Posts Tagged ‘Apex’

Guia da Sustentabilidade do Plástico será lançado em São Paulo no dia 21/10

20/10/2015

A publicação tem como objetivo oferecer à indústria de transformação plástica brasileira os parâmetros de ação voltados à sustentabilidade

No próximo dia 21 de outubro, será lançado em São Paulo o Guia de Sustentabilidade do Plástico, que é o resultado de um trabalho de diagnóstico e elaboração de plano de ação com vistas à sustentabilidade, a ser aplicado para a indústria de transformação plástica. O evento, que será realizado durante a BW Expo, tem como objetivo apresentar os principais resultados do projeto e compartilhar informações específicas e úteis para a adequação das empresas brasileiras aos padrões internacionais de sustentabilidade.

Com apoio da Plastivida, o Guia é uma iniciativa do Instituto Nacional do Plástico (INP), por meio de seu programa Think Plastic Brazil, e da Agência Brasileira da Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). A WayCarbon, referência em assessoria sobre mudanças globais do clima, gestão de ativos ambientais, desenvolvimento de estratégias e estruturação de negócios ecoeficientes, foi contratada para realizar o trabalho de campo.

O trabalho foi norteado por duas questões: “Como a sustentabilidade vem sendo entendida e aplicada pelas empresas brasileiras transformadoras de plásticos?” e “Quais os caminhos possíveis para uma produção mais ecoeficiente?”. Cinco etapas foram elaboradas para responder às questões base do projeto: Entendimento Integrado do Setor Nacional e Internacional; Oficinas de Sensibilização; Visitas Técnicas; Análise de Cenários; e Tendências e Elaboração do Guia de Sustentabilidade.

Para Miguel Bahiense, presidente da Plastivida e diretor executivo do INP o Guia é o resultado de um importante mapeamento que mostra a realizada da indústria de transformação de plásticos no Brasil e aponta caminhos para que ela se desenvolva. “Esse desenvolvimento não é apenas no campo ambiental, mas também social e econômico, pois boas práticas sustentáveis agregam competitividade às empresas, no Brasil e em outros países”, afirma o executivo.

O evento de lançamento da publicação contará com a presença de representantes das entidades e empresas envolvidas no projeto. A solenidade, que será realizada das 16 às 20 horas, terá, após a abertura oficial, a apresentação do Guia, um painel com cases de empresas transformadoras de plásticos, palestras e um coquetel.

Para participar do evento de lançamento, o credenciamento gratuito pode ser feito através do link http://www.bwexpo.com.br/credenciamento

Serviço: Lançamento do Guia de Sustentabilidade do Plástico
Data: 21 de outubro
Horário: das 16 às 20 horas
Local: BW Expo (sala 2)
Centro de Eventos Pro Magno, Rua Samaritá, 230
Casa Verde – São Paulo – SP.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Plastivida

Curta nossa página no

Anúncios

Empresas da região Sul apresentam novas tecnologias e prospectam negócios na Feiplastic 2013

13/03/2013

feiplastic

A região concentra 27,5% das empresas do setor de Transformados Plásticos do país e emprega 91.967 pessoas

A força econômica e o potencial das indústrias do setor plástico na região Sul, que, segundo a Abiplast (Associação Brasileira da Indústria do Plástico) concentra 27,5% das empresas do País e emprega pelo menos 91.967 pessoas, serão demonstradas pelas marcas expositoras na FEIPLASTIC 2013 – 14ª Feira Internacional do Plástico, maior feira de negócios da indústria plástica na América Latina, que acontece de 20 a 24 de maio, no Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo. A feira terá a participação de 50 empresas vindas do Paraná ao Rio Grande do Sul, dos principais segmentos da cadeia produtiva do plástico, que trarão novidades em produtos e lançamentos para os 70 mil visitantes/compradores esperados para o evento.

Em sua segunda participação na FEIPLASTIC, a Apex apresentará os Cilindros e as Camisas anilox com gravação hexagonal e tecnologia GTT para as áreas de banda estreita, flexíveis e papelão ondulado. A tecnologia de gravação GTT, patenteada pela marca, atualmente é o que existe de mais inovador na flexografia mundial, que traz a vantagem de economizar tinta. A unidade Apex Latin America opera em toda a América Latina, e a Apex Group of Companies, maior fabricante de cilindros anilox, está presente em cinco continentes. A empresa é especializada no desenvolvimento, fabricação e distribuição de cilindros medidores e para aplicações especiais, concentrando-se na impressão e revestimento para a indústria de etiquetas, flexíveis e papel ondulado em todo o mundo.

Já a Flexo Tech irá expor a Impressora Flexográfica Gearless – modelo Access Premium 8C. O produto diferencia-se pela avançada tecnologia empregada, como o sistema de acionamento dos cilindros através de servomotores de última geração e posicionamento das unidades de impressão por comando numérico computadorizado (CNC). O equipamento ainda destaca-se pela alta velocidade de produção, sistemas de trocas automáticas de bobinas na entrada e na saída, alinhadores eletrônicos, viscosímetros, sistemas automáticos de lavagem e de gerenciamento automático de impressão. A empresa atua em todo o território nacional e em países da América Latina, Rússia e Turquia. “Investimos constantemente em novas tecnologias com o que há de mais moderno na indústria mundial de equipamentos, buscando sempre um design arrojado e inovador. A empresa participa das feiras promovidas pela Reed Exhibitions Alcantara Machado há mais de 10 anos, e nossas expectativas são as melhores, pois o empenho da organizadora na promoção de seus eventos garante o sucesso dos expositores”, afirma o diretor comercial da empresa, Romário Zonneveld.

Os avanços nos processos de nanotecnologia serão apresentados pela Cristal Master, com dois lançamentos durante a feira.  O primeiro deles é o Antimicrobiano Orgânico Atóxico, desenvolvido em parceria com a Kher Chemical and Research, que emprega no seu processo nanotecnologia nacional e pode ser incorporado em vários tipos de matrizes poliméricas. Com a função de agregar a propriedade antimicrobiana ao polímero, favorecer a durabilidade dos produtos e proteger o ambiente, ele elimina um amplo espectro de microrganismos, como bactérias e fungos, nocivos ao meio ambiente. A segunda novidade será o Agente Interfacial, alternativa para utilizar resinas recicladas reduzindo a utilização de espessuras de filmes, por exemplo, sem perder a característica de resistência (propriedades mecânicas). Ele busca a compatibilização de dois componentes que, misturados, agregam ao produto final melhores características e estabilidade morfológica. “Este ano teremos novas aquisições para manter nosso parque fabril atualizado e eficaz, e sustentar o forte crescimento projetado. Diante disso, o nosso objetivo maior na FEIPLASTIC é incrementar novos negócios entre 10% e 20%”, afirma Luiz Carlos Reinert, diretor administrativo da empresa.

Em sua primeira participação no evento, a Comm 5 terá como destaque a solução Visão, combo de hardware e software que atua no apontamento automático de produção, responsável pelo acompanhamento de todo o processo produtivo em tempo real. A solução funciona como um coletor, com sensores instalados nas máquinas. Os dados coletados são enviados ao software para a geração de relatórios. Além disso, estes mesmos dados alimentam o ERP (Enterprise Resource Planning), software multi-modular que auxilia o gestor da empresa nas fases de seu negócio, permitindo um monitoramento mais amplo do processo. Com matriz em São Paulo, filial em Santa Catarina e forte atuação nas regiões Sul e Sudeste, a Comm5 desenvolve tecnologia e fabrica equipamentos e soluções para automação industrial, comercial, residencial e vigilância. Segundo Fabiana Voltolini, gerente comercial da empresa, a companhia tem o objetivo de participar da feira para aumentar seu nicho de mercado, se tornar conhecida em outras regiões, além de fortalecer as parcerias já consolidadas e demonstrar as novidades para 2013.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Feiplastic

Curta nossa página no

Negócios e informação reuniram as associadas ao Export Plastic na House & Gift Fair.

12/09/2011

Fabricantes e compradores de artigos para casa e decoração marcaram presença na 43ª House & Gift Fair South America, feira realizada em São Paulo, entre os dias 27 e 30 de agosto. Durante o evento, o Programa Export Plastic promoveu atividades específicas para suas associadas, a fim de estimular a implantação de uma cultura exportadora nas empresas e divulgar a imagem dos produtos brasileiros no exterior.

Uma dessas atividades foi a 27ª edição do Projeto Comprador, que viabilizou 151 rodadas de negócios entre 19 empresas brasileiras fabricantes de utilidades domésticas plásticas e 12 compradores internacionais, vindos da Costa Rica, Colômbia, Chile, Paraguai, El Salvador e Jamaica. A estimativa é que em 12 meses esta ação resulte em US$ 1.190.000 em negócios.

A Tritec, que exporta seus produtos de utilidade doméstica para a América Latina, África, Europa e Estados Unidos, se reuniu com nove importadores. “Já encaminhamos informações e amostras aos compradores”, disse Alexandre Sachet, Gerente de Exportação da companhia. E completou: “o Programa Export Plastic nos oferece constantemente a possibilidade de novos contatos comerciais, além oportunidades de ampliar nossa presença no mercado internacional e de conhecer as tendências mundiais, o que é fundamental para aumentar nossa competitividade lá fora.”

Além da possibilidade de estabelecer novos mercados, o Projeto Comprador também possibilita que as associadas revejam contatos antigos. Foi o caso da fabricante de utilidades domésticas Martiplast que, além de abrir contatos no Paraguai, Chile e Jamaica, também reencontrou antigos compradores da Colômbia. “As primeiras conversas foram promissoras e já agendamos visitas técnicas de representantes à nossa fábrica”, afirmou Jones da Rocha Filho, gerente de exportação da empresa. A Martiplast já exporta para 17 países da América Latina, África e Europa.

 Outra iniciativa do Export Plastic foi o Projeto Imagem, que traz jornalistas internacionais para conhecerem o mercado e a produção de plásticos do Brasil. Durante a 43ª House & Gift, o Programa trouxe um jornalista da revista mexicana Ambientes, com tiragem de 25 mil exemplares, e uma representante da norte-americana Gifts and Decorative Accessories, com tiragem de 27 mil exemplares.

 O Programa fechou o evento com a participação de Karim Rashid, um dos ícones do design mundial. Além das associadas ao Programa, o artista também conversou com representantes de outros setores de utilidades domésticas, como vidro e porcelana, e ministrou uma palestra na feira sobre a importância do design para as marcas estabelecerem diferenciais no mercado.

 Para Marco Wydra, gerente do Export Plastic, a House & Gift foi o palco ideal para o Programa reunir a promoção de seus integrantes à informação. “Durante o evento, conseguimos dar às associadas a oportunidade de mostrarem seus produtos aos importadores e ainda discutirem sobre a importância de reforçar o design dos produtos como diferencial das marcas, por meio do contato com Karim Rashid”, concluiu.

 Fonte: Boletim ExportPlastic

Export Plastic promove 110 rodadas comerciais na Plastech 2011

12/09/2011


As cidades de São Paulo e Caxias do Sul sediaram as 110 rodadas de negócios promovidas pelo 26º Projeto Comprador, realizado pelo Programa Export Plastic durante a Plastech Brasil – Feira de Tecnologias para Termoplásticos e Termofixos, Moldes e Equipamentos, que ocorreu em Caxias do Sul entre os dias 16 e 19 de agosto.

 Compradores da Costa Rica, Dinamarca, México, Holanda e Estados Unidos participaram das reuniões de negócios com 38 empresas associadas ao Programa. A estimativa das associadas é que em 12 meses esta ação resulte em US$ 1.930.000 em negócios.

 Uma dessas empresas foi a Plastrela, fabricante de laminados e sacos de polietileno e que já exporta para a Inglaterra, o Uruguai e a Colômbia. A partir do Projeto Comprador da Plastech, a empresa iniciou negociações com executivos da Costa Rica e México. Segundo Jack Shen, diretor da Plastrela, o processo de negociação é lento e o período pós-evento é fundamental para garantir bons resultados futuros. “Exportação é uma ação de longo prazo e, no nosso caso, que fabricamos produtos personalizados, é ainda mais importante darmos a assistência necessária aos compradores para conquistarmos mercado”, concluiu.

 Fabricante de sacos em bobina para o área de frutas e verduras de sacolões e supermercados, a Unisold realizou rodadas de negócios com os compradores e os recebeu na sede da sua empresa, em Esteio/RS, para visitas técnicas. “Os visitantes ficaram impressionados com a nossa capacidade de produção e aprovaram nosso processo”, disse Gustavo Bazzano, diretor comercial da empresa. “Já enviamos amostras para dois deles e estamos aguardando os próximos passos das negociações, que devem acontecer em breve”, concluiu. Os produtos da Unisold já são encontrados nos mercados da Dinamarca, Portugal, além de países da América Latina.

 A Plastech teve como proposta facilitar o acesso dos empresários às novas tecnologias. A feira reuniu 250 expositores e mais de 21 mil visitantes que conheceram as novidades em matérias-primas e produtos básicos, máquinas, equipamentos, acessórios, moldes, ferramentas, instrumentação, equipamentos de controle e automação, além de serviços e projetos técnicos.

 Segundo Marco Wydra, gerente do Programa Export Plastic, as rodadas de negócios do Projeto Comprador e as visitas técnicas representaram grandes oportunidades para as associadas mostrarem seu potencial para atender às demandas internacionais. “As ações realizadas na Plastech, possibilitaram a aproximação entre os importadores e os empresários brasileiros, especialmente os da região Sul, que puderam receber os compradores em suas sedes e mostrar sua capacidade de atender grandes demandas”, concluiu o gerente do Programa.

Fonte:  Boletim Export Plastic