Presidente do Sindiplast-ES faz balanço do setor de plásticos do Espírito Santo e fala das perspectivas para 2016

Sindplast-es-nevitonO presidente do Sindicato da Indústria de Material Plástico do Estado do Espírito Santo, Neviton Helmer Gasparini (foto), fez um balanço do cenário da indústria de Plásticos no Estado e falou das perspectivas do setor para 2016. Gasparini destacou o trabalho feito pelo Sindicato para fortalecer a indústria local e no apoio aos empresários em busca de alternativas para manter a competitividade frente ao cenário de instabilidade político-econômica. Confira na entrevista a seguir:

Que balanço pode ser feito do ano de 2015 para o setor de Transformados Plásticos do Espírito Santo ?

O ano de 2015 não foi fácil para o empresário do setor de Plásticos. Foi um ano que exigiu esforços extras para evitar demissões e encolhimento, especialmente devido à retração na indústria de Alimentos e Bebidas e na Construção Civil, nossos principais mercados. Muitos utilizaram suas reservas, mas elas também acabam. Por outro lado, algumas áreas do setor intensificaram seus negócios, como a indústria de soluções para armazenamento de água, que se beneficiou da crise hídrica e fechou o ano mais fortalecida.

Nesse contexto apresentado, quais foram as principais realizações do Sindiplast-ES para o fortalecimento do setor ?

É exatamente nesse contexto desafiador que o Sindicato deve intensificar suas ações. Por isso, 2015 foi um ano muito produtivo. A principal ação foi, sem dúvida, a inauguração oficial da Escola Senai do Plástico Antonio Carlos Torres, iniciativa que buscávamos há alguns anos e que se concretizou.  Além disso, o Sindiplast-ES realizou mais uma edição da Semana do Plástico ES; intensificou as visitas aos associados; inscreveu e teve quatro práticas sindicais pré-selecionadas para compor a 1ª Edição do Banco de Boas Práticas Sindicais da Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Em outras frentes, articulou e promoveu parcerias para cursos in company, missões técnicas nacionais e internacionais; reduziu a inadimplência; representou o setor em fóruns locais, nacionais e internacionais; promoveu a interiorização do Sindicato, com palestras e exposição itinerantes em municípios fora da Região da Grande Vitória, como Aracruz, Linhares, São Mateus, Colatina e Cachoeiro Itapemirim; finalizou o Plano de Trabalho e orçamento do Sindicato para 2016; entre outras ações.

Quais são as perspectivas do setor para o ano de 2016 ?

Em 2016, o setor deve manter o pé no freio e continuar buscando alternativas para sustentar a sua competitividade. Acredito que será um ano mais conservador, mas temos que nos manter otimistas e buscar opções para o crescimento mesmo que o cenário seja adverso.

O cenário é o mesmo em relação às perspectivas do setor em âmbito nacional ?

A indústria do Plástico em todo o Brasil tem a consciência de que os problemas políticos e econômicos enfrentados pelo País vão continuar afetando o setor. Mas esta é uma visão geral, que pode variar de acordo com o tipo de produção de cada empresa. Algumas vão sentir mais, outras vão sentir menos, sendo que haverá aquelas que poderão crescer dentro deste cenário. As expectativas mais otimistas para 2016 são de que o setor se mantenha estável com relação a 2015.

Que conduta deve o empresariado adotar para que 2016 seja um ano melhor ?

Os empresários devem continuar buscando