Posts Tagged ‘ColombiaPlast’

Rhodia apresenta soluções sustentáveis em plásticos de engenharia na Colombiaplast 2012

01/10/2012

A Rhodia, empresa do grupo Solvay, disposta a reforçar sua presença no mercado latino-americano de plásticos de engenharia e polímeros de alto desempenho, participa pela terceira vez consecutiva da Colombiaplast 2012 apresentando uma série de soluções alinhadas às necessidades do mercado. O evento, o maior do setor na região do Merconorte, ocorre de 01 a 05 de outubro no centro de exposições de Bogotá, na Colômbia.

O foco da Rhodia Plásticos de Engenharia está na oferta de tecnologias e produtos para produção de peças que atendam aos três principais eixos de crescimento do setor: redução de peso, reciclabilidade e sustentabilidade (redução de CO2). “Temos todas as condições de suprir a demanda dos clientes por soluções que agregam valor à cadeia produtiva do setor e os ajudem a crescer nesse mercado”, afirma Neville Camargo, gerente comercial da Rhodia Plásticos de Engenharia Américas.

Na área de plásticos de engenharia, os destaques do evento serão o TechnylStar A 205 Natural S, que oferece maior produtividade e redução de custos com energia,, o TechnylStar AFX, para substituição de metais, a linha de produtos FR – Fire Resistant, que são soluções para o segmento de distribuição de energia, e o novíssimo Technyl Eco, produto de fonte renovável. Na área de especialidades plásticas, a empresa disponibilizará informações sobre os polímeros de alto desempenho da Solvay Specialty Polymers, que são empregados em diversos segmentos de mercado.

Os plásticos de engenharia e polímeros em poliamida da Rhodia são empregados principalmente na produção de peças para os segmentos automotivo/transportes, eletroeletrônicos e construção e bens industriais de consumo. A empresa, uma das líderes mundiais desse setor, possui unidades produtivas e laboratórios de desenvolvimento de aplicações em quatro continentes. Na América do Sul, a unidade produtiva e o laboratório de desenvolvimento de aplicações estão instalados em São Bernardo Campo, no Brasil.

Apresentação especial – A participação da Rhodia na Colombiaplast também prevê a apresentação especial Um Mundo de Soluções em Plásticos de Engenharia, durante painel técnico do evento, no dia 03/10, às 15h00, a cargo de Neville Camargo e Alexandre Morbeck, especialistas em plásticos de engenharia e polímeros.

Fonte: Rhodia

Curta nossa página no

Anúncios

Rhodia mostra inovações sustentáveis para borracha na ExpoCaucho 2011

09/11/2011

 Destaques são as sílicas de alto desempenho para aplicação em pneus “verdes” e artefatos técnicos de borracha

 A Rhodia, uma empresa do grupo Solvay, apresenta na ExpoCaucho 2011, exposição paralela às XI Jornadas Latinoamericanas e IX Iberoamericanas de Tecnología del Caucho, em Medellín, Colômbia, todo o seu portfólio de sílicas para aplicações em vários segmentos do mercado de borracha, com atenção especial para os chamados pneus “verdes” e os artefatos técnicos.

Os destaques são as sílicas de alto desempenho, na linha de produtos sustentáveis, que substituem outras matérias-primas de origem petroquímica. As sílicas da Rhodia são aplicadas em mercados-chave como os de pneus “verdes” e os de artefatos técnicos de borracha, contribuindo para melhorar a produtividade dos clientes, ao mesmo tempo em que ajudam a reduzir o consumo de energia e de combustíveis, com conseqüente redução de emissões de CO2 na atmosfera.

No mercado de pneus, as sílicas de alto desempenho (HDS, na sigla em inglês) aplicadas na banda de rodagem melhoram em 25% o rolamento do pneu no solo, mantendo-se a estabilidade e segurança do veículo, resultando em diminuição de 5% a 7% do consumo de combustível e, na mesma proporção, das emissões na atmosfera. Inventadas pela Rhodia, essas sílicas já ocupam posição de liderança no mercado de pneus na Europa e na Ásia e a tendência é de crescimento na América Latina, principalmente pelo aumento da consciência do consumidor em relação aos produtos sustentáveis.

