Feira K 2019 chega ao final com a indústria de plásticos assumindo compromissos com a Economia Circular e o manuseio responsável dos plásticos

  • Forte impulso para a indústria: alta propensão a investir entre os 224.116 visitantes comerciais de 168 países
  • Economia circular é o assunto de destaque para as indústrias globais de plásticos e borracha

Depois de oito dias de intensa visitação, a K, principal feira mundial da indústria de plásticos e borracha, chegou ao fim em Düsseldorf no dia 23 de outubro. Os 3.330 expositores de 63 países demonstraram de maneira impressionante: o plástico continua sendo um material inovador e indispensável. Mas eles também sublinharam de forma unânime a necessidade de se ter uma economia circular operacional ao longo de toda a cadeia de materiais e, para essa finalidade, já apresentaram inúmeras soluções concretas. As empresas buscaram sensibilizar as pessoas com esse foco pois os aproximadamente 224.116 visitantes de 168 países se interessaram especialmente por sistemas de reciclagem, matérias-primas sustentáveis ​​e processos com economia de recursos. Além disso, a K 2019 também foi caracterizada por uma alta propensão ao investimento, como de costume. A intenção do público internacional de se preparar para o futuro com as mais recentes tecnologias era claramente perceptível.

“A K 2019 chegou exatamente no momento certo. Sua enorme importância para o setor é sustentada por seus altos níveis de aceitação em todo o mundo. Não há outro lugar em que a indústria esteja representada tão internacionalmente e completamente como aqui em Düsseldorf a cada três anos ”, diz Werner Matthias Dornscheidt, Presidente e CEO da Messe Düsseldorf, que explica:“ Especialmente em tempos turbulentos, plataformas como a K são indispensáveis. Ela fornece orientações e perspectivas, é um fator econômico, mostra tendências prospectivas e abordagens concretas. A indústria e suas associações profissionais tiveram aqui a oportunidade única de apresentar soluções setoriais específicas e debater questões de relevância sócio-política em escala global. E eles capitalizaram muito bem essa oportunidade. ”

Ulrich Reifenhäuser, Presidente do Conselho Consultivo de Expositores da K 2019, ficou absolutamente encantado com os resultados da K 2019: “A indústria de plásticos e borracha conseguiu provar mais uma vez que os plásticos não são apenas materiais muito valiosos com propriedades excelentes, mas também que essa indústria assume a responsabilidade ao longo de toda a cadeia de valor. As palavras-chave da K 2019 “Reflita. Repense. Pense lateralmente. Pense de forma nova” foram espelhadas 1:1 nos estandes dos expositores. Nunca antes a indústria abordou uma questão de maneira tão unânime e trabalhou em soluções com tanta consistência como é o caso agora nos campos da compatibilidade ambiental, economia de recursos e prevenção de rejeitos. Há um espírito de novos caminhos prevalecendo na indústria e a dinâmica atual é esmagadora. ”

E o clima positivo que prevaleceu na K 2019 também foi ecoado pela demanda concreta nos estandes de exposições: “Tornou-se claro que a demanda global por máquinas e matérias-primas inovadoras é particularmente alta agora, apesar das atuais tensões no comércio mundial ou do clima de negócios em alguns setores de consumo. A feira K deste ano excedeu em muito as nossas expectativas e foi capaz de gerar um ímpeto essencial para a governança sustentável e novos modelos de negócios “, disse Reifenhäuser.

Os países especialmente bem representados por visitantes, depois da Alemanha, foram a Itália, Holanda, Índia, Turquia e China, seguidos pelos EUA. Além disso, um aumento acentuado no número de visitantes comerciais da Federação Russa, Japão e Brasil puderam ser registrados. O número de executivos entre os visitantes da K subiu um pouco, mais uma vez: 68% deles vieram da alta ou média gerência.

Enquanto que para os visitantes alemães o aumento da eficiência figurou como o tema atual mais importante, a expansão dos portfólios de produtos e serviços esteve em primeiro plano para os convidados do resto da Europa e de fora da Europa.

Os resultados de pesquisa realizada entre os visitantes confirmaram a opinião dos expositores, ou seja, que a origem internacional dos visitantes aumentou novamente: ficou em 73,1% em comparação com 70,8% em 2016. Mais de 42% de todos os visitantes estrangeiros vieram de fora da Europa – viajando para o Reno desde Angola, Burkina-Faso, Bahamas, Ilhas Cayman, República Dominicana, Honduras, Madagascar, Mauritânia, Mongólia, Mianmar, Polinésia Francesa ou Tajiquistão. Como esperado, os especialistas da Ásia responderam pelo maior grupo de visitantes estrangeiros: cerca de 40.000 visitantes vieram do Sul, Leste e Centro da Ásia. A Índia foi representada com o maior número de visitantes, enquanto o número de visitantes da China e do Japão aumentou novamente de forma consideravel.

Quase 20.000 visitantes viajaram para a K 2019 desde a América do Norte e do Sul, o que corresponde a um aumento de 7%. Em relação a 2016, houve um aumento especialmente acentuado no número de visitantes do Brasil.

Em termos de convidados dos países europeus vizinhos, a Itália dominou com mais de 10.000 visitantes, seguida pela Holanda (aproximadamente 9.000), Turquia (mais de 7.500) França (mais de 6.700), Bélgica (mais de 6.300), Espanha (mais de 5.100) e Rússia (cerca de 5.000).

A proporção de executivos entre os visitantes comerciais registrados estava em um nível extraordinariamente alto entre todos os países de origem: dois terços vieram da alta e média gerência.

Para os visitantes, há atualmente quatro metas em foco dentro de suas empresas: expansão da gama de produtos, aumento da eficiência, economia circular, ou seja, a sustentabilidade de seus produtos e a sustentabilidade de sua produção. Aproximadamente 60% dos visitantes classificaram o clima econômico atual como “muito bom” e “bom” e quase o mesmo número de pessoas espera que a situação seja semelhante nos próximos dois meses.

A fabricação de máquinas e equipamentos, o maior segmento da K 2019 com 1.975 expositores, também esteve no centro do interesse dos visitantes, com dois terços de todas as pessoas pesquisadas mencionando essa área em primeiro lugar. 52% disseram que estavam interessados ​​principalmente em matérias-primas e auxiliares, enquanto que os produtos semi-acabados, plásticos técnicos e peças de borracha foram a principal razão de sua vinda à feira para 28% dos visitantes (várias opções de escolha possíveis no questionário).

Mais uma vez, a K se destacou como plataforma para o lançamento de muitos produtos e aplicações prospectivas para um público global. Essas inovações não foram apenas contempladas, mas também houve muitas negociações concretas ocorrendo e contratos concluídos. “Constatamos que a propensão a investir foi extremamente alta, ocorrendo em todas os países. Em particular, os negócios com novos clientes foram muito positivos este ano. Também estamos muito confiantes de que os negócios de “follow up” pós-feiras serão muito fortes ”, diz Reifenhäuser.

Mais da metade dos tomadores de decisão da indústria declararam que haviam chegado a Düsseldorf com intenções concretas de investimento. Para visitantes de todo o mundo, o investimento em expansões foi figurou como particularmente alto na pesquisa, especialmente em extrusoras e linhas de extrusão, máquinas de moldagem por injeção, bem como máquinas e equipamentos para recuperação e reciclagem. A pesquisa que entrevistou os visitantes da K também mostrou que o interesse em sistemas de reciclagem é notavelmente mais alto no exterior do que na Alemanha.

Materiais flexíveis – borrachas e elastômeros termoplásticos (TPE) – também provaram novamente ser um destaque na K. Embora o segmento de elastômeros seja tradicionalmente menor do que o setor de plásticos na K, houve um grande número de expositores apresentando produtos e processos de conversão específicos para elastômeros – tanto matérias-primas, aditivos ou compostos como máquinas e equipamentos especiais para recuperação e conversão.

Os visitantes vieram de todas as principais indústrias de usuários finais – desde embalagens, construção e automotiva até aplicações elétricas, tecnologias para dispositivos médicos e agricultura. No geral, os visitantes novamente atribuíram notas máximas à variedade de produtos e serviços exibidas nos 18 pavilhões: 96% ficaram impressionados com as gamas exibidas na K 2019 e 95% confirmaram que alcançaram seus objetivos integralmente ao longo de suas visitas.

O extenso programa de apoio à K 2019, com palestras e discussões de alto calibre sobre temas tais como energias renováveis, eficiência de materiais ou produção com zero desperdício, foi recebido com ávido interesse pelo público internacional, especialmente a Mostra Special K 2019 “Plastics shape the Future”. Este ano, o poder inovador do material e da indústria em termos de processos com economia de recursos, digitalização, funcionalidade, energias renováveis, circularidade e sustentabilidade estiveram no centro do palco. E temas críticos como os resíduos plásticos marinhos, a mentalidade de descarte associada às embalagens plásticas e o uso de recursos finitos para sua produção também não foram ignorados. Um dos destaques foi um robô humanóide construído durante a K 2019 por jovens pesquisadores da F

abLab Lübeck e.V., servindo como um exemplo para mostrar a direção para onde os desenvolvimentos estão indo no futuro, quando a fabricação aditiva e a robótica são combinadas com materiais de ponta, como os plásticos.

No Campus da Ciência, tanto os expositores como os visitantes do K 2019 tiveram uma visão geral condensada das atividades científicas e dos resultados no setor de plásticos e borracha. Inúmeras universidades, institutos e agências de financiamento ofereceram oportunidades para o diálogo direto.

A próxima feira K em Düsseldorf será realizada de 19 a 26 de outubro de 2022.

Curta nossa página no

Tags: , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: