Posts Tagged ‘Elastopan’

Materiais de origem renovável para calçados são destaques da BASF no Inspiramais 2021

15/07/2021

  • Plásticos de base biológica são parcial ou totalmente feitos de matérias-primas renováveis
  • Evento Inspiramais está sendo apresentado digitalmente entre 13 e 16 de julho, com inovações para diversos setores

Novos produtos para fabricação de calçados desenvolvidos pela BASF serão apresentados no Inspiramais Digital, salão de soluções que está sendo realizado de 13 a 16 de julho em plataforma online. Segundo a BASF, a nova série N da companhia apresenta soluções em poliuretano termoplástico (TPU) e sistema PU (poliuretano) para componentes de calçados com cerca de 50% de sua composição vinda de fonte renovável, diminuindo o uso de materiais de fonte fóssil e as emissões de gases do efeito estufa. Os materiais mantêm as propriedades químicas e mecânicas dos sistemas já existentes, garantindo a performance desejada para cada tipo de calçado, afirma a empresa.

“O Inspiramais é um fórum altamente qualificado, que reúne soluções e materiais, considerando aspectos sociais, econômicos e culturais que impactam diretamente na moda. Nossa linha de base biológica se encaixa perfeitamente no propósito de contribuir para a produção de calçados cada vez mais sustentáveis, com performance, conforto, estabilidade e qualidade e atendendo à criatividade e propostas inovadoras dos designers”, explica Heitor Barbosa, gerente sênior do negócio de calçados da BASF para a América do Sul.

De acordo com a fabricante, fazem parte da nova linha os materiais para palmilha, entressola e sola Elastollan N Bio-based, um poliuretano termoplástico (TPU) produzido com matérias-primas com base em fontes renováveis e com bio-conteúdo de até 62%; e o Elastopan N, material com características únicas de amortecimento e alto desempenho, com bio-conteúdo de até 12%. Além dessas novidades, está sendo apresentado o portfólio mais amplo de soluções que a BASF oferece para o setor calçadista, com experiência de mais de 40 anos e com o apoio de um laboratório de desenvolvimento local.

Também fez parte da programação da empresa no Inspiramais um webinar apresentado no dia 14 de julho, que abordou as principais tendências no mercado calçadista: “TPU para calçados: performance, sustentabilidade e inovação”, com Luiz Roxo, desenvolvedor de aplicações e especialista em TPU na BASF e Flávia Vanelli, especialista em inovação, sustentabilidade, cadeias de valor e representante da Assintecal (Associação Brasileira de Empresas de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos).

O Inspiramais (www.inspiramaisdigital.com.br) apresenta a cada semestre o lançamento de mais de 600 materiais desenvolvidos para os segmentos de calçados, confecção, móveis e bijuterias, projetos especiais e palestrantes que inspiram inovação e sustentabilidade para o setor da moda. A participação é gratuita e as inscrições podem ser feitas pelo site

A divisão de Materiais de Performance da BASF engloba sob o mesmo teto todo o know-how de materiais da BASF em relação a plásticos inovadores e personalizados. Mundialmente ativa em quatro grandes setores da indústria – transporte, construção, aplicações industriais e bens de consumo – a divisão tem um amplo portfólio de produtos e serviços. Em 2020, a divisão de Materiais de Performance alcançou vendas globais de €5,63 bilhões. O grupo BASF como um  todo gerou vendas de € 59 bilhões em 2020.

Curta nossa página no

BASF apresenta soluções para calçados de segurança na A + A 2015, em Düsseldorf

03/11/2015

BASF_Shoes

  • O Infinergy® apresenta propriedades de suspensão e absorção para calçados de segurança
  • Para temperaturas extremas, a BASF um grade com propriedades de alta resistência à flexão, mesmo a temperaturas de – 45 °C

Neste ano, a BASF apresentou seu novo portfolio de poliuretano (PU) e poliuretano termoplástico (TPU) para calçados de segurança na A + A 2015, a feira internacional de saúde e segurança ocupacional em Düsseldorf (Alemanha). De 27 a 30 de outubro, os visitantes do evento puderam conferir as soluções de PU/TPU da BASF em calçados de segurança.

Infinergy® – elástico como borracha, porém mais leve

O primeiro poliuretano termoplástico expandido do mundo  (TPU-E)  está sendo usado pela primeira vez em calçados de segurança. De acordo com a BASF, a espuma de células fechadas de partículas elásticas apresenta baixa densidade, alta elasticidade, elevada resistência à abrasão, força de tração e uma boa durabilidade a longo prazo com um amplo intervalo de temperaturas (chegando até a -20 °C), juntamente, com uma boa resistência química. Entretanto, a principal característica do Infinergy® é a sua alta resiliência. Segundo a empresa, o teste de elasticidade de rebote de acordo com a norma ISO 8307 (teste de rebote de bola) e DIN 53512 (com martelo pêndulo definido) demonstra que o Infinergy® atinge uma altura de rebote de mais de 55%, colocando-o à frente em comparação com outros tipos de espumas, tais como polipropileno expandido (PPE) a 30%, acetato de vinilo etileno (EVA) a 37%, e polietileno expandido (EPE) a 50%. O Infinergy® não perde sua alta resiliência, mesmo com o uso contínuo, tornando-o o material ideal para entressolas nos calçados de segurança.

O Infinergy®  é usado pela primeira vez na linha de calçados de segurança “Wellmaxx”, produzidos pelo fabricante inovador ELTEN. “Nenhuma entressola produziu até agora maior retorno de energia. Na prática, a nova tecnologia de amortecimento torna a vida mais fácil para todos os membros de equipes cujo trabalho envolve corridas – um fator importante em alguns setores, pois significa uma grande melhoria na prevenção da fadiga e problemas de articulação”, confirma Stefan Tintrup, sapateiro ortopédico e especialista líder em tecnologia de calçados da fabricante Elten, na Renânia do Norte. As pessoas que participaram do teste de desgaste ficaram muito entusiasmadas com as propriedades únicas de suspensão e absorção dos sapatos.

Elastopan® Light Safe – leve e antiestático

No Elastopan® Light Safe, a BASF oferece outro sistema de baixa densidade. Segundo a BASF, este é um poliuretano expandido por água, extremamente antiestático e com baixa densidade. As entressolas feitas com esse novo material são até 40% mais leves do que os sistemas de PU padrão utilizados em entressolas em calçados de segurança e, portanto, proporcionam maior conforto para o usuário, afirma a empresa.

Ele pode ser usado em combinação com TPU ou sola exterior de borracha para produzir uma camada de dupla densidade que atende à norma ISO EN20344: 2011. O material não requer qualquer tecnologia de produção especial, pode assim ser processado com máquinas injetoras e de casting convencionais com a finalidade de produzir solas e sapatos.

Grades de Elastopan® para as temperaturas mais baixas

A BASF oferece uma família de sistemas de PU sob o nome Elastopan® Extreme Frost, projetada especialmente para condições climáticas muito frias. Em contraste com os sistemas convencionais, as solas feitas desse material exibem uma resistência à flexão a -45 ° C em mais de 50.000 ciclos, no  Teste canadensa de flexão Ross, e em mais de 8.000 ciclos, nas condições do Certificado Russo de Conformidade GOST, afirma a empresa. Outras propriedades principais incluem alta resistência ao deslizamento em superfícies molhadas e congeladas, baixa abrasão e alta absorção, segundo a BASF.

A divisão de Materiais de Performance da BASF engloba todo o know-how de materiais da BASF em  plásticos inovadores e personalizados. Mundialmente ativa em quatro grandes setores da indústria – transporte, construção, aplicações industriais e bens de consumo,  a Divisão de Materiais de Performance alcançou vendas globais de € 6,5 bi em 2014.

Fonte: BASF

Curta nossa página no