Posts Tagged ‘Certificação’

Perfis Kommerling são homologados em Programa Setorial de Qualidade

21/08/2018

Empresa também é a primeira sistemista no país a ter um montador homologado no programa

A Kommerling acaba de obter a homologação para suas linhas de perfis PremiLine 80 e PrimeLine 58, no âmbito do Programa Setorial de Qualidade de Esquadrias de PVC (PSQ). A empresa também celebra o fato de ser a primeira sistemista no Brasil a ter um montador (Amplex) homologado no programa. Parceiras desde 2010, ambas as companhias somam a expertise em extrusão com o conhecimento em engenharia.

Segundo a Kömmerling, os sistemas de correr PremiLine 80 e PrimeLine 58 possuem qualidades técnicas que justificam esta qualificação do PSQ. Especialmente desenvolvido para pequenos e grandes vãos, o primeiro, por exemplo, tem grande capacidade de envidraçamento, alta performance de inércias e possibilidade de múltiplos trilhos, afirma a empresa. Por sua vez, o Primeline 58 foi projetado para o mercado nacional, visando atender a pequenos e médios vãos. Vale ressaltar que ambos os perfis, além de se destacarem pela estabilidade dimensional e longa vida útil, conservam-se sempre em perfeito estado, em face da estabilidade de cor e grande resistência a impacto, assegura a sistemista.

“Para a Kömmerling, a homologação atesta o nosso dever cumprindo perante a nossa própria filosofia, compromisso e contribuição com o mercado de maneira geral”, faz questão de ressaltar a diretora comercial, Tonia Lima. Ela informa que a companhia é uma forte apoiadora dos programas normativos vigentes no Brasil, como o PSQ. “Isto porque, por meio dele, conseguimos assegurar e comprovar ao mercado a qualidade de nossas janelas. Este setor está se desenvolvendo de uma maneira constante e nós pensamos diariamente sobre como uma janela e todos os seus níveis de desempenho serão importantes para o consumidor final”, salienta.

Importante ressaltar que o PSQ de Esquadrias de PVC foi implementado por meio de ação conjunta da Associação Brasileira dos Facricantes de Sistemas, Perfis e Componentes para Esquadrias de PVC (ASPEC) e de fabricantes de sistemas de esquadrias. Ele atende à busca crescente dos especificadores por esquadrias que atendam as normas de desempenho, a fim de gerar um resultado positivo e real na finalização da obra.

O programa conta com a coordenação da empresa TESIS – Tecnologia e Qualidade de Sistemas em Engenharia, entidade gestora técnica independente. credenciada pelo INMETRO.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Kömmerling

Curta nossa página no

Anúncios

Compostos para moldagem da linha de acrílicos da Evonik recebem nova certificação para indústria automotiva

06/06/2018

  • Unidades de produção em Worms e Xangai são certificadas segundo a norma IATF 16949:2016
  • A linha de produtos Molding Compounds atende aos critérios de qualidade da indústria automotiva para fornecedores sub-tier 1.
  • A certificação das fábricas dos EUA está prevista para 2019.

A linha de produtos Molding Compounds da linha de negócios Methacrylates, da Evonik, recebeu a certificação de duas unidades de produção de Plexiglas®, marca de polimetilmetacrilato (PMMA) da Evonik, de acordo com o padrão mais recente da indústria automotiva, a IATF 16949:2016.

Os certificados atestam que os requisitos de gestão da qualidade analisados como parte da auditoria foram atendidos no site alemão da empresa em Worms, para a produção dos compostos para moldagem Plexiglas® e Pleximid® e na unidade chinesa de Xangai para a produção do composto para moldagem Plexiglas®.

A certificação incluiu auditorias de processos comerciais em diversos setores como compras, controle de garantias, IT, calibragem, gestão do relacionamento com os clientes, gestão de fornecedores, marketing, recursos humanos, desenvolvimento de produto, desenvolvimento de processos, testes, sistema de gestão da qualidade, planejamento estratégico e vendas.

“Esta certificação representa um marco importante em nossa estratégia de continuar sendo o principal fornecedor de PMMA da indústria automotiva”, explica Siamak Djafarian, responsável pela linha de produtos Molding Compounds no segmento Performance Materials da Evonik. “Sabemos o quanto esta certificação é relevante para a maioria dos nossos clientes. Com esta bem-sucedida auditoria, enfatizamos o comprometimento com a qualidade e a confiabilidade dos nossos compostos para moldagem Plexiglas®.

Durante as auditorias, os peritos da Associação Alemã de Certificação de Sistemas de Gestão (DQS, na sigla em alemão) e do grupo SGS verificaram que os processos da linha de produtos Molding Compounds seguem à risca os padrões de qualidade determinados para o cumprimento dos requisitos da indústria automotiva também em relação aos seus fornecedores sub-tier 1. “A auditoria simultânea de duas fábricas em continentes distintos é algo que envolve grande complexidade e requer uma coordenação excepcional”, observa Volkhard Erb, da Gestão de SSMAQ na linha de negócios Metacrilatos, que acompanhou a certificação.

O novo padrão da International Automotive Task Force (IATF) substitui os padrões anteriores e a certificação segundo a norma ISO/TS 16949:2009, que perde a sua validade em 2018, e unifica as exigências gerais existentes em relação aos sistemas de gestão da qualidade na indústria automotiva.

A certificação das unidades de produção dos Estados Unidos da linha de produtos Molding Compounds segundo a IATF 16949:2016 está prevista para 2019.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Evonik

Curta nossa página no

Plástico verde da Braskem recebe certificação da Vinçotte

19/05/2011
Certificado traz validação internacional para um dos principais atributos do polietileno verde: seu conteúdo renovável

O plástico verde da Braskem  acaba de receber da instituição Vinçotte a certificação máxima para produtos de conteúdo renovável. A certificadora belga é uma das principais referências no mundo neste tipo de avaliação.

Foram avaliadas amostras das famílias de PEAD (Polietileno de alta Densidade) e PEBDL (Polietileno de Baixa Densidade Linear) e, ao final, toda a linha de PE Verde recebeu a classificação máxima conferida pela Vinçotte, de quatro estrelas. O PE Verde da Braskem passa então a poder utilizar o selo ’Ok Biobased’, identificação internacional concedida pela certificadora para produtos de fonte comprovadamente renovável.

Para a Braskem, a certificação confirma o reconhecimento internacional em relação ao conteúdo renovável do PE Verde, com reforço de credibilidade para o mercado e de criação de valor no relacionamento com os Clientes.

O plástico verde começou a ser produzido em escala industrial em setembro de 2010 com a inauguração da fábrica de sua matéria-prima, o eteno derivado de etanol, em Triunfo – RS. O PE Verde foi desenvolvido pela Braskem com o objetivo de ser totalmente reciclável e reutilizável, como os plásticos tradicionais, e capturar CO2 durante seu ciclo de produção, ajudando na redução de emissões dos gases do efeito estufa. Para cada tonelada de resina produzida, são capturadas até 2,5 toneladas de CO2 da atmosfera.

Fonte: Braskem