Posts Tagged ‘Italia’

Vendas da indústria italiana de máquinas de processamento de plásticos cresce na faixa de dois dígitos no primeiro trimestre de 2017

29/06/2017

Exportações italianas de máquinas e equipamentos para processamento de plásticos e borrachas e moldes (por áreas principais – em milhões de euros)

O Centro de Estudos da Amaplast (Associação industrial italiana que congrega 160 fabricantes de máquinas de processamento de plásticos e borracha e moldes, anteriormente conhecida como Assocomaplast) analisou dados de comércio exterior publicados pelo ISTAT em relação ao primeiro trimestre do ano atual.

Em comparação com o mesmo período de 2016, as importações aumentaram 15,3% e as exportações 16,3%.

A clara tendência ascendente das exportações prossegue o que foi registrado em 2016 e o desempenho na casa de dois dígitos é um sinal particularmente bom para os fabricantes italianos, que vendem 70% ou mais de seus produtos para compradores em outros países. As vendas em 2016 totalizaram 4,2 bilhões de euros, retornando aos níveis pré-recessão –

As exportações aumentaram significativamente para quase todas as categorias de máquinas – com exceção de prensas de pneus e plantas de espuma – variando desde acima de 8% para prensas até mais de 70% para máquinas de termoformagem.

Analisando os dados em termos geográficos, as exportações globais mostram um crescimento robusto (cerca de 20%) para a Europa (que é o mercado primário), com um valor que aumentos de 380 a 455 milhões de euros. Alemanha, Espanha e Romênia registraram os aumentos mais expressivos (notando-se também que a Rússia está finalmente mostrando sinais positivos de recuperação).

As vendas para a América Central e do Sul aumentaram 53% para 47 milhões de euros, com um crescimento significativo das exportações para o Brasil e uma notável abertura do mercado cubano.

As exportações para a África aumentaram 21%, atingindo um valor de 33 milhões de euros, com a Argélia, a Nigéria e África do Sul liderando as aquisições.

A tendência ascendente nas vendas para a Ásia e a América do Norte, da ordem de + 4%, foi um tanto menos pronunciada. No entanto, essas zonas absorvem uma parcela considerável das exportações italianas no setor: em janeiro-março de 2017, os mercados da Ásia e Oriente Médio (incluindo a região da Oceania) e os países do NAFTA representaram 14% do total.

A pesquisa realizada entre os membros da Amaplast no final de maio, comparando o semestre atual com o mesmo período em 2016, destaca uma tendência positiva tanto nas receitas – com crescimento 39% reportando crescimento e 46% reportando estabilidade – como nos pedidos de compra – com 42 % relatando crescimento e 52% relatando estabilidade.

“Não esperamos que as exportações mantenham um crescimento de dois dígitos até o final do ano”, afirma o presidente da Amaplast, Alessandro Grassi “, mas, de qualquer forma, esse é certamente um sinal muito importante que confirma o crescimento contínuo no setor, apoiado também pela tendência positiva no mercado interno registrada nos meses anteriores “.

Fonte: Amaplast

Curta nossa página no

Feira PLAST 2015, em Milão: resultado positivo e uma data para 2017

16/05/2015

Plast_MilanoA décima sétima edição da feira PLAST chegou ao fim. A Feira Trienal Internacional de Plásticos e Borracha é um dos eventos mais importantes para a indústria e o mais aguardado na Itália. Os resultados da PLAST deste ano, em termos de visitantes e expositores, foram muito positivos. O número total de visitantes é semelhante ao da PLAST 2012, em aproximadamente 50.000, com mais de um terço vindo do exterior: na maior parte, de todos os países da Europa, EUA e da Ásia.

O alcance internacional da feira é confirmado tanto pela porcentagem de visitantes do exterior, superando os níveis de 2012, como pelas muitas delegações de outros países (40 delegações e um total de 300 delegados), satisfeitos com as reuniões realizadas durante a Feira.

Houve uma ligeira queda no número de visitantes italianos com relação à edição anterior, mas este fato há havia sido previsto pelos organizadores, os quais ressaltaram que, apesar das dificuldades econômicas que as empresas estão enfrentando, a PLAST 2015 demonstrou um bom nível de vitalidade, tanto em termos de contatos de negócios como de número de expositores (1558).

Mario Maggiani, Diretor da Promaplast

Mario Maggiani, Diretor da Promaplast

Mario Maggiani, diretor da Promaplast, entidade organizadora da PLAST, já imaginou as diretrizes para a próxima edição, que fará uma exceção à regra de três anos e acontecerá em 2017 (26 a 30 de setembro). As três feiras-satélites – borracha, impressão 3D e Start Plast – vão se tornar permanentes e novas áreas temáticas já estão em fase de desenvolvimento.

“Graças em parte aos pedidos dos expositores ou potenciais expositores, agora que a feira deste ano terminou, vamos voltar direto para o trabalho para ficar um passo à frente e abraçar as novas oportunidades de negócios e as novas fronteiras tecnológicas do nosso mundo”, comenta Maggiani. ” Estaremos organizando uma série de áreas temáticas representando o futuro, uma dos quais será a reciclagem. É um setor onde recursos financeiros significativos estão sendo investidos e as empresas italianas têm sempre estado na vanguarda da inovação. O outro grande tema no qual queremos dedicar mais espaço são os compósitos, que estão encontrando aplicações, incluindo aplicações de nicho, tirando proveito dos benefícios dos plásticos combinados com agentes de reforço. Estes são materiais avançados usados ​​em indústrias de ponta, tais como automotivo, aeroespacial, aeronáutica, construção naval: todos os setores em que a indústria italiana é líder mundial.”

Fonte: Assessoria de Imprensa – Plast 2015

Curta nossa página no

Organização da Feira PLAST 2015 em Milão dá o pontapé inicial

11/02/2014

Plast2015Com o envio de um link personalizado para inscrição on-line para mais de 7.000 potenciais expositores ( a primeira vez que este método foi utilizado) , a Promaplast srl (organizador da PLAST 2015) inaugurou oficialmente os preparativos para a 17 ª edição da Feira Internacional da Indústria de Plásticos e Borracha, que acontecerá no pavilhão de feiras de Milão, de 5 a 9 de maio de 2015.

O número de participantes inscritos (e certificados) na PLAST 2012 (1.514 expositores de 58 países e 50.593 visitantes de 121 nacionalidades diferentes) prefigura a PLAST 2015 como o mais importante evento do próximo ano para a indústria de plásticos e borracha na Europa.

Além de suas iniciativas junto aos expositores, a organização da feira também começou a desenvolver contatos com parceiros institucionais, organizadores de convenções, associações comerciais e outros players da indústria para tornar este evento especializado de Milão uma oportunidade ainda mais frutífera para que os profissionais do setor possam se reunir, trocar experiências e inovações e acompanhar os desenvolvimentos mais recentes, em um momento que promete trazer o ressurgimento muito aguardado da economia, tanto no segmento de plásticos e borracha como na indústria em geral.

Os expositores que confirmarem a sua inscrição até 15 de Maio de 2014 terão direito a um desconto de 15 % sobre as taxas de participação, bem como a tarifas especiais relativas ao espaço de exposição, à instalação gratuita de energia elétrica para aqueles que exibem máquinas em operação e a prioridade na alocação de espaço. Todos os expositores serão listados gratuitamente no portal Fiera Milano Expopage e, naturalmente , no catálogo oficial da PLAST 2015.

Ocorrendo durante a semana inaugural da EXPO 2015 (evento de seis meses que vai de 1 maio – 31 outubro) , a PLAST 2015 conta com o patrocínio do Ministério do Desenvolvimento Económico e do apoio da EUROMAP ( Federação Europeia de Máquinas e Equipamentos para Plásticos e Borracha) e da UFI ( Associação da Indústria de Exposições) .

Para obter informações adicionais : www.plastonline.org .

