Posts Tagged ‘Borrachas’

Kömmerling lança sistema de janela de correr com vedação por borrachas

02/12/2018

Indicado para substituição de janelas em prédios que necessitam manter a arquitetura externa original

Segundo a Kömmerling, no sistema PremiSlide, a vedação de borrachas – que faz a janela correr – , garante único deslizamento, menor espaço de abertura e fácil utilização em ambientes de pouco acesso. O sistema oferece isolamento térmico, capacidade para vidros de até 50 mm de espessura e sistema de vedação dupla com 76 mm de profundidade, garante a empresa. “Ele é ideal para substituição de janelas em prédios que necessitam manter a arquitetura externa original”, informa Tonia Lima, diretora comercial da Kömmerling.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Kömmerling

Curta nossa página no </

Anúncios

Borealis adquire controle acionário de fabricante coreano de compostos para a indústria de cabos elétricos

15/11/2018

A Borealis anunciou a assinatura de um acordo para aquisição de uma participação majoritária na empresa sul-coreana DYM Solution Co. Ltd. O acordo e transação estão sujeitos às aprovações regulamentares.

Com sede em Cheonan, na Coréia do Sul (foto), a DYM Solution Co. Ltd. foi fundada em 1992 e é fornecedora de soluções em compostos para a indústria global de cabos elétricos. Ela é especializada em compostos de borracha e curados por silanos, semicondutores e materiais retardantes de chama sem halogênio (HFFR).

Com este investimento, a Borealis busca estender a pegada global de ativos da divisão Wire & Cable que ela tem em conjunto junto com a Borouge, com sede em Abu Dhabi. Com essa aquisção, a Borealis poderá adicionar o portfolio complementar da DYM Solution Co à sua extensa gama de produtos.

“Ter acesso a uma base de produção asiática aumentará significativamente nossa capacidade de promover um crescimento orgânico contínuo para a Borealis e a Borouge e permitirá que atendamos ainda mais aos requisitos de nossos clientes do segmento de fios e cabos”, diz o diretor executivo da Borealis, Alfred Stern.

Fonte: Borealis

Curta nossa página no

Evonik expõe portfolio para a indústria de transformação de borrachas na Expobor 2018

27/06/2018

No evento a empresa está destacando soluções inovadoras para a indústria, incluindo fabricantes de pneus, solados e artefatos técnicos

A Evonik está apresentando suas soluções para a indústria da borracha durante a Expobor – Feira Internacional de Tecnologia , Máquinas e Artefatos de Borracha. A 13ª edição do evento está ocorrendo de 28 a 30 de junho, no Expo Center Norte, em São Paulo.

“O mercado de borracha é muito importante globalmente para Evonik. No Brasil e na América Latina, caminhamos na mesma direção. Recentemente, inclusive, inauguramos uma planta de sílica precipitada em Americana (SP), com grande foco para este mercado”, destaca Felipe Rocha, Coordenador de Negócios da área de sílicas da Evonik.

Devido à importância do evento para o setor, as expectativas são muito positivas. “É uma ótima oportunidade para encontrar clientes do Brasil e da América do Sul e apresentar novidades, além do nosso amplo portfólio para a indústria de pneus, solados e artefatos técnicos”, observa Rocha.

Lançamento

A Evonik está aproveitando a Expobor para apresentar ao mercado uma nova sílica de alta dispersão: Ultrasil® 7800 GR. Segundo a empresa, o produto tem um design de partícula especial, que proporciona elevado desempenho em pneus, especialmente para SUV’s.

A Evonik afirma que o novo Ultrasil® 7800 GR atinge o equilíbrio de máxima aderência e mínima resistência à rolagem em pneus de superfície larga e em pneus com requisitos de alta quilometragem, como os pneus para todas as estações. Isso se deve à área superficial específica do Ultrasil® 7800 GR, que foi aumentada em comparação com o Ultrasil® 7000.

A melhora da resistência à abrasão também contribui para o aumento da vida útil, exercendo um efeito positivo sobre a avaliação do ciclo de vida. Dessa maneira, segundo a empresa, pode-se combinar um alto nível de segurança no trânsito com menor consumo de combustível e menos emissões de CO2, mesmo com pneus esportivos.

Outros destaques para a indústria da borracha

  • Linha Ultrasil®: para a indústria de pneus, os destaques são Ultrasil® 7000 GR; Ultrasil® 6000 GR; Ultrasil® VN 2/ Ultrasil® VN 2 GR e Ultrasil® VN 3/ Ultrasil® VN 3 GR. Segundo a Evonik, os produtos promovem dispersão e alto reforço, reduzem a resistência ao rolamento e aumentam a resistência à abrasão, melhorando a aderência em piso molhado.A Evonik afirma que, na fabricação de solados, a sua linha Ultrasil® VN 3/ Ultrasil® VN 3 GR, propicia alto poder reforçante (shore, resistência à tração e ao rasgo) e transparência. Para o setor de artefatos técnicos, garante a empresa, os benefícios se convertem em melhoria da moldagem por injeção, extrusão e calandragem; e redução da deformação residual, além de boas propriedades mecânicas. Os destaques para este mercado são: Ultrasil® 360; Ultrasil® 880; Ultrasil® AS 7; Ultrasil® VN 2/ Ultrasil® VN 2 GR e Ultrasil® VN 3/ Ultrasil® VN 3 GR.

    Na linha de sílicas, além da família Ultrasil®, com grande variedade de aplicações para reforço de compostos de borracha, a Evonik oferece ainda a marca AEROSIL® para fabricação de solado transparente.

  • Linha de Silanos – Si 69®; Si 266®; Si 75® e Dynasylano: silanos com enxofre, bifuncionais, também monômeros e oligômeros para compostos de sílica. De acordo com a Evonik, eles proporcionam alto desempenho aos produtos, como , por exemplo, as propriedades mecânicas nos pneus (mais estabilidade em piso molhado, baixa resistência ao rolamento e alta resistência à abrasão). Além de indicados para a fabricação de pneus, são recomendados para artefatos técnicos e solados. Usados em compostos de borracha de qualidade junto com cargas contendo grupos silanóis, são especialmente efetivos em combinação com sílicas precipitadas reforçantes, garante o fabricante.
  • Organosilano Si 363®, que ajuda no processo do composto de borracha. De acordo com a empresa, ele aumenta o “rolling resistance” e reduz consideravelmente a emissão de VOC.
  • X 50 S® e X 266 S®: misturas de organosilanos bifuncionais, contendo enxofre, com negro de fumo na proporção de 1:1 em peso, indicado para a indústria de pneus e artefatos técnicos.
  • Cofill®: resorcinol em combinação com sílica precipitada. O fabricante garante que o produto melhora a adesão de compostos de borracha em telas têxteis/metálicas. Suas principais aplicações são em cintas de aço em pneus radiais, partes de aço dos pneus de caminhão, correias transportadoras, sistemas de transmissão, mangueiras e tecidos emborrachados.
  • Coupsil®: sílica precipitada, modificada superficialmente por organosilano, que proporciona melhora a resistência à abrasão e as propriedades mecânicas. Segundo a Evonik, a combinação de diferentes silanos com sílicas de áreas superficiais específicas diferentes oferece uma grande variação e permite a fabricação de produtos de borracha sob encomenda. Indicado para a indústria de pneus, artefatos técnicos e solados.
  • Vestenamer® 8012: aditivo polimérico para processamento de borracha. A Evonik afirma que os seus benefícios são: otimização de processos através de melhorias no rendimento, compostos de baixa viscosidade, melhorias da estabilidade “green strength”, economia de energia e sistema livre de VOC.
  • Visiomer® Tmptma, Visiomer® Egdma, Visiomer® Trgdma: monômeros metacrílicos como coagentes de reticulação para elastômeros curados via peróxido. Monômeros multifuncionais, reativos na presença de radicais livres, que se inserem nas cadeias de elastômero formando uma rede complexa de ligações cruzadas, conferindo alta dureza, resistência química e resistência à abrasão, afirma a empresa. As aplicações típicas são: isolamento/ revestimento de fios e cabos; tubos e mangueiras para radiadores de automóveis, solados, revestimento de rolos, anéis de vedação.
  • Dióxido de Titânio Kronos®: pigmento branco para utilização em solados e artefatos técnicos de borracha.

Serviço:
Expobor
Data: 26 a 28 de junho de 2018
Horário: 13h às 20h
Local: Expo Center Norte
Rua José Bernardo Pinto, 333 – Vila Guilherme – SP
Estande da Evonik: entre as ruas E e F

A Evonik é uma das empresas líderes mundiais em especialidades químicas. Com mais de 36.000 colaboradores, a Evonik atua em mais de 100 países no mundo inteiro. No ano fiscal de 2017, a empresa gerou vendas da ordem de 14,4 bilhões de Euros e um lucro operacional (EBITDA ajustado) de 2,36 bilhões de Euros.

Curta nossa página no

Na Expobor 2018, Solvay destaca produtos para pneus verdes nos segmentos de transportes de cargas e recapagem

25/06/2018

As inovações desenvolvidas na área de sílicas de alto desempenho visando incrementar a mobilidade sustentável são os destaques da participação da Solvay na Expobor 2018 – 13ª Feira Internacional de Tecnologia, Máquinas e Artefatos de Borracha, que começa dia 26, e vai até quinta-feira, dia 28 de junho, no ExpoCenter Norte, em São Paulo.

A Solvay, que foi a inventora da sílica de alto desempenho (HDS, na sigla em inglês), é um player mundial no fornecimento para a indústria de pneus, ocupando posição de liderança de mercado no segmento dos chamados ‘pneus verdes’. Adicionada aos compostos de borracha, essa sílica contribui para reduzir a resistência dos pneus à rolagem, o que resulta em redução do consumo de combustível pelos veículos e das emissões de CO2.

Pneus de carga e recapagem – Na área de produtos novos, a Solvay faz o lançamento na América Latina da sílica de alto desempenho Premium SW que, segundo a empresa, proporciona maior resistência mecânica da borracha da banda de rodagem dos pneus de carga, ajudando, portanto, a aumentar a durabilidade e quilometragem do pneu, além de cumprir com o objetivo principal da sílica que é a redução da resistência ao rolamento dos pneus, fazendo com que os veículos economizem combustível e reduzam emissões. Outro produto para a pneus novos de carga e para recapagem é a sílica de alto desempenho Premium 200.

O segmento de pneus para transporte de cargas receberá um destaque especial no stand da empresa e nas palestras apresentadas durante os congresso da ABTB (Associação Brasileira da Tecnologia da Borracha) e da Pneu Show/Recaufair, que são realizados em paralelo à exposição. A indústria de pneus de carga de alta eficiência energética tem crescido a taxas superiores a 10% nos últimos anos no Brasil, impulsionada pelo programa governamental para a indústria automobilística e pelo programa de etiquetagem de pneus coordenado pelo Inmetro.

Serviço: Solvay Sílica na Expobor 2018/Pneu Show 2018
De 26 a 28 de junho de 2018 – ExpoCenter Norte – São Paulo (SP)
Stand – Rua C 1/2

Palestras no Congresso da ABTB – Associação Brasileira da Tecnologia de Borracha
Dia 26/06 – das 11h30 às 12h00 – sala Santana 02 – Solvay Sílica – Benefits for Tire, por Guilherme Brunetto
Dia 28/06 – das 11h30 às 12h00 – sala Santana 02 – Solvay New Sílica Innovation: combining high performance and fuel efficiency in Tire – por Guilherme Brunetto

Palestra no Congresso do Pnew Show/Recaufair
Dia 28/06 – das 18h15 às 18h45 – Criando Futuro: Solvay Soluções Sustentáveis – por Paulo Garbelotto

Fonte: Assessoria de Imprensa – Solvay

Curta nossa página no

Inscrição para expositores da K 2019 é encerrada com espaço da feira totalmente reservado

06/06/2018

A K 2019 está firmemente posicionada para repetir o desempenho de grande sucesso da K 2016. Agora que já expirou o prazo oficial para inscrição de expositores para a feira internacional mais importante do segmento industrial de plásticos e borracha, ficou claro que os pavilhões de exposição de Düsseldorf, na Alemanha, estarão completamente ocupados durante o evento, que ocorrerá de 16 a 23 de outubro de 2019, e que a K 2019, assim como as feiras anteriores, fornecerá um forte impulso para futuros desenvolvimentos. Em 2019, as inovações dos expositores e muitos eventos paralelos serão focalizados na interconexão entre o mundo digital, processos de produção e desenvolvimento de novos produtos, bem como na promoção da economia circular.

Em 2019, cerca de 3.000 expositores irão novamente a Düsseldorf para participar da feira. Empresas de todo o mundo já reservaram seu estandes, onde apresentarão seus produtos mais recentes nas áreas listadas abaixo:

  • Matérias primas e auxiliares
  • Produtos semi-acabados, componentes técnicos e produtos de plástico reforçado
  • Máquinas e equipamentos para as indústrias de plásticos e borracha

Werner M. Dornscheidt, CEO e Presidente da Messe Düsseldorf, juntamente com sua equipe, estão satisfeitos pelo fato das empresas globais do segmento de plásticos e borracha terem novamente selecionado a feira K como plataforma: “Uma coisa já está clara: a K 2019 novamente fornecerá uma visão abrangente do mercado global. Graças à sua incomparável internacionalidade, tanto em termos de expositores como de visitantes, e também porque abrange uma gama única de produtos e serviços, esta feira trienal tem um status especial entre as feiras globais e proporciona o palco perfeito para apresentações pioneiras. ”

Com o status especial da K 2019 sendo refletido pelo notável feedback recebido dos expositores globais, a feira também ressalta o seu importante papel ao abordar as questões atuais mais importantes que dizem respeito à indústria. Nesse sentido, a exposição especial “Plastics shape the future” (Plásticos dão forma ao futuro) apresenta áreas de aplicação pioneiras para materiais poliméricos e focaliza de perto como esses materiais, com suas diversas propriedades, estão afetando os ambientes modernos. No “Science Campus” (Campus da Ciência), as universidades e organizações de pesquisa irão apresentar suas atividades e resultados atuais – este é o ponto de encontro entre a pesquisa e a economia. Nos próximos meses, o Conselho de Ciência da feira e seus subcomitês definirão os principais tópicos a serem abordados pelo programa especial “Plastics shape the Future” e pelo “Science Campus“. Eles se concentrarão em materiais e tecnologias inovadoras com impacto substancial em desafios globais, tais como gerenciamento de água, energia e resíduos, uso eficiente de recursos, digitalização e desenvolvimento sustentável.

Eventos adicionais, a exemplo de apresentações focalizadas em treinamento e desenvolvimento nas indústrias de plásticos e borracha ou no tema da produção aditiva, estão no momento sendo preparados.

Fonte: Messe Düsseldorf

Curta nossa página no

Evonik lança nova sílica para a produção de pneus verdes para SUVs e todas as estações

20/03/2018

  • Novo produto destina-se a uso em pneus especialmente largos para SUVs e em pneus de alta quilometragem para todas as estações
  • Devido à sua área superficial específica mais alta, o novo grade de sílica acrescenta uma rigidez adicional ao composto da banda de rodagem
  • Material foi apresentado na Tire Technology Expo em Hanoverde 20 a 22 de fevereiro de 2018

Segundo a Evonik, sua tecnologia Sílica/Silano, usada em pneus verdes, consegue economizar até 8% de combustível. Com o desenvolvimento do Ultrasil® 7800 GR, uma sílica com área superficial customizada que, segundo a Evonik, atende às demandas extremas dos pneus para SUVs e para todas as estações, a empresa agora dá um passo adiante em inovação. “O desafio dos pneus para SUVs é conferir rigidez suficiente, a despeito do tamanho dos pneus”, explica o Dr. Hark-Oluf Asbahr, Marketing Rubber Silica. “Com o Ultrasil® 7800 GR, nós conseguimos chegar à mistura perfeita para combinar prazer de dirigir, segurança na estrada e eficiência de recursos em um único produto”.

A Evonik afirma que o seu novo Ultrasil® 7800 GR atinge o equilíbrio perfeito de máxima aderência e mínima resistência à rolagem em pneus de superfície larga e em pneus com requisitos de alta quilometragem, como os pneus para todas as estações. Isso se deve à área superficial específica do Ultrasil® 7800 GR que, segundo a empresa, foi aumentada em comparação com o Ultrasil® 7000, mediante intensos esforços de desenvolvimento.

O emprego do novo Ultrasil® 7800 GR reforça o composto da banda de rolagem e confere a rigidez necessária aos pneus. “A resposta direta entre o pneu e o sistema de direção resulta em um aumento significativo da segurança – inclusive no caso de distâncias de frenagem curtas e molhadas”, explica Asbahr. A melhora da resistência à abrasão também contribui para o aumento da vida útil, exercendo um efeito positivo sobre a avaliação do ciclo de vida. Dessa maneira, pode-se combinar um alto nível de segurança no trânsito com menor consumo de combustível e menos emissões de CO2, mesmo com pneus esportivos, afirma a Evonik.

A despeito da alta área superficial específica, o produto é relativamente fácil de processar e permite um processo de produção eficiente e rápido na fabricação de pneus, assegura a Evonik. “A demanda por SUVs está consistentemente em alta no mundo inteiro”, diz o Dr. Bernhard Schäfer, responsável pelo segmento Rubber Silica. “É por isso que foi particularmente importante responder aos impulsos do mercado e desenvolver um novo produto que já hoje cumpre os requisitos de amanhã”.

Uma vez que os Estados Unidos são o maior mercado de SUVs, a partir de agora o Ultrasil® 7800 GR será produzido nesse país”. A Evonik respondeu à crescente demanda por sílica por meio da construção e uma nova fábrica em Charleston, Carolina do Sul, no sudeste do país. A nova planta de sílica de escala mundial deve iniciar suas operações em meados de 2018, quando também o Ultrasil® 7800 GR passará a ser fabricado no local.

Fonte: Evonik

Curta nossa página no

Solvay apresentou um portfólio ampliado de especialidades de sílica durante a feira Tire Tech Expo em Hannover

23/02/2018

Participando da Tire Tech Expo, a Solvay compartilhou os seus resultados promissores em relação aos pneus agrícolas, para caminhões e para inverno. Uma conferência especial liderada pelo especialista em sílica, Dr. Thomas Chaussée (Gerente Global de Pesquisa e Desenvolvimento para pneus), divulgou os resultados na quarta-feira, 21 de fevereiro.

“Estamos orgulhosos em divulgar que o Premium SW confirma seus resultados inovadores em pneus para caminhões e seu status de solução em relação às próximas regulações neste mercado”, disse Thomas Chaussée antes de acrescentar que “nós também compartilhamos com os participantes da conferência como a Sílica Solvay pode contribuir com os desafios de pneus agrícolas e continuar otimizando o desempenho dos pneus de inverno “.

“As equipes de sílica Solvay estão muito próximas do mercado e nós investigamos continuamente as tendências e necessidades nos diferentes segmentos de mercado e aplicações”, afirma An Nuyttens, presidente da Unidade Global de Negócios de Sílica da Solvay. “É por isso que estamos ampliando nosso portfólio de especialidades, pois queremos acompanhar nossos clientes ao longo do caminho que eles escolherem”.

A Tire Tech Expo é considerada como o fórum mais efetivo e eficiente do mercado de pneus para networking e encontros empresa-a-empresa.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Solvay Sílica

Curta nossa página no

 

Grupo Solvay mostra benefícios de polímeros especiais e sílica de alto desempenho em aplicações industriais em palestras no SENAI-RS

28/09/2017

Polímeros de alto desempenho para aplicações na área de Saúde e sílicas de alto desempenho para a produção de pneus que economizam energia serão temas de apresentações especiais da Solvay no 22º Seminário de Atualidades Tecnológicas, que será realizado em São Leopoldo (RS), nesta quinta-feira, dia 28/09, no Instituto SENAI de Inovação em Engenharia de Polímeros, em São Leopoldo – RS.

Guilherme Brunetto, Especialista da Solvay Sílica na América Latina, mostrará os avanços da empresa na área de sílicas de alto desempenho empregadas pelos clientes na produção dos chamados “pneus verdes”, de maior eficiência energética e que contribuem para a redução do consumo de combustíveis e, consequentemente, da emissão de CO2. Dados da empresa atestam que o uso desse tipo de pneu proporciona redução de até 7% no consumo de combustível. A Solvay Sílica é pioneira no Brasil na produção da sílica de alto desempenho, em sua unidade industrial de Paulínia – SP, atendendo às principais montadoras de pneus instaladas no País.

Por sua vez, Mônica Martins, Gerente do Mercado Healthcare para a América do Sul da Solvay Specialty Polymers, vai falar sobre os benefícios do uso de polímeros especiais na área da saúde, aplicação que vem crescendo continuamente, principalmente na substituição de materiais tradicionais, como metais. Esta tendência é atribuída ao alto desempenho dos novos polímeros que, além de apresentar propriedades mecânicas, térmicas e químicas excepcionais, também são mais leves, oferecem maior flexibilidade no design e são de fácil fabricação. Com um amplo portfólio de polímeros de alta performance, contando com mais de 35 marcas em mais de 1.500 formulações, a Solvay está posicionada como um fornecedor estratégico no mercado global médico. Na área de saúde, esses polímeros são usados nos mercados de ortopedia, cardiovascular, renal e odontológico, entre outros.

  • Serviço: Solvay no 22º Seminário de Atualidades Tecnológicas
  • Dia 28 de setembro – Instituto SENAI de Inovação em Engenharia de Polímeros
  • Rua Presidente João Goulart, nº 682 – Bairro Morro do Espelho, São Leopoldo – RS
  • Apresentação técnica: às 14h00 – Auditório 1 – Guilherme Brunetto – Soluções Solva Sílica para Pneus de Transporte com Eficiência Energética
  • Apresentação técnica: às 14h40 – Auditório 2 – Mônica Martins – Polímeros de Alta Performance para a Área da Saúde

Fonte: Assessoria de Imprensa – Solvay

Curta nossa página no

Faturamento da Lord cresce em 2016

19/02/2017

Empresa opera em Jundiaí (SP) uma fábrica de adesivos e coatings

Fabricante de adesivos estruturais e coatings, a Lord, subsidiária local da norte-americana Lord Corporation, registrou alta de 15% no faturamento de 2016, afirma a empresa.

“Apesar das condições de mercado muito difíceis, a Lord encerrou o ano passado numa posição muito mais eficiente e competitiva para atuar num cenário ainda repleto de desafios econômicos e estruturais”, comenta Danny Siekierski, gerente geral da empresa na América do Sul.

O bom resultado, a despeito da retração econômica generalizada, baseou-se na combinação entre o suporte aos clientes globais do setor de borracha que passaram a atuar no Brasil, ganho de fatia de mercado sustentado por novos projetos e melhora do nível de exportação para os países do Mercosul.

“Também foi importante a ampliação da nossa rede de distribuidores, com a introdução de mais um player voltado para o segmento de elastômeros”, ressalta. O mercado de borracha responde por 60% da operação da empresa no Brasil.

Na área industrial – que, para a Lord, também engloba as aplicações em transporte –, os destaques ficaram por conta principalmente da obtenção de homologações para o fornecimento a determinadas montadoras de ônibus e caminhões.

“Em paralelo, tivemos a consolidação da produção no Brasil e Argentina de veículos leves, como Jeep Renegade, Fiat Toro e GM Cruze, modelos que usam os nossos produtos no processo de grafagem do capô”, detalha o executivo.

Para 2017, Siekierski confia numa elevação de 6% da receita da Lord, movimento apoiado basicamente por lançamentos de produtos. “Parte do nosso plano de investimento será dedicada à otimização da planta que operamos em Jundiaí (SP) e à melhoria dos processos produtivos. Também teremos um programa bastante sólido de 5S, que demandará recursos em diversas áreas da empresa”, completa.

Com matriz em Cary (EUA), a Lord Corporation atua no Brasil desde 1972. Fundada em 1924, é uma companhia especializada no desenvolvimento de adesivos, coatings, sistemas de controle de vibração e ruído e tecnologias de sensoriamento para os mercados automotivo, aeroespacial e defesa, óleo/gás e industrial.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Lord

Curta nossa página no

Lanxess apresenta novas soluções para a indústria de pneus durante feira Tire Technology Expo 2017

24/01/2017

Lanxess_headquartersA unidade de negócio da Lanxess Rhein Chemie Additives (ADD) apresentará uma variedade de soluções para fabricantes de pneus na Tire Technology Expo (Exposição de Tecnologia para Pneus), que ocorrerá entre 14 e 16 de fevereiro de 2017, em Hanover, na Alemanha – ala 2, stand C224. A apresentação inclui seu portfólio completo de agentes Rhenodiv ecologicamente corretos para remoção de pneus, tintas de marcação de pneus Rhenomark, câmaras de ar para pneus Rhenoshape e compostos de alta concentração de fibra de aramida Rhenogran.

Novos lubrificantes para pneus para uma fabricação de pneus mais limpa

A Rhein Chemie Additives desenvolveu uma nova variedade de lubrificantes internos para uma produção mais limpa de pneus, afirma a empresa. Novos produtos permitem que os produtores de pneus apliquem baixíssimas quantidades de lubrificantes internos no pneu verde. Quando combinado com equipamentos de spray robotizado, o procedimento de revestimento sem contaminação das áreas do pneu ao lado do liner interno é garantido, assegura a Rhein Chemie Additives. O local de trabalho permanece mais limpo. Como benefício adicional, a base do novo produto Rhenodiv BP-337 é a química de ligações cruzadas isentas de hidrogênio.

Há uma crescente demanda pela ausência de silício migrante no processo de moldagem de pneus. Este é, particularmente, o caso, se for necessária uma superfície de pneu limpa e isenta de silício após a vulcanização. A Rhein Chemie Additives está atendendo a essa tendência com dois novos lubrificantes internos com liberação de jato único.

Câmaras de ar para pneus Rhenoshape: processos robotizados para câmaras de ar permanentemente revestidas

A Rhein Chemie Additives tem aumentado constantemente suas capacidades para câmaras de ar de alto desempenho permanentemente revestidas. Para garantir os aspectos de qualidade, de acordo com os requisitos do cliente, as operações em diferentes locais de produção de câmaras de ar têm sido continuamente aperfeiçoadas com processos robotizados. As câmaras de ar para pneus Rhenoshape equipadas com revestimentos permanentes Rhenodiv, permitem que fabricantes de pneus produzam pneus sem utilizar um agente de remoção adicional, afirma a empresa. Isto é importante para a produção de pneus de alto valor, tais como pneus de esvaziamento lento (capazes de continuar a rodar, mesmo furados), pneus vedantes e de baixo ruído – nos quais a ausência de migração de silício dos agentes de remoção tradicionais é obrigatória. Além disso, a operação de esguichar o spray no caso dos pneus verdes, incluindo-se a contaminação colateral de áreas críticas do pneu e das áreas de trabalho, torna-se obsoleta.

Compostos de alta concentração de fibra de aramida Rhenogran.  Opções versáteis de reforço mecânico para pneus

A Rhein Chemie Additives afirma que, sob intensos esforços mecânicos, dinâmicos e térmicos, o seu produto Rhenogran P91-40 proporciona excelente desempenho no reforço de compostos para pneus. O Rhenogran P91-40 incorpora a polpa de fibra curta de aramida Twaron, altamente elástica e de baixíssimo peso, no composto de borracha. Além dos polímeros tipicamente utilizados, tais como NR, IR, BR e SBR, o Rhenogran P91-40 é adequado para diversos tipos de borracha, incluindo-se EPDM, CR, NBR e HNBR.

A unidade de negócio Lanxess ADD fornece à indústria da borracha uma ampla gama de aditivos pré-dispersos ligados a polímeros, aceleradores de processos, ativadores de reforço e vulcanização, ceras de retorno antissolar, agentes de remoção, tintas para marcação de pneus e câmaras de ar de alto desempenho para cura de pneus .

Fonte – Lanxess

Curta nossa página no

Evonik inaugura fábrica de sílicas precipitadas em Americana (SP)

21/07/2016

Localizada em Americana (SP), a primeira fábrica de sílica de alta dispersão atenderá principalmente aos mercados de pneus

evonik-industriesNo dia 20 de julho, a Evonik inaugurou mais uma planta industrial no Brasil, localizada no município de Americana (SP). A nova unidade produzirá sílicas precipitadas, incluindo as de alta dispersão (HDS), consolidando sua posição de liderança global neste mercado.

A sílica de alta dispersão, cuja demanda está em forte crescimento, atenderá principalmente os fabricantes de borracha e, especialmente, a indústria de pneus. A produção de Americana se destinará também a outros segmentos, como alimentos, agroquímicos e nutrição animal.

A nova planta, que recebeu investimentos da ordem de dezenas de milhões de euros, gerou 40 empregos diretos. Os produtos abastecerão clientes brasileiros e parte da produção deverá ser exportada para outros países da América Latina.

O projeto da Evonik para o Brasil foi anunciado em julho de 2014 e já em outubro do mesmo ano foi realizado o lançamento da pedra fundamental em Americana, com a presença de integrantes do Conselho de Administração e da Diretoria Executiva da Evonik Industries.

“Para nós, é motivo de orgulho a conclusão desta nova fábrica, dentro do prazo previsto, e onde empregamos tecnologia “state-of-the-art”. A consolidação deste investimento no país está alinhada à estratégia de expansão mundial em sílicas e visa, principalmente, atender os clientes globais regionalmente”, diz o diretor presidente da região América do Sul e Central da Evonik, Weber Porto.

Na produção de pneus, a sílica confere elevada qualidade e características diferenciadas para os chamados “pneus verdes” – um mercado em forte crescimento. O uso de sílicas em combinação com silanos permite a produção de pneus com menor resistência ao rolamento, promovendo redução no consumo de combustível em até 8% e, assim, proporcionando diminuição na emissão de CO2 pelos automóveis. Essas modernas formulações de borracha, usando sílica e silano, também aumentam a aderência dos pneus em pista molhada e, consequentemente, melhoram a segurança dos automóveis, em comparação aos pneus convencionais.

A Evonik é hoje um dos principais fabricantes de sílica do mundo e tem expandido sua atuação em diversos países. De 2010 a 2016, aumentou cerca de 40% da sua capacidade de produção. Depois de ampliações na Ásia e na Europa, houve incremento de produção na planta localizada em Chester (EUA), a construção desta unidade no Brasil, além do anúncio da construção de uma nova planta nos EUA.

Atualmente, produz sílicas precipitadas para mercados de alto crescimento; sílicas pirogênicas e suas dispersões; agentes fosqueantes à base de sílica e óxidos metálicos, ultrapassando uma capacidade global anual de aproximadamente 600.000 toneladas.

A Evonik atua em mais de 100 países no mundo inteiro. No ano fiscal de 2015, mais de 33.500 colaboradores geraram vendas em torno de 13,5 bilhões de Euros e um lucro operacional (EBITDA ajustado) de cerca de 2,47 bilhões de Euros. No Brasil, a empresa conta hoje com cerca de 600 colaboradores no País e seus produtos são utilizados como matéria-prima em importantes setores industriais, como: automotivo, agroquímico, biodiesel, borracha, construção civil, cosmético, farmacêutico, nutrição animal, papel e celulose, plástico, química e tintas.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Evonik

Curta nossa página no

Braskem apresenta portfólio para segmento de borrachas durante Expobor 2016

16/07/2016

Durante a Expobor 2016, que aconteceu de 28 a 30 de junho, no Expo Center Norte, em São Paulo (SP), a Braskem apresentou soluções em matérias-primas e produtos de especialidades, reforçando sua presença e atuação junto aos clientes do mercado de borracha

Braskem_pneusA linha Unilene, composta por resinas hidrocarbônicas oriundas do petróleo, foi apresentada durante o evento. Segundo a Braskem, as resinas funcionam como um auxiliar de processamento de borrachas, com o consequente aumento de produtividade e redução de energia, sem alterar as propriedades finais do composto. Além disso, em pneus, o uso da Unilene garante melhor aderência do pneu ao chão molhado e menor resistência ao rolamento, afirma a empresa. Na prática, isso confere mais segurança a motoristas e passageiros e redução no consumo de combustível.

“Nos últimos quatro anos, aproveitamos a Expobor para apresentar à indústria soluções eficientes para o mercado de borracha, com matérias-primas e especialidades que melhorem a produtividade dos clientes e aumentem a competitividade do setor, que pode entregar ao consumidor final um produto seguro e sustentável”, afirma Adriana Morasco, responsável pelo Negócio de Especialidades Químicas da Braskem.

Outra solução em destaque foi o polibuteno (PIB), que pode ser utilizado em óleo e lubrificantes, filmes, adesivos, cosméticos, explosivos para mineração e couro. O produto, quando aplicado em compostos para innerliners (camada interna de pneus e câmaras de ar), aumenta a barreira à permeação de oxigênio através deles. Como consequência, é possível reduzir o uso de borrachas especiais nesses compostos ou até mesmo reduzir a espessura da camada innerliner, o que significa redução de custos na produção de pneu, afirma a Braskem.

No campo de inovação focalizada em matérias-primas renováveis, a Braskem levou para Expobor dois projetos da área de biotecnologia, ambos para a fabricação de pneus. A empresa desenvolve, ao lado da norte-americana Amyris e da francesa Michelin, tecnologia voltada à produção do isopreno de fonte renovável, insumo químico utilizado pela indústria de pneus, entre outras borrachas. Nos termos da parceria, as três companhias estão trabalhando juntas para desenvolver um processo biotecnológico de conversão de açúcares, oriundos da cana de açúcar, em isopreno verde.

Em união com a Genomatica, empresa norte-americana de biotecnologia, a Braskem anunciou, em novembro de 2015, a produção de butadieno em escala de laboratório por meio de processo de fermentação direta de açúcares. O material é usado na fabricação de borracha para pneus, com aplicações também em aparelhos elétricos, calçados, plásticos, asfalto, materiais de construção e látex.

Fonte: Braskem

Curta nossa página no

Retilox lança novo produto para EVA durante Expobor

15/07/2016
Entresola mesclada com 3 cores

Entresola mesclada com 3 cores

A Retilox lançou na última edição da feira Expobor o Pro EVA Revolution, uma nova tecnologia para ser aplicada tanto em EVA injetado como no derramado (despejado).

A novidade consiste em um master, denominado Retimaster INJ, que elimina o brilho do EVA, potencializa a pigmentação e emborracha o produto, afirma a Retilox.

Segundo a empresa, o Retimaster INJ, também melhora o encolhimento, o grip, a resiliência, copia melhor o desenho do molde e aumenta a produtividade, reduzindo o ciclo de cura e os custos globais.

Fundada em 1992, a Retilox Química é uma empresa 100% brasileira, especialista na fabricação de peróxidos orgânicos modificados, coagentes e aditivos exclusivos para cura/modificação de diversos tipos de polímeros. Líder em tecnologias para crosslinking, a Retilox possui know-how no desenvolvimento de soluções para transformadores de plastômeros e elastômeros, fornecendo atualmente para clientes de mais de 10 países da América Latina.

Fonte – Retilox

Curta nossa página no

Messe Düsseldorf disponibiliza venda de ingressos on-line para a feira K 2016 com preços reduzidos

07/04/2016

k2016

  • Impressão dos ingressos poupa tempo e dinheiro
  • Ofertas personalizadas para viagem e alojamento

A partir de agora, os ingressos para visita à K 2016, que ocorrerá de 19 a 26 outubro, estão disponíveis online no site www.k-online.com. A compra do eTicket oferece benefícios duplos – poupa tempo e dinheiro. Os visitantes podem comprar os seus ingressos online, imprimi-los em suas próprias impressoras ou baixá-los como códigos – e depois se deslocar gratuitamente para a feira através de trens ou ônibus. O eTicket também é mais barato do que os ingressos comprados no local. O ingresso para um dia custa 49 euros, enquanto que o preço de balcão em Düsseldorf é de 65 Euros. O ingresso de 3 dias pode ser adquirido online por 108 Euros, sendo 135 Euros no balcão.

As pessoas que estejam ainda à procura de alojamento durante a K 2016 são aconselhadas a fazer uso dos serviços da Düsseldorf Marketing & Tourismus GmbH (DMT). Esta subsidiária da municipalidade local dispõe da melhor visão geral dos hotéis e quartos privados disponíveis em Düsseldorf e arredores durante a principal feira mundial para a indústria de plásticos e borracha e vai ajudá-lo a fazer a sua reserva. Aliás, a pressão sobre o setor hoteleiro tem ficado mais branda. Só dentro dos limites da cidade de Düsseldorf, cerca de 1.000 novos leitos hoteleiros foram criados nos últimos anos e, em cidades vizinhas (por exemplo Essen, Krefeld, Mönchengladbach e Wuppertal), mais 900 novos leitos foram disponibilizados no mesmo período. Na região de Düsseldorf, cerca de 79 mil leitos estão disponíveis no momento. A DMT reuniu todo o seu pacote de serviços online para a K 2016, de modo que uma consulta ao site deles será certamente útil: http://business.duesseldorf-tourismus.de/messe/K/.

Além disso, há uma oferta atraente da Messe Düsseldorf, Deutsche Bahn e DMT especificamente para os visitantes da K 2016 vindos de toda a Alemanha: o preço do bilhete especial de retorno (amarrado a trens específicos e enquanto estiverem disponiveis) para Düsseldorf é de 99 euros para segunda classe e 159 euros para primeira classe. Esta oferta estará disponível on-line por cerca de três meses antes da feira começar.

A K 2016 estará aberta diariamente das 10:00 às 18:30 hs. Todos os ingressos para a feira dão direito também a deslocamentos gratuitos de ida e volta da feira através de ônibus, metrô/bonde e trens dentro do sistema de transporte integrada na VRR e VRS (somente na 2ª classe, em trens sem custo adicional). Mais informações sobre a rede de transportes pode ser encontrada em http://www.vrr.de e www.vrs-info.de.

Na K 2016, mais de 3.000 expositores internacionais estarão apresentando seus mais recentes desenvolvimentos nas áreas de máquinas e equipamentos para a indústria de plásticos e borracha, matérias-primas e auxiliares e produtos semi-acabados, peças técnicas e plásticos reforçados. Cerca de 200.000 visitantes profissionais de todo o mundo são esperados na feira.

Fonte: Messe Düsseldorf

Curta nossa página no

Diálogo entre Pesquisa & Desenvolvimento e Indústria durante a Feira K 2016 na Alemanha: Campus de Ciência na K 2016 apresenta temas-chave para os plásticos e borracha

23/03/2016

k2016Tendo obtido uma expressiva resposta durante a sua estréia na K 2013, o Campus de Ciência na K 2016, entre 19 a 26 de outubro, intensificará ainda mais o diálogo entre pesquisadores e a indústria, em uma área ampliada, com um aumento do número de organizações científicas participantes. Complementando as apresentações das universidades e faculdades, institutos e organizações patrocinadoras, o Campus de Ciência terá foco sobre os quatro temas-chave definidos pelo Círculo de Inovação da K 2016 – um painel constituído por especialistas da área científica e representantes do Conselho Expositores de K.

O Campus de Ciência permitirá que os expositores e visitantes da K 2016 obtenham uma visão concentrada das atividades científicas e descobertas no setor de plásticos e borracha, ao mesmo tempo em que promoverá a troca de experiências entre empresas e universidades. Os seguintes participantes serão representados no Campus de Ciência, no Hall 7.0 do Centro de Exposições de Düsseldorf:

  • Universidade de Darmstadt de Ciências Aplicadas – Instituto de Engenharia de Plásticos (IKD)
  • Universidade Johannes Kepler – Instituto de Materiais Poliméricos e Testes, Linz, Áustria
  • Instituto Leibniz de Pesquisa em Polímeros – Dresden (IPF)
  • Universidade Chemnitz – Cluster MERGE de Excelência em Tecnologia, Instituto de Estruturas Leves
  • Universidade Dresden de Tecnologia – Instituto de Engenharia Leve e Tecnologia de Polímeros (ILK)
  • Universidade de Stuttgart – Instituto de Tecnologia de Polímeros (IKT)
  • Um total de dez institutos ou cátedras de química macromolecular e técnica
  • Sociedade Fraunhofer para o avanço da pesquisa aplicada – total de oito institutos
  • Kunststoff-Institut (Instituto de plásticos para as pequenas e médias empresas de North Rhine-Westphalia) (KIMW)
  • Beteiligungs- und Kunststoffverwertungsgesellschaft mbH (BKV) – empresa de investimentos e reciclagem de plásticos
  • Climate-KIC GmbH – Iniciativa sobre inovação para o Clima do Instituto Europeu de Inovação e Tecnologia
  • Fachagentur Nachwachsende Rohstoffe e.V. (FNR) – Instituto de coordenação para atividades sobre materiais renováveis – Sociedade Química Alemã (GDCh)
  • VDI – Associação dos Engenheiros da Alemanha
  • Alliança Científica de Tecnologia de Plásticos (WAK)

Todos eles estarão apresentando materiais e tecnologias pioneiras e respondendo aos desafios centrais da tecnologia de plásticos e borracha.

No Centro do Campus de Ciência, o Fórum de discussão e comunicação, a atenção será focada nos seguintes temas-chave:

  • motores de inovação de mudanças globais com foco na eficiência do uso de recursos
  • indústria de plásticos 4.0
  • novos materiais, e
  • engenharia de materiais leves

O treinamento científico em química macromolecular e tecnologia de plásticos também será um foco de atenção. Os cientistas do Círculo de Inovação da K 2016 e as equipes de seus institutos irão preparar os temas-chave e apresentá-los em diferentes formatos. Com a expectativa de que tenham um impacto duradouro sobre o desenvolvimento do setor no mercado nos próximos anos, estes temas não só serão o foco do Campus de Ciência na K 2016, mas também serão refletidos nas apresentações dos expositores, na mostra especial “Plastics Shape the Future (Os plásticos dão forma ao Futuro)” e no “Innovation Compass (Bússola da Inovação)”.

Na K 2016, mais de 3.000 expositores de todos os continentes estarão apresentando seus mais recentes desenvolvimentos nas áreas de máquinas e equipamentos para a indústria de plásticos e borracha, matérias-primas e auxiliares, produtos semi-acabados, peças técnicas e produtos de plásticos reforçados. A feira, que estará aberta das 10 às 18 horas, entre quarta-feira, 19 de outubro até quarta-feira, 26 de outubro, espera atrair cerca de 200.000 visitantes profissionais de todo o mundo.

Fonte: Messe Düsseldorf

Curta nossa página no

Evonik anuncia novos distribuidores para mercado de borracha

05/10/2015

Evonik_borrachas

Parcerias visam aprimorar o serviço oferecido às indústrias de pneus, artefatos técnicos e solados

Com o objetivo de aperfeiçoar a distribuição de seus produtos para o mercado brasileiro de borracha, a Evonik, uma das líderes mundiais em especialidades químicas, anuncia parceria com dois novos distribuidores para as linhas de sílicas e silanos.

A partir de 5 de outubro de 2015, a empresa Convip ficará responsável pela distribuição dos produtos Evonik na região Sul do Brasil, enquanto a quantiQ, referência em distribuição de produtos químicos no Brasil, será a nova distribuidora nas demais regiões do país.

“O mercado de borracha é estratégico para a Evonik, que oferece insumos para atender modernas formulações e processos produtivos. Com estas parcerias agregaremos ainda mais qualidade aos serviços oferecidos aos nossos clientes”, destaca Camila Pecerini, Gerente de Negócios – Sílicas, da Evonik Resource Efficiency.

Entre os produtos que serão distribuídos pelos novos parceiros estão as sílicas precipitadas ULTRASIL®, COUPSIL® e COFILL® e a linha de organosilanos Dynasylan®, Si 69®, Si 266®, Si 75®, Si 363® e X-50S.

O uso de sílicas em combinação com silanos permite a produção de compostos de borracha com melhores propriedades mecânicas (por exemplo, compostos com menor resistência ao rolamento, no caso de pneus, resulta em menor consumo de combustível). Segundo a Evonik, a empresa é o único fornecedor que disponibiliza ambos os componentes, tornando-se um parceiro estratégico para clientes em compostos de alta performance.

Convip e quantiQ distribuirão também as linhas de aditivos (antioxidantes e antiozonantes) especiais da AddivantTM, representada pela Evonik.

A quantiQ atua na distribuição de produtos químicos do Brasil.  Com atuação diversificada, está presente em mais de 50 segmentos de mercado e possui um portfólio de mais de 1000 produtos, entre commodities, performance e especialidades químicas. A empresa também conta com uma estrutura de serviços estruturada para armazenamento de granéis e embalados, envase e desenvolvimento de produtos formulados. A quantiQ tem presença em todo o Brasil por meio de uma estrutura comercial e logística com centros de distribuição e escritórios de vendas nas regiões Sul, Sudeste e Nordeste.

A Convip atua desde 1993 como importador e distribuidor de matérias-primas para as indústrias de transformação de borracha, plásticos e tintas, atuando principalmente em especialidades químicas. Sua matriz está localizada em Diadema/SP facilitando o recebimento e distribuição de seus produtos devido à proximidade com importantes rodovias, como a Rodovia Anchieta e Rodovia Imigrantes, bem como do Rodoanel Mario Covas. Buscando maior eficiência na distribuição de seus produtos para os estados do Sul do país possui estoque na filial em Itajaí/SC  e, através da empresa que compõe a holding, dispõe de estoque em Roca Sales/RS.

Evonik é um dos principais líderes mundiais em especialidades químicas.  A empresa atua em mais de 100 países no mundo inteiro. No ano fiscal de 2014, mais de 33.000 colaboradores geraram vendas em torno de 12,9 bilhões de Euros e um lucro operacional (EBITDA ajustado) de cerca de 1,9 bilhão de Euros. No Brasil, a história da Evonik Industries, começou em 1953. A empresa conta hoje com cerca de 600 colaboradores no País e seus produtos são utilizados como matéria-prima em importantes setores industriais, como: automotivo, agroquímico, biodiesel, borracha, construção civil, cosmético, farmacêutico, nutrição animal, papel e celulose, plástico, química e tintas.

Fonte: Evonik

Curta nossa página no

Orion lança novas especialidades de negro de fumo para tubulações e aplicações condutoras de eletricidade durante a Feiplastic 2015

14/05/2015

Na Feira InternaOrion_Pipescional do Plástico (Feiplastic), ocorrida em São Paulo, de 4 a 8 de maio, a Orion Engineered Carbons apresentou quatro novas especialidades de negro de fumo para usos em tubos de pressão, fios e cabos e aplicações condutoras de eletricidade: PRINTEX® zeta A, XPB 552, XPB 538 e PRINTEX® HV.

O PRINTEX® zeta A é projetado especialmente para tubulações de pressão usadas na distribuição de gás e água. “A elevada pureza química e física do PRINTEX® zeta A minimiza efeitos de sabor e odor”, afirma Bhuvanesh Yerigeri, Ph.D., Gerente Técnico de Mercado para as Américas em especialidades de Negro de Fumo. “A baixa absorção de umidade e o excelente desempenho da dispersão microscópica da especialidade garantem um tubo liso, sem defeitos”. O PRINTEX® zeta A também dá ao polímero uma boa proteção à radiação ultravioleta, protegendo o tubo da degradação foto-oxidativa, afirma a Orion.

Orion_Carbon_BlackDois outros grades de especialidades em Negros de Fumo condutores de eletricidade para aplicações em polímeros foram recentemente adicionados ao portfolio da Orion:

XPB 552: tem uma área superficial específica média, conferindo condutividade e propriedades anti-estáticas aos polímeros, segundo a empresa. Tais polímeros são adequados para peças plásticas da carroceria de automóveis que requerem condutividade para garantir uma pintura livre de problemas, assim como também para embalagens de eletrônicos.

XPB 538: é um negro de fumo de área superficial específica extremamente alta e possui um elevado nível de estrutura e de pureza, segundo a Orion, alcançando maior condutividade a níveis de carga mais baixos do que os negros de fumo condutores convencionais. As suas principais aplicações incluem baterias de íon-lítio, aplicações de fios e cabos e plásticos de engenharia condutores.

Orion_CablesCompletando o portfólio de novas especialidades em negros de fumo da Orion para aplicações condutoras, a empresa apresentou também o PRINTEX® HV, um grade de alto desempenho para uso em cabos de alta voltagem. O PRINTEX® HV possui alta pureza e dispersabilidade e confere uma superfície muito lisa, além de alta condutividade para compostos semi-condutores, afirma a Orion.

A Orion Engineered Carbons é um fornecedor global de negro de fumo. A empresa oferece produtos convencionais e de alto desempenho para revestimentos, tintas para impressão, plásticos, borrachas e outras aplicações. Os grades de negro de fumo fornecidos pela Orion tingem, dão cor e aprimoram o desempenho de plásticos, tintas e revestimentos, toners e tintas de impressão, adesivos e vedações, pneus e produtos fabricados com borracha, tais como correias e mangueiras automotivas. Contando com 1.360 funcionários no mundo todo, a Orion Engineered Carbons opera 14 fábricas globais, incluindo a unidade brasileira, em Paulínia, e 4 centros de tecnologia aplicada. A unidade de Paulínia, em São Paulo, opera desde 2003 e tem uma capacidade de produção de 100.000 toneladas métricas por ano, produzindo tanto pigmentos de especialidades como negro de fumo para borrachas, incluindo grades de tecnologia limpa. A planta de Paulínia emprega 65 funcionários. A Orion também possui escritórios de vendas em São Paulo, além de um centro técnico dedicado às Américas, em Ohio, nos Estados Unidos.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Orion

Curta nossa página no