A Rhodia está engajada no esforço de toda a cadeia produtiva no processo de etiquetagem de pneus, o que permitirá ao consumidor escolher o produto levando em conta diferentes níveis resistência ao rolamento, o que se traduz na redução do consumo de combustível, e de aderência em piso molhado. Esse movimento, que começa a crescer na América Latina, já é realidade na Comunidade Européia, onde, a partir de 2012, os pneus somente poderão ser comercializados com essa etiqueta classificatória.

“Com as nossas sílicas, temos participado do desenvolvimento de vários produtos inovadores, como pneus de baixo consumo de energia, usados pelos principais fabricantes para reduzir o consumo de combustível e os níveis de emissão de CO2 dos veículos”, diz Luis Fernando Maida, diretor para a América Latina da GBU (Global Business Unit) Sílica da Rhodia.

Tanto para o mercado de pneus “verdes” quanto para o de artefatos técnicos, entre os principais produtos da Rhodia estão as sílicas da família Zeosil MP, em forma de microperólas exclusivamente fabricadas pela Rhodia , cujas propriedades e características técnicas incluem a enorme facilidade de dispersão, sem fazer poeira nos ambientes de produção, e a possibilidade de aumento de produtividade.

Suas aplicações, além das tradicionais borrachas de SBR e de polibutadieno, estendem-se à fabricação de ampla gama de artefatos com emprego no setor automotivo, como correias de transmissão para motores, mangueiras de fluidos confeccionadas com borrachas nitrílicas, mangueiras de ar de SBR, perfis de EPDM, anéis de vedação de SBR. Ainda em outros segmentos do mercado de borracha, as sílicas Rhodia proporcionam especial desempenho quando aplicadas em correias transportadores, roletes para descascar arroz e revestimentos de cilindros para impressão.

O portfólio de sílicas da Rhodia inclui outras sílicas da família Zeosil, como a 185GR e a 125GR. A Zeosil 185GR oferece desempenho e translucidez para aplicações de reforço em borrachas. Trata-se de sílica granulada, desenvolvida nos laboratórios da Rhodia no Brasil, e que tem conquistado especialmente o mercado de solados para calçados esportivos. A 125GR, também desenvolvida localmente, pode substituir com vantagens tecnológicas e econômicas outros insumos derivados do petróleo, como o negro de fumo, que são utilizados na produção de peças técnicas de borracha, como cabos, mangueiras e perfis de borracha.

Serviço: Rhodia na ExpoCaucho 2011 – de 07 a 11 de novembro de 2011

Hotel Intercontinental – Medellín – Colômbia

Fonte: Rhodia

Poly Easy vislumbra novas possibilidades de fornecimento de produtos para o mercado de saneamento na Colômbia

17/11/2010

Com uma participação ativa na Colombiaplast, a Poly Easy expôs sua linha de produtos, denominada Sistema Easy Ramal – composta por Te de serviço autotravado e conexões de compressão, desenvolvida para solucionar definitivamente o problema de vazamentos nas instalações prediais e infraestrutura. “Tivemos uma excelente resposta no contato com o mercado colombiano, que nos ofereceu novas possibilidades de fornecimento. Uma delas foi receber a visita de várias empresas de saneamento, interessadas na compra, representação e distribuição de nossos produtos”, relata João Rocha, gerente de Vendas da Poly Easy do Brasil Ind. e Com. Ltda.

Entre as empresas, Rocha destaca a Acueducto – Água y Alcantarillado de Bogotá, maior empresa colombiana no mercado de saneamento, que atende à capital e outras 11 cidades da região metropolitana, com mais de 700 mil residências. “Nossa expectativa é a melhor possível. Vamos dar continuidade aos contatos iniciados no evento e desenvolver um trabalho mais intenso para levar nossos produtos para esse mercado, no qual vislumbramos grandes possibilidades de atuar a médio prazo”, deseja o executivo.

Atendendo às grandes empresas de saneamento do Brasil, a Poly Easy já ultrapassou fronteiras, exportando seus produtos para países como Angola, Argentina, Chile, Paraguai, Peru e Uruguai.