Fonte: Assocomaplast

Curta nossa página no

Romi realiza Open House na Itália

22/12/2012

Empresa apresentou ao público sua nova linha de injetoras, que alinha praticidade, tecnologia e alta precisão

romi-primaxA Indústrias Romi S.A., empresa líder brasileira no setor de máquinas-ferramenta e máquinas para processamento de plásticos, apresentou aos visitantes do Open House – Arceto di Scandiano, a sua injetora Romi Primax 220H. O encontro foi realizado entre os dias 14 e 15 de dezembro, na cidade de Arceto Scandiano, na empresa RECO TECH.

Investindo na apresentação dos modelos de máquinas plástico produzidos no Brasil, a Romi acredita que o Open House abrirá portas para novas negociações, atingindo o interesse do público italiano, que terá a oportunidade de conhecer melhor sua linha de máquinas e todos seus avanços tecnológicos.

A Romi destaca as realizações de Open House como melhor forma de interagir no bom relacionamento entre cliente e empresa, proporcionando antes mesmo da compra, total transparência e credibilidade da marca.

Durante o evento, a injetora Romi Primax 220H fez  demonstrações ao público para apresentar a qualidade e as inovações tecnológicas do produto. Além da apresentação da máquina, estiveram disponíveis catálogos e demais materiais publicitários de toda a gama de Injetoras Romi.

Fonte: Romi

Curta nossa página no

Preparativos em andamento para a Feira Plast 2012 em Milão, na Itália.

06/09/2011

Em 2012, PLAST será a maior feira européia do setor de plásticos e borracha, compreendendo os segmentos de máquinas, equipamentos, moldes, matérias-primas, materiais reciclados, compósitos e produtos semi-acabados e acabados, sendo esperado que os seus números igualem àqueles estabelecidos pela edição anterior da feira, em Março de 2009: 1.478 expositores de 45 países, ocupando uma área total de 59.714 m2 e 55.175 visitantes, dos quais mais de 31% (17.589) de 114 países estrangeiros.

 PLAST 2012, que ocorrerá entre os dias 08 a 12 de maio do próximo ano, também verá o retorno, após uma ausência de muitos anos, do “RUBBER 2012” evento satélite organizado pela PROMAPLAST em conjunto com os editores da revista técnica “L’Industria della Gomma”, sob a égide da ASSOGOMMA, a Associação Setorial dos Fabricantes e Processadores de Borracha, um membro da Federazione Gomma PLASTICA (Federação Italiana de Plásticos e Borracha).

 Além disso, em 13 de Julho de 2011, a empresa organizadora PLAST 2012 e a Consórcio POLI.DESign da Politécnica de Milão assinaram um acordo para lançar conjuntamente um concurso internacional de idéias chamado de “Prêmio Tecnologia do Plástico”. Os temas do concurso se relacionam com as inovações e soluções originais de aplicações relacionadas com as principais tecnologias de processamento de plásticos.  Ele é aberto a profissionais e estudantes de design da Itália e do exterior. O júri compreende membros da academia e da indústria e é presidido por um professor da Politécnica de Milão. O prêmio vai ser entre durante a feira PLAST.

 Há também um rico programa de eventos paralelos, conferências técnico-científicas e apresentações de empresas, fazendo da PLAST não somente uma ocasião de grande importância comercial para expositores e visitantes, mas também uma oportunidade para explorar as tendências e últimos desenvolvimentos da indústria. As conferências já programadas incluem uma palestra sobre materiais biodegradáveis e outra sobre aplicações de plásticos na agricultura; ambas vão contar com palestrantes italianos e internacionais.

 A feira internacional de 2012 é realizada sob a égide do Ministério de Desenvolvimento Econômico, com o apoio da EUROMAP (European Association of Plastic and Rubber

Machinery Manufacturers, http://www.euromap.org) e, pela primeira vez, da UFI (Global Association of the Exhibition Industry, www.ufi.org).

Fonte: PROMAPLAST

Com número recorde de 43 empresas, a Itália se apresenta na BRASILPLAST 2011

04/05/2011

Reconhecida mundialmente na área de tecnologia em maquinário e moldes para materiais plásticos e borracha, a Itália vem reforçar sua presença no país e apresentar seu potencial para o setor durante a BRASILPLAST 2011, de 09 a 13 de maio, no Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo.

 Com o objetivo de firmar novas parcerias estratégicas, bem como consolidar a presença das empresas italianas no país, a iniciativa conta com a organização do ICE – Instituto Italiano para o Comércio Exterior, entidade ligada ao Ministério do Desenvolvimento Econômico da Itália, em parceria com a ASSOCOMAPLAST – Associação Italiana dos Fabricantes de Máquinas para Matéria Plástica e Borracha.

 O Pavilhão Italiano reúne 43 empresas líderes em seus setores de atuação, apresentando crescimento de 40% em sua área expositiva e 38% em relação ao número de participantes, comparado à edição anterior, em área expositiva de quase mil metros quadrados.

 Comércio Bilateral

O Brasil é o 5º maior mercado mundial de exportação italiana no segmento. Além disso, a Itália ocupa atualmente o 3º lugar entre os principais fornecedores de instalações para o mercado brasileiro, tendo quase duplicado, em 2010, o valor de suas vendas para o setor, chegando a quase 100 milhões de euros (versus 2009).

O setor na Itália

Em termos de faturamento e exportação, os fabricantes italianos de máquinas para matéria plástica e borracha, ocupam o segundo lugar, a nível mundial, com mais de 11% sobre o total, atrás da Alemanha. Equiparado tecnologicamente com o país europeu, a Itália apresenta a vantagem de oferecer uma melhor relação qualidade/preço, o que a torna mais competitiva, sobretudo em relação aos países mais orientados à produção de alta qualidade e valor agregado.

Em mais de 50 anos de atividade, o setor italiano passou por um constante processo de evolução, que lhe permitiu desenvolver uma indústria completa, com ampla gama de produtos: extrusoras mono e duplo parafuso, máquinas à injeção, máquinas para extrusão-injeção/sopro, máquinas para estampagem rotacional e linhas diversificadas de máquinas para espumas poliuretânicas rígidas e flexíveis, entre outros.

Destaque especial para o segmento de reciclagem (mecânica) de termoplásticos e borracha, com soluções que englobam a inclusão de matérias-primas de segunda-mão, que podem ser valorizadas e recolocadas no ciclo produtivo e instalações, máquinas e equipamentos que ofereçam soluções tecnológicas voltadas a processos de transformação sustentável e com menor impacto ambiental, como máquinas com reduzido consumo de energia, que também permitem a produção de artigos de plástico cada vez mais leves e com as mesmas características técnicas.

 O desenvolvimento da indústria italiana nos últimos anos

Os principais indicadores do setor mostram avanços positivos. Para a indústria italiana o balanço de 2010, em relação ao ano anterior, apresenta uma substancial retomada, superior às estimativas dos meses anteriores. O bom momento da indústria italiana é confirmado pelo incremento da produção de máquinas para a indústria do plástico e da borracha (+ 9,1%) em relação a 2009, com um valor de 3,6 bilhões de euros. Quanto às exportações, estas somaram, no mesmo período, 2,01 bilhões de euros (+ 9,7%)  e um saldo positivo na balança comercial de 1,4 bilhões, tendo como principais destinos Alemanha e China (dados ICE/ ASSOCOMAPLAST).

Entidades

 ICE – Instituto Italiano para o Comércio Exterior

(www.ice.gov.itwww.italtrade.com)

Instituição do Governo Italiano que, com uma rede de 117 escritórios espalhados por 87 países e outros 17 na Itália, promove os produtos, as tecnologias e os serviços italianos no mundo, dando particular atenção aos interesses e às necessidades das pequenas e médias empresas. Também trabalha para estimular o investimento direto no país e no exterior, bem como atrair investimentos estrangeiros à Itália.

 ASSOCOMAPLAST – Associação Italiana dos Fabricantes de Máquinas para Matéria Plástica e Borracha

(www.assocomaplast.org.it)

Associação que atua desde 1960, reunindo cerca de 170 importantes empresas italianas fabricantes de máquinas, equipamentos auxiliares e moldes para trabalhar matéria plástica e borracha, com o objetivo de promover, mundialmente, o conhecimento e a difusão da tecnologia italiana para a transformação da matéria plástica e da borracha.

Fonte:  RM Press