Posts Tagged ‘Ignifugas’

Rhodia mostra inovações em plásticos de engenharia na Plastimagem, no México

05/10/2011
  • Novidades atendem aos mercados automotivo, eletroeletrônico e bens industriais de consumo
  • Destaques são Technylstar® A205F, nova tecnologia desenvolvida no Brasil que ajudará os clientes a obter maior economia de energia e uma nova gama de Technyl® livre de halogênio, para a indústria fotovoltaica.

 A Rhodia, uma empresa do grupo Solvay, disposta a reforçar sua participação no fornecimento de plásticos de engenharia em poliamida 6.6 para o mercado mexicano, apresentará na Plastimagem 2011 (de 04 a 07 de outubro, no Centro Banamex, na Cidade do México) uma série de inovações desenvolvidas em seus centros de pesquisas e junto com seus clientes. Essas inovações atendem os clientes do setores automotivo, de eletroeletrônicos e de bens de consumo e bens industriais.

 “Nossa intenção é reforçar nossas parcerias com os clientes locais, ajudando a expandir o setor de plásticos de engenharia, oferecendo as soluções que desenvolvemos em nossos laboratórios e centros de pesquisas mundiais”, afirma Marcos Curti, diretor da Rhodia Plásticos de Engenharia para as Américas.

 Mercado em expansão – Segundo ele, o mercado mexicano será beneficiado com a recente decisão da empresa de unificar as operações de plásticos de engenharia na América Latina e América do Norte. “Além da base industrial instalada no Brasil e dos acordos de industrialização nos EUA, vamos explorar toda a estrutura disponível na região em Pesquisa e Desenvolvimento, Sérviço Técnico e Marketing, para cada vez mais valorizar os nossos clientes em toda essa zona geográfica”, acrescenta Marcos Curti.

Um dos alvos da Rhodia Plásticos de Engenharia é o segmento de peças para o setor automotivo, que passa por um período de expansão no México. Segundo a Amia, Associação Mexicana da Indústria Automotiva, a produção de automóveis continua em alta: de janeiro a agosto de 2011 foram fabricados 1,68 milhões de automóveis, com um crescimento de 14,8% sobre o mesmo período em 2010. “Cada vez mais os veículos incorporam peças e partes fabricadas em plásticos de engenharia de poliamida”, diz Curti.

As ambições de crescimento da Rhodia no segmento de plásticos de engenharia são solidamente baseadas na inovação sustentável e na presença em mercados com crescimento rápido e lucrativo. A Unidade Global de Negócios de Plásticos de Engenharia tem forte presença no mercado mundial e está particularmente bem posicionada em regiões de rápido crescimento: cerca de 38% de suas vendas estão na Ásia, e 18% estão na América Latina.

Um Mundo de Soluções com os plásticos de engenharia da Rhodia

Sob o slogan “Um Mundo de Soluções”, a empresa apresenta uma série de novidades em tecnologia e produtos na área de plásticos de engenharia. As novidades selecionadas para apresentação na Plastimagem 2011 incluem:

— uma nova geração de Technyl®Star, denominada A205F, que ajudará os clientes a obter maior produtividade, além de redução significativa dos custos com energia em seus processos de produção.

— uma nova gama de Technyl®, livres de halogênio, para a indústria fotovoltaica;

TechnylStar A205F – Entre as recentes inovações desenvolvidas pela empresa e que começam a ganhar espaço em clientes mundiais da Rhodia está o TechnylStar A205F, uma nova tecnologia para formulações de plásticos de engenharia em poliamida. A inovação foi projetada especificamente para aplicações de produção em massa que necessitam de ciclos de injeção curtos e moldes complexos. É particularmente adequada para peças pequenas produzidas em grandes volumes, incluindo abraçadeiras, grampos, conectores, tomadas e válvulas técnicas utilizadas pelas indústrias dos segmentos automobilístico, de eletroeletrônicos e de bens industriais e bens de consumo.

Em comparação com as poliamidas tradicionais disponíveis no mercado, o uso de TechnylStar A205F proporciona, em condições ideais de processamento, economia significativa de energia através da redução de temperatura de processamento, proporcionando uma redução de até 20% do consumo global de energia. Além disso, a fluidez inigualável desse produto aumenta a produtividade de moldagem de injeção em até 15% e garante alta liberdade de design, mantendo todas as propriedades mecânicas essenciais para a aplicação.

“Esta nova geração de TechnylStar ilustra perfeitamente a capacidade da Rhodia de desenvolver inovações que preservam os recursos não-renováveis”, afirma Marcos Curti, lembrando que a ampliação da tecnologia foi desenvolvida por equipes da empresa no Brasil, proporcionando um perfeito exemplo do valor agregado trazido pela presença global da empresa. “Não tenho dúvida de que esta nova gama será uma referência de mercado, permitindo a nossos clientes em todo o mundo dar um passo importante em direção ao consumo reduzido de energia e aumento da produtividade”, acrescenta Curti.

Poliamidas Ignífugas – Durante a Plastimagem 2011, outro destaque da Rhodia é a nova linha livre de halogênio das poliamidas ignífugas Technyl® para uso nas mais exigentes aplicações fotovoltaicas de componentes. Esses componentes fotovoltaicos têm de ter um desempenho consistente em seu mais alto nível, atendendo uma ampla gama de temperaturas e condições meteorológicas. Esses produtos também têm que cumprir normas de segurança extremamente rigorosas no mundo inteiro.

A nova linha ignífuga de Technyl® lançada pela Rhodia oferece uma solução que satisfaz plenamente as exigências técnicas, de processamento, regulamentares e de custo-desempenho necessárias para a fabricação de componentes fotovoltaicos. “As poliamidas ignífugas Technyl® permitem às empresas produzir componentes fotovoltaicos em uma nova escala industrial”, explica o diretor da Rhodia Plásticos de Engenharia nas Américas.

As versões ignífugas da Technyl® atendem aos requisitos das normas UL5VA, UL94 V-0, e também com as certificações atmosféricas altamente rigorosas da ULF1. A linha Technyl A 60G1 V25, projetada especificamente para caixas de junção, foi avaliada com os conceitos 5VA e ULF1 pelos Underwriters Laboratories. Este produto livre de halogênio também recebeu conceito na UL94 V-0 como o melhor na classe RTI, desempenho de envelhecimento elétrico e mecânico. A Technyl 50H1 tem propriedades de inflamabilidade semelhantes, ao mesmo tempo em que exibe um comportamento de processamento excelente, comprovando ser a solução ideal para aplicações em conexões fotovoltaicas de paredes finas.

Usar a energia do sol para gerar eletricidade limpa está rapidamente se tornando uma realidade comercial viável com a melhoria contínua da tecnologia fotovoltaica. A nova linha fotovoltaica ignífuga da Technyl® contribui para a preservação dos recursos não-renováveis, mais uma vez demonstrando o compromisso da Rhodia com a inovação sustentável.

A Rhodia, uma empresa do grupo Solvay, é uma companhia química internacional fortemente engajada no Desenvolvimento Sustentável. Líder em seus negócios, a empresa coloca a busca da excelência operacional e sua capacidade de inovação a serviço do desempenho dos seus clientes. Estruturada em 11 unidades globais de negócios, a Rhodia é parceira dos maiores líderes mundiais das indústrias: automotiva, eletroeletrônica, aromas e fragrâncias, saúde, mercados de cuidados pessoais e domésticos, bens de consumo e mercados industriais. A Rhodia emprega 14 000 pessoas em todo o mundo e obteve faturamento de 5,23 bilhões de euros em 2010.

Fonte: Rhodia

Anúncios