Fonte: Boletim Export Plastic

Export Plastic: Colombiaplast supera expectativas e negócios podem ultrapassar US$ 4 milhões

12/11/2010

As empresas associadas ao Export Plastic que participaram da Colombiaplast, na Colômbia, voltaram satisfeitas com os contatos feitos durante o evento. De imediato, realizaram negócios da ordem de US$ 567 mil com compradores da Colômbia, Equador e Peru, que no prazo de 12 meses devem chegar a US$ 4 milhões. No total, as associadas realizaram mais de 770 reuniões com importadores de 19 países das Américas do Sul e Central, da Ásia e da Europa. Participaram do evento as empresas Ag Remy, Altafilm, Caixaplast, Cartonale, Cromex, Embrasa, EuropackNE, Geraldiscos, Jaguar, Poly Easy, Topack, Unipac Embalagens, Valfilm, Védat, Wyda e Zaraplast.

Fonte: Boletim Export Plastic

Export Plastic forma grupo de empresas para expor na Colombiaplast

31/08/2010

O Programa Export Plastic está formando um grupo de empresas para expor na Colombiaplast – Feira Internacional do Plástico –, que ocorrerá na Colômbia, de 4 a 8 de outubro. O evento, que é especializado e bienal, é um dos mais representativos da Região Andina, América Central e Caribe. A expectativa dos organizadores é a de ampliar o número de visitantes registrado em 2008: 50 mil pessoas. Até o fechamento desta edição, quatorze empresas associadas já tinham confirmado sua participação.

Esta é a quarta vez que o Programa Export Plastic participa desse evento. “É importante destacar que nossa presença na Região Andina é constante e persistente. Participamos das feiras regionais mais importantes, com resultados bem positivos para o setor brasileiro de transformação do plástico”, assegura Marco Wydra, gerente Executivo do Programa Export Plastic, lembrando que na edição anterior as empresas brasileiras realizaram negócios de US$ 2,12 milhões.

Os interessados ainda podem obter mais informações com Cristina Sacramento, especialista em Desenvolvimento de Mercado – Embalagens Flexíveis – telefone (11) 2148-4773 ou e-mail cristina.sacramento@exportplastic.com.br.

Fonte:  Boletim Export Plastic

Programa Export Plastic desenvolve ação especial para Feiras Internacionais: K 2010, ColombiaPlast e PackExpo.

28/06/2010

O Programa Export Plastic proporcionará às empresas associadas a possibilidade de ganhar destaque em diversos mercados. No segundo semestre deste ano, três importantes eventos ocorrem em diferentes países. Para aproveitar este momento, o Programa desenvolveu ação combinada, cujo objetivo é levar uma comitiva de associadas para a Colombiaplast (Colômbia), Feira K (Alemanha) e Pack Expo (Estados Unidos). As inscrições, no link abaixo, são por ordem de chegada, e não possuem custo. Mais informações pelo telefone (11) 2148-4773 ou pelo e-mail cristina.sacramento@exportplastic.com.br.

Ação combinada, eventos com enfoques diferentes. Confira:

COLOMBIAPLAST, Bogotá
de 4 a 8 de outubro
Feira Internacional de Plástico, Borrachas e Petroquímica
Mercado estratégico para o setor, pela proximidade com o Brasil e pelas oportunidades de negócios com a Colômbia, países da América Central e vizinhos como Equador e Peru. O Programa terá estande de 110m², com espaços específicos para exposição de produtos.

FEIRA K, Dusseldorf
27 de outubro a 3 de novembro
Salão Internacional do Plástico e da Borracha
Projeto Vendedor no dia 28 de outubro no Golden Tulip Hotel, onde serão apresentados compradores alemães para as associadas. A Feira K é vitrine de tendências mundiais para toda a cadeia do plástico.

PACK EXPO, Chicago
31 de outubro a 3 de novembro
Mais expressiva feira de embalagens do maior mercado consumidor de plástico do mundo. O Programa terá estande de 90 m², com espaços específicos para exposição de produtos.

Fonte: Programa Export Plastic