Posts Tagged ‘Mamadeiras’

BASF expande portfolio de PPSU para fabricação de garrafas por injeção, extrusão-sopro e injeção-sopro

02/04/2021

Ultrason® P für Trinkflaschen / Ultrason® P for bottles

  • Com o portfólio da BASF de polifenilsulfona (PPSU), é possível usar os três principais métodos de processamento
  • Material é usado para produzir garrafas seguras e robustas em muitos modelos, formas e cores, diz a empresa

A BASF expandiu seu portfólio do polímero de engenharia Ultrason P para uso na fabricação de garrafas pelos três métodos de processamento que são padrão na indústria. Segundo a empresa, os dois grades de polifenilsulfona (PPSU) Ultrason P 2010 e P 3010 podem ser usados para fabricar garrafas e mamadeiras seguras para uso, robustas e quimicamente resistentes, bem como disponíveis em muitos modelos, formas e cores pelos processos de injeção-sopro, extrusão-sopro e moldagem por injeção. A BASF afirma que esses três processos se beneficiam das propriedades personalizadas do termoplástico de alta temperatura: ele não contém substâncias nocivas, é aprovado para o contato com alimentos, tem excelente resistência, resistência química e estabilidade térmica de até 180°C por longos períodos de uso, garante a empresa.

DE acordo com a BASF, as garrafas feitas com a sua resina de polifenilsulfona transparente podem facilmente suportar esterilização no micro-ondas ou em água muito quente – independentemente do método utilizado para fabricá-las. “A produção de garrafas e mamadeiras de alta qualidade, seguras e estilosas apresenta um desafio que não pode ser comparado ao de garrafas PET, de polipropileno ou de copoliéster convencionais”, afirma Georg Grässel do Desenvolvimento Global de Negócios da BASF Ultrason. “Todos os métodos de processamento globalmente difundidos têm seus próprios requerimentos específicos para o material utilizado – e é aqui que o Ultrason P provou seu valor para clientes em diversos países. Eles podem escolher o material mais adequado do nosso portfólio e podem se beneficiar do suporte técnico de aplicação no local, assim como da disponibilidade global de diferentes grades”.

Durante a moldagem por extrusão-sopro, o plástico fundido é extrudado de cima para baixo através de uma matriz circular para formar um “parison” em forma de mangueira. Ar é soprado internamente para inflar o parison dentro de um molde, de modo que a mangueira plástica assume assim a forma do mesmo. A viscosidade média de Ultrason P 3010 é particularmente adequada a esse processo, devido à sua elevada resistência do material fundido, em contraste com outros materiais de PPSU do mercado, afirma a BASF. Isso permite que o parison quente e alongado permaneça estável mesmo próximo da matriz, garantindo uma moldagem por sopro uniforme. Para geometrias complexas com diferentes espessuras e designs, um controle do parison programado pode ser usado. Isso evita que o peso do parison cause seu próprio alongamento e resultE em espessuras uniformes ao longo do comprimento total da garrafa.

Quando o processo de injeção é utilizado, o corpo da garrafa pode ser moldado por injeção com ou sem uma rosca da tampa e base, o que proporciona grande flexibilidade quando se trata do design da garrafa ou do método utilizado para remoção de ar de mamadeiras. Hoje, o Estado da Arte é a fabricação com moldes de cavidades únicas e múltiplas, em combinação com um sistema de câmara quente. Segundo a BASF, o seu Ultrason P 2010 de alto fluxo e baixa viscosidade é particularmente adequado para o processo, uma vez que torna possível o uso de paredes finas, mesmo quando há longas trajetórias de fluxo – sem comprometer a resistência química ou ao impacto.

O processo de fabricação mais difundido de todos, especialmente na fabricação de mamadeiras na Ásia, é a moldagem por injeção-sopro. Inicialmente, uma espécie de “tubo de ensaio” rosqueado na extremidade (região da tampa) é é produzido pelo método convencional de moldagem por injeção. Em seguida, o “tubo de ensaio” é reaquecido e, finalmente, expandido e inflado com ar dentro de um molde de sopro, fazendo com o material assuma o formato do molde. As vantagens do PPSU Ultrason P 3010 devem-se principalmente rápido tempo de ciclo à moldagem precisa da rosca no local onde vai ser colocada a tampa da garrafa.

Os dois tipos de Ultrason P são adequados tanto para moldagem por injeção sozinha como para o processo de injeção-sopro (injeção seguida de sopro) porque são particularmente fáceis de serem processadas usando-se sistemas de câmara quente configurados de forma adequada, sem perdas de material. Isso torna possível produzir garrafas com Ultrason P que podem ser usadas por um longo tempo e em muitas áreas de aplicação diferentes, sem comprometer a qualidade das propriedades mecânicas e ópticas, garante a BASF.

Ultrason é o nome comercial da gama de produtos de polietersulfona (Ultrason E), polissulfona (Ultrason S) e polifenilsulfona (Ultrason P) da BASF. O material de alto desempenho é usado para fabricar componentes leves nas indústrias eletrônica, automotiva e aeroespacial, bem como em membranas de filtração de água e em peças que entram em contato com água quente e alimentos. Segundo a BASF, as marcas Ultrason podem substituir termofixos, metais e cerâmicas em muitas aplicações.

A divisão de Materiais de Performance da BASF engloba sob o mesmo teto todo know-how de materiais da BASF em relação a plásticos inovadores e personalizados. Mundialmente ativa em quatro grandes setores da indústria – transporte, construção, aplicações industriais e bens de consumo – a divisão de Materiais de Performance da BASF tem um amplo portfólio de produtos e serviços e alcançou vendas globais de €5,63 bilhões em 2020.

O Grupo BASF conta com mais de 110.000 funcionários em quase todos os países do mundo. O portfólio do Grupo está organizado em seis segmentos: Químicos, Materiais, Soluções Industriais, Tecnologias de Superfície, Nutrição e Cuidados e Soluções Agrícolas. A BASF gerou vendas de € 59 bilhões em 2020.

Curta nossa página no