Evonik apresenta aditivo para a produção de pneus durante feira Tire Technology Expo 2017, na Alemanha

evonik-vestenamer

Na feira, em Hannover, a Evonik expôs um aditivo de processo que melhora a processabilidade de compostos de borracha

Segundo a Evonik, o seu aditivo de processo Vestenamer® simplifica a mistura e produção de vários componentes de pneus. O produto também melhora a dispersão de misturas difíceis de polímeros e reduz a viscosidade do composto, enquanto mantém as propriedades dinâmicas positivas do vulcanizado inalteradas em geral ou aumenta essas propriedades ainda mais em alguns casos, afirma a empresa.

Melhor processabilidade de componentes de borracha

Os modernos pneus de alto desempenho precisam ter baixa resistência ao rolamento e excelente tração em pistas molhadas, além de alta resistência à abrasão. Isso só é possível com o uso de cargas altamente ativas como o negro de fumo e, particularmente, as sílicas precipitadas. Especialmente as misturas com altas concentrações de carga demandam processos de mistura de múltiplos estágios para garantir uma boa dispersão. Como auxiliar de dispersão, o aditivo Vestenamer® pode reduzir de modo considerável os ciclos de mistura e, ao mesmo tempo, otimizar a consistência dos lotes na produção, diz a Evonik. Em decorrência disso, a quantidade de etapas de mistura no processo pode ser reduzida e o processo projetado com mais eficiência.

Alta dureza e resistência à abrasão, além de uma deformação por compressão muito baixa são os requisitos importantes quando se trata de compostos para diversas faixas de aros. A Evonik assegura que o Vestenamer® melhora a processabilidade do composto de borracha por meio da redução da viscosidade na temperatura da mistura e, desse modo, evita o “bagging” no laminador.

O Vestenamer® é um aditivo semicristalino também denominado “Trans-Octenamer Rubber” (TOR). Como auxiliar de processamento de polímeros, ele atua como plastificante em compostos de borracha durante a mistura e o processamento. No entanto, durante a vulcanização do componente de borracha, ele é reticulado (crosslinked) juntamente com a borracha e, como elastômero, é plenamente integrado à rede do polímero. Desse modo, as propriedades da mistura se mantêm estáveis na aplicação final.

Fonte: Evonik

Curta nossa página no

Anúncios

Tags: , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: