Posts Tagged ‘Abertura’

Covestro e Adidas desenvolvem bola de futebol para a Copa da UEFA na França

12/06/2016

Covestro-Beau-Jeu

No dia 10 de junho, na França, começou o Campeonato Europeu de Futebol – UEFA Euro 2016 -, que reunindo craques e seleções de todo o continente é, hoje, um dos mais disputados do planeta. Tamanha visibilidade transforma a Euro no palco ideal para a apresentação de talentos, mas também para o lançamento de produtos e inovações por parte empresas de materiais esportivos, como a Adidas, empresa alemã que além de vestir diversas seleções, participará do campeonato com a bola oficial do torneio.

E para fazer bonito, a bola, criada especificamente para a Euro 2016, traz uma série de inovações tecnológicas. Batizada de Beau Jeu – Jogo Bonito em francês – a bola é resultado do trabalho conjunto realizado entre a Adidas e a também alemã Covestro, uma parceria que completa 30 anos em 2016.

Incorporando os melhores elementos da Brazuca, que foi a bola oficial da Copa do Mundo do Brasil, disputada em 2014, a Beau Jeu ganhou ainda mais tecnologia, favorecendo a aderência, o controle de bola, a estabilidade de voo e resistência a água graças a seu escudo exterior, afirma a Covestro.

Gol de placa da tecnologia

Confeccionada com múltiplas camadas de poliuretano termoplástico (TPU) da linha da linha IMPRANIL®, a Beau Jeu leva para os gramados várias características da tecnologia Covestro.

“A ‘casca’ externa é uma camada de proteção que evita a abrasão dos grafismos presentes da camada impressa. A superfície branca, decorada com as cores da França – azul, branco e vermelho – é, portanto, mais durável”, explica Thomas Michaelis, gerente do projeto da Beau Jeu na Covestro.

A camada intermediária protege contra influências externas e garante a elasticidade da bola. Abaixo, há uma espuma de poliuretano com milhões de microesferas que garantem melhores características de vôo e, por fim, um adesivo de poliuretano liga as camadas superiores a um tecido especial de poliéster e algodão que serve como substrato.

Com vendas de EUR 12,1 bilhões em 2015, a Covestro está entre as maiores empresas de polímeros do mundo. Suas principais atividades incluem a produção de polímeros tecnológicos e o desenvolvimento de soluções inovadoras para produtos empregados em diversas áreas da vida cotidiana. Os principais segmentos atendidos são o automotivo, eletroeletrônico, construção civil e a indústria de esporte e lazer. A Covestro, antiga Bayer MaterialScience, possui 30 unidades fabris em todo o mundo e, no final de 2015, empregava aproximadamente 15.800 pessoas.

Fonte: Covestro

Curta nossa página no

Anúncios

13a. Edição da Feira Brasilplast é aberta em São Paulo.

09/05/2011

 Até 13 de maio, a feira reúne 1390 expositores da indústria do plástico e deve receber 65 mil compradores interessados em soluções e tecnologias que aumentem a competitividade do setor no mercado interno 

 Em sua 13ª edição, a BRASILPLAST (Feira Internacional da Indústria do Plástico), terceira maior feira do mundo, teve início nesta segunda-feira, no Pavilhão de Exposições do Anhembi.  A solenidade de abertura contou com a presença de diversas autoridades de entidades parceiras do setor. Juan Pablo De Vera, presidente da Reed Exhibitions Alcantara Machado, chamou a atenção para os recordes da feira nesse ano, a exemplo do número de profissionais interessados em participar do evento: até a véspera da abertura, 42 mil pessoas já haviam se credenciado.

 “Esta edição da BRASILPLAST é motivo de orgulho pela competência e qualidade com que a empresas participam da feira”, disse De Vera. O evento ocupa todo o Pavilhão do Anhembi com 1390 expositores e espera receber mais de 65 mil visitantes/compradores das principais capitais do Brasil e de 36 países, como Itália, Turquia, Portugal, China, Taiwan, Alemanha, Estados Unidos, Coréia do Sul e Índia.

 Em meio aos avanços em tecnologia no setor, os porta-vozes da ABIMAQ e da ABIQUIM frisaram a preocupação com o trabalho em busca de melhorar a competitividade da indústria nacional. Visão compartilhada pelo presidente da ABIPLAST, José Ricardo Roriz Coelho, que reforçou a necessidade da indústria investir no mercado interno. “O consumidor não compra barril de petróleo e sim o produto transformado. Temos que fazer um grande esforço para sermos um centro de excelência em tecnologia e soluções para setor de transformação”, afirmou.

 O plástico está presente em grande parte dos objetos e produtos consumidos e usados pelos brasileiros, desde carros, eltrodomésticos, celulares a embalagens para alimentos, cosméticos e medicamentos. O setor de transformadores plásticos gera 349,4 mil empregos diretos no Brasil, sendo o 6º maior empregador do Brasil e 2º maior de São Paulo, com grande potencial de crescimento.

A abertura ainda contou com a presença do vice-presidente do SIRESP, do presidente da Câmara Setorial de Máquinas e Assessorias para a Indústria do Plástico da ABIMAQ, do presidente da Agência de Desenvolvimento Industrial e do cônsul geral da Itália em São Paulo. da Sra. Liliane Bortolucci, diretora da Brasilplast 2011, do Sr. José Veloso Dias Cardoso, vice-presidente da ABIMAQ,  Sr. Henri Armand Slezynger, presidente da ABQUIM,  Sr. Wilson Carnevalli, presidente da Câmara Setorial de máquinas e assessores para a indústria do plástico da ABIMAQ, Roberto Noronha dos Santos, vice-presidente do SIRESP,  Sr. Mauro Borges Lemos, presidente da agência de desenvolvimento industrial, Sr. Mauro Marsilli, cônsul geral da Itália em São Paulo e Sr. Alencar Burti, presidente do conselho deliberativo do SEBRAE em São Paulo, entre outras autoridades e representantes setorais.

Fonte: Assessoria de Imprensa: Brasilplast