a Evonik produzirá, aproximadamente, 50.000 toneladas métricas adicionais de metacrilato de metila. Thomas Muller, vice-presidente sênior e gerente geral de Monômeros Acrílicos, disse, a respeito da expansão de capacidade previamente anunciada: “Estamos reagindo a tempo para apoiar o crescimento dos nossos clientes”.

 Metacrilato de metila é usado, principalmente, para resinas de polimetilmetacrilato (acrílicas) e para revestimentos de superfícies.

 A Evonik produz e comercializa metacrilato de metila, ácido metacrílico e metacrilato de butila; metacrilamida, hidróxiésteres e monômeros acrílicos, sob a marca Visiomer®.
 

Informações sobre a empresa

Evonik Industries é o grupo industrial  da Alemanha. A empresa é uma das líderes mundiais em especialidades químicas, seu principal negócio.

A Evonik atua em mais de 100 países no mundo. No ano fiscal de 2010, mais de 34.000 colaboradores geraram vendas de 13,3 bilhões de Euros e lucros operacionais (EBITDA) de 2,4 bilhões de Euros.

 No Brasil, a história da Evonik Industries, começou em 1953. A empresa conta hoje com cerca de 500 colaboradores no país. Os produtos da marca são utilizados como matéria-prima em importantes setores industriais, como: automotivo, biodiesel, borracha, construção civil, farmacêutico, nutrição animal, papel e celulose e plásticos.

Fonte: Via Pública Comunicação / Evonik