Posts Tagged ‘Máquina Elétrica’

Romi leva injetoras e sopradora à Plastech Brasil 2011

12/08/2011

A Indústrias Romi S.A., empresa líder brasileira no setor de máquinas-ferramenta e máquinas para processamento de plásticos, apresenta algumas de suas principais linhas de injetoras e sopradoras na Plastech Brasil 2011.

A companhia irá demonstrar, durante o evento, a injetora ROMI EL 300, um equipamento totalmente elétrico, com baixo consumo energético, que se adapta facilmente a salas limpas e é voltado para produção de peças de alta precisão. A injetora ROMI EN 150, voltada para diversas aplicações, também é composta por servobomba, recurso que permite a redução do consumo energético em relação à máquina com bomba de vazão variável.

Já a sopradora ROMI PET 230 automática é um equipamento para sopro de pré-formas com alta produção de frascos e garrafas para linha de bebidas, cosméticos, limpeza e frascos de uso geral.

Apresentando ao público gaúcho dois lançamentos da linha de injetoras, o diretor de Comercialização de Máquinas da empresa, Hermes Lago, afirma: “A Plastech está crescendo e a participação da Romi no mercado da região Sul também. Acreditamos que esse evento vai colaborar com o crescimento dos resultados da companhia em 2011.”

Outra máquina Romi em exposição será a injetora ROMI P220, que estará demonstrando uma injeção de peça no estande do SENAI.

Máquinas Romi na Plastech:

Injetora ROMI EL 300 Aplicação – máquinas elétricas que se adaptam facilmente a salas limpas. Apresentam baixo nível de ruído e são indicadas para produção de peças de alta precisão com baixo consumo de energia. Capacidade – 300 toneladas de força de fechamento, 745 g de capacidade de injeção.Essa série de máquinas propicia elevada relação desempenho/consumo energético, permitindo uma melhor relação entre produção (kg/h) e consumo energético (kW). É um projeto novo, dotado de componentes e insumos de alta confiabilidade e tecnologia.

Injetora ROMI EN 150 Aplicação – máquina de uso geral destinada a diversas aplicações: injeção de peças técnicas, utilidades domésticas, brinquedos e embalagens. Capacidade – 150 toneladas de força de fechamento, 380 g de capacidade de injeção. Diferencial – a série ROMI EN é composta por máquinas com servobomba, recurso que permite a redução do consumo energético em relação à máquina com bomba de vazão variável. O funcionamento é baseado na variação da rotação do motor: quando a máquina é exigida, o motor fornece a potência necessária ao movimento; quando a máquina está em tempo “de parada”, ou seja, num momento em que não é exigida, o motor permanece praticamente em descanso. Nessa fase, o consumo energético se aproxima muito ao de uma lâmpada convencional.

Sopradora ROMI PET 230 automática Aplicação – equipamento para sopro de pré-formas com alta produção de frascos e garrafas para linha de bebidas, cosméticos, limpeza e frascos de uso geral. Capacidade – produção de frascos e garrafas com capacidade volumétrica de até 3 litros. Dimensões – permitem moldes de duas cavidades de até 3 litros cada. Diferencial – equipamento de alta produtividade, com processo 100% automático, bem compacto em uma construção monobloco, robusto e preciso. Na Plastech 2011 estará produzindo garrafas de 500 ml para água mineral, com uma produção estimada em 1.500 garrafas por hora.

Sobre a Romi – A Indústrias Romi S.A. , fundada em 1930, é líder de mercado na indústria brasileira de máquinas e equipamentos industriais. A empresa fabrica máquinas-ferramenta, principalmente tornos mecânicos e centros de usinagem, máquinas injetoras e sopradoras de termoplásticos e peças feitas de ferro fundido cinzento, nodular ou vermicular, que são fornecidos em estado bruto ou usinado. Os produtos e serviços da Romi são vendidos mundialmente e utilizados por uma grande variedade de indústrias, tais como a automotiva, produtos de consumo geral e indústrias de máquinas e equipamentos industriais e agrícolas.

 Fonte: Assessoria de Imprensa – PlastechBrasil 2011

 

Anúncios

Wittmann Battenfeld apresenta na Brasilplast 2011 lançamentos mundiais.

13/04/2011

A Wittmann Battenfeld apresentará na feira Brasilplast 2011 muitos lançamentos mundiais, entre eles 3 modelos de máquinas, uma máquina elétrica da nova linha ECOPOWER com força de fechamento de 110 toneladas, uma máquina hidráulica da linha HM com 240 toneladas e acionamento servo-drive na bomba o que reduz consideravelmente o consumo de energia durante o processo de injeção e a terceira máquina apresentada será da novíssima linha MACROPOWER com força de fechamento de 800 toneladas e sistema de travamento hidráulico com tecnologia de duas placas. Como novidade em processos, a máquina ECOPOWER apresentará o sistema BFMOLD™ , também conhecido com VARIOTHERM. Este processo permite aquecer e resfriar o molde rapidamente durante o ciclo de injeção, resultando uma superfície com excelente acabamento e brilho.

Todas as máquinas serão equipadas com os periféricos da Wittmann, com integração completa pelo comando da injetora, robôs, alimentadores, desumidificadores, termorreguladores e moinhos completarão todas as células em pleno funcionamento.

A linha de máquinas HM já é reconhecida no mercado brasileiro à mais de 10 anos e a grande sensação no momento será a linha ECOPOWER e MACROPOWER que foram lançadas recentemente no mercado mundial e agora serão apresentadas durante  a BRASILPLAST 2011.

Fonte: Battenfeld / Brasilplast

Injetora elétrica lançada pela Steelmach promete reduzir 80% do consumo de energia

04/08/2010

De olho no mercado da região sul do Brasil, a fornecedora de equipamentos Steelmach Brasil lança na Interplast 2010 a injetora elétrica da LS Metron, empresa coreana do grupo LG, que promete reduzir o consumo de energia em até 80%. Outros diferenciais do lançamento são a não contaminação do equipamento por óleo hidráulico, comum nas injetoras convencionais, menor emissão do ruído e aumento de produtividade – devido à redução do processo de movimentos simultâneos.

As injetoras elétricas estão disponíveis nas capacidades de 30 a 550 toneladas em versões standard , high speed e super hight speed, podendo atingir até 800mm/s de velocidade de injeção. A Steelmach representa duas marcas de injetoras no mercado brasileiro, a Rhino Plast e a LS Metron.

Sobre a Steelmach Brasil
A Steelmach fornece equipamentos de alta tecnologia e excelente relação custo-benefício para indústrias do setor metalmecânico em todo o território nacional. A empresa está sediada em Caxias do Sul/RS e o escritório em Changzhou, província de Jiangsu/China. A empresa atende o mercado de corte e conformação de metais (guilhotinas, dobradeiras, puncionadeiras e prensas) e também o indústria de transformação de plástico (injetoras e sopradoras).

Fonte: Messe Brasil