Archive for the ‘Celulósicos’ Category

Eastman e DW Designs apresentam resultados de testes com polímeros em aplicações de áudio

01/11/2018

A Eastman e a DW Designs demonstram a clareza de áudio do copoliéster Tritan™ e do bioplástico de engenharia Trëva™

A fabricante global de materiais plásticos Eastman, em colaboração com a DW Designs, moldou e testou modelos em berílio para invólucros de monitor auditivo usando uma variedade de materiais. As duas empresas apresentaram suas descobertas no festival anual Rocky Mountain International Audio Fest (CanJam), realizado no mês de outubro, em Denver.

“A Eastman desejava entender como os nossos polímeros poderiam incrementar a performance acústica em aplicações de áudio”, afirma John Quigley, Engenheiro Sênior de Desenvolvimento de Aplicações da Eastman. “Nós trabalhamos com a DW Designs para testar invólucros modelados em um material de policarbonato, assim como as resinas de copoliéster e celulósica da Eastman”.

A Eastman e a DW Designs testaram cada um dos polímeros tanto pelo espectro cumulativo de decaimento (cumulative spectral decay – CSD) quanto pela distorção harmônica total (total harmonic distortion – THD). Dados indicam que o copoliéster superou o policarbonato, enquanto a celulósica ofereceu resultados superiores, ambos em termos de resposta limpa e baixa distorção. Especificamente, o policarbonato teve os maiores picos de ressonância, ao passo que a celulósica apresentou o nível total mais baixo de THD medido.

“Os polímeros da Eastman demonstraram, por meio de meus testes e experimentações independentes, fornecer melhorias mensuráveis e audíveis em muitos produtos que utilizam plástico”, diz Dan Wiggins, consultor da DW Designs. “Fácil de moldar, durável, com dissipação de energia interna incrivelmente alta e acessibilidade fazem com que produtos como o Tritan e o Trëva sejam simples para muitos consumidores de produtos auditivos. Agora, eles são minha mais alta recomendação para moldar caixas acústicas. ”

Segundo a Eastman, os dados demonstraram que o copoliéster Tritan™ e o bioplástico de engenharia Trëva™ fabricados pela empresa Eastman têm características superiores em abafamento de som em relação ao policarbonato. Além disso, o comentário de ouvintes especialistas demonstraram que os consumidores foram capazes de ouvir melhor os detalhes de fino e preferiram a performance acústica do Tritan e do Trëva.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Eastman

Curta nossa página no

Anúncios

Eastman destaca vantagens de seus plásticos especiais, plastificantes, TPUS´s e filmes de desempenho e anuncia novo distribuidor na Feiplastic 2013

09/04/2013

A empresa reforça os benefícios de diversas de suas linhas, divulga a Entec-Ravago como nova distribuidora de seus copoliésteres no Brasil e se prepara para as novas oportunidades durante o evento.

A Eastman Chemical Company, empresa de especialidades químicas, estará presente na Feiplastic (Feira Internacional do Plástico), o maior espaço na América Latina para apresentação de tendências e demonstração de lançamentos do setor. O evento acontece de 20 a 24 de maio, no Pavilhão de Exibições do Anhembi, em São Paulo – SP e reúne fabricantes de matéria prima plástica, distribuidores, fabricantes de equipamentos e periféricos, importadores, moldadores e agências de fomento industrial.

Durante a feira, a Eastman contará com um stand próprio localizado na rua C 98, e irá reforçar as vantagens de três de suas principais linhas de produtos – Plásticos Especiais, Plastificantes e TPUs e Filmes de Desempenho. Em matéria de Plásticos Especiais destacam-se o copoliéster Tritan™, o copoliéster Eastar CN015, e demais famílias de copoliésteres e celulósicos para diversas aplicações. O copoliéster Tritan™ é ideal para aplicações que requerem resistência a temperatura, transparência e resistência ao impacto e químico e são livres de Bisfenol A. Dentre os diversos mercados a que serve estão o de puericultura, housewares, eletrodomésticos, linha branca e appliances, garrafas esportivas, de componentes médicos – tanto embalagens quanto aparelhos,. Já o copoliéster Eastar™ CN015 é destinado ao setor de cosméticos por ser capaz de criar embalagens de paredes grossas, transparentes e resistentes a química, impacto e livres também de Bisfenol A.

A Eastman também aproveita o evento para expor as suas linhas de copoliésteres tradicionais, como a Eastar™, a Durastar™, a Aspira™ e a Provista™ que atendem às legislações para aplicação em contato com alimentos e possuem boas propriedades de resistência química, de facilidade em processamento e de tato agradável.

Além disso, outro destaque da companhia será a apresentação ao público o seu novo distribuidor para a linha de copoliésteres no Brasil, a Entec-Ravago, focada em entregar soluções de qualidade e tendo a sustentabilidade como palavra de ordem. Assim, a própria Eastman assegura seu comprometimento com soluções que protejam o meio-ambiente.

Na área de plastificantes e TPUs, a Eastman apresenta toda sua linha de plastificantes, destacando os não-ftalatos, para diversos mercados e aplicações, inclusive produtos produzidos no Brasil pela sua subsidiária Scandiflex.  A linha de TPUs permite desenvolver várias soluções para os mais diversos setores, sendo utilizadas em produtos pneumáticos, solas de sapato, tubos petrolíferos e até material dentário, entre outros.

Por fim, na área de Filmes de Desempenho, as películas de poliéster da Eastman mostram diversas utilizações, contando com quatro aplicações: controle solar, controle solar para para-brisas, segurança e proteção de pintura. As primeiras proporcionam um melhor controle de temperatura interno, gerando assim uma economia de energia elétrica gasta em climatização e também uma economia de combustível quando utilizada em veículos. A película de controle solar para para-brisas, LLumar® AIRBLUE, reduz 44% da energia solar transmitida para dentro do veículo. Sua transmissão luminosa de 78% não compromete a visibilidade do motorista e atende os limites da legislação em vigor.

Já a película de segurança protege no caso de quebras acidentais dos vidros, em eventos como tempestades, chuvas de granizo ou choques de objetos, mantendo os cacos de vidros aderidos à película, minimizando o risco de acidentes. Quando utilizadas nos vidros das janelas dos veículos, protegem contra cortes no caso de colisões laterais e ajudam a dificultar atos de vandalismo como quebra dos vidros laterais dos veículos, protegendo os condutores e seus bens pessoais. As Películas de Proteção de Pintura à base de poliuretano podem ser aplicadas em veículos de qualquer cor e formam uma barreira praticamente invisível que mantem a pintura dos automóveis e diminuem as marcas de pedras, produtos químicos, riscos e arranhões.

A Eastman, que já participou do evento em outras edições, espera estreitar mais os contatos com os clientes da região e ampliar a sua base de oportunidades através da feira. “É um evento grandioso para o mercado plástico da América Latina, por isso, estamos preparando um espaço especial em nosso stand para receber nossos clientes e distribuidores, que fazem um trabalho excepcional mesmo com as extensões territoriais do Brasil e outros países da América Latina. A escolha dos produtos expostos mostra ao público a inovação da Eastman, que conquista novos mercados”, disse o Gerente de negócios da área de Materiais Avançados da Eastman na América Latina, Luis Pagan.

“A Scandiflex sempre esteve presente na Feiplastic (antiga Brasilplast), e agora que fazemos parte da família Eastman, essa responsabilidade de mostrar ao mercado inovações e novos produtos em plastificantes e TPU dobra, pois carregamos uma herança que se adapta perfeitamente à cultura da Eastman, de produtos de qualidade, fabricados no Brasil e com excelência em soluções para nossos clientes”, ressalta Mauro Carqueijo, Diretor de Vendas da Scandiflex, subsidiária da Eastman Chemical Company no Brasil.

Fonte: The Group / Eastman

Curta nossa página no

Plásticos celulósicos da Eastman comemoram 80 anos

19/03/2013

 Celulósicos Tenite™ permanecem inalterados e altamente relevantes há 80 anos

Eastman_TeniteNum mundo em constante mudança devido a avanços tecnológicos e rápidas inovações, é raro que uma linha de produto possa permanecer relativamente inalterada e continuar sendo relevante, década após década. Mas esse é exatamente o caso do celulósico Tenite™ da Eastman Chemical Company, família de plásticos celulósicos compostos introduzida em 1932.

“Embora tenhamos desenvolvido aproximadamente 200.000 formulações, cores e padrões diferentes nos últimos 80 anos, estamos basicamente usando o mesmo processo de quando começamos a compor os plásticos celulósicos Tenite™”, afirmou Lucian Boldea, Ph.D., vice-presidente de especialidades plásticas da Eastman. Trabalhando com clientes e parceiros externos, a Eastman continua buscando novos usos inventivos para os celulósicos Tenite. “Estamos atualmente explorando novas maneiras de usar os celulósicos Tenite™, e começando a trabalhar com uma nova geração de estudantes universitários de design para experimentar com os plásticos e criar aplicações novas e inovadoras”.

Desde seu lançamento, os plásticos celulósicos Tenite™ vêm sendo usados numa variedade de aplicações em diversos mercados, incluindo eletrodomésticos e mercadorias médicas e visuais. Os plásticos compostos já foram usados para telefones, interiores automotivos, brinquedos, baralhos, dados de cassinos e instrumentos musicais. Os celulósicos Tenite™ também continuam sendo usados em viseiras, cabos de ferramentas, alças de carrinhos de supermercado, letras de placas externas e canetas esferográficas.

Historicamente, o principal uso dos celulósicos Tenite™ era em armações de óculos. Hoje, a Eastman continua sendo líder mundial como fornecedora de celulósicos compostos para o mercado ótico. No passado, o maior mercado para os celulósicos Tenite™ era a América do Norte, e por isso os produtos eram fabricados em Kingsport, no Tennessee. Embora essa tradição continue, nos últimos anos os plásticos foram disponibilizados globalmente pelas operações da Eastman nos EUA e no mundo. O uso está aumentando na Ásia, já que lá existe um crescente mercado para marcas de óculos, ferramentas de alto desempenho, eletrodomésticos e outras aplicações que usam os celulósicos Tenite™.

Os plásticos celulósicos Tenite™ são feitos de materiais renováveis de madeira macia, e esses materiais possuem conformidade certificada em relação às práticas sustentáveis de gestão florestal. Esses tipos de plástico são frequentemente chamados de polímeros naturais, e exemplificam os esforços da Eastman para abastecer seus clientes e os consumidores com uma solução inovadora e sustentável. Os celulósicos Tenite™ são processados a baixas temperaturas e com tempos de secagem mais curtos do que materiais concorrentes, aprimorando o consumo de energia sem abrir mão do desempenho.

“Embora a sustentabilidade não estivesse na mente dos consumidores e clientes quando os celulósicos Tenite™ surgiram no mercado, o Tenite serviu como um exemplo da oferta de materiais sustentáveis pela Eastman ao longo dos anos”, explicou Boldea. “Hoje, com um maior interesse em usar materiais sustentáveis, os celulósicos Tenite seguem como uma opção pertinente aos clientes”.

Os plásticos celulósicos Tenite™ possuem um equilíbrio de propriedades, incluindo resistência, dureza, força, brilho da superfície, clareza e resistência química. Esses plásticos também são facilmente moldados, extrudados ou usinados, e estão disponíveis numa variedade de cores e padrões transparentes e opacos. Eles são resistentes a raios UV e podem ser usados em produtos de uso prolongado ao ar livre. Um dos atributos mais exclusivos dos celulósicos Tenite™ é que eles são mornos ao toque, tornando-os ideais para aplicações manuais.

Fonte: The Group / Eastman

Curta nossa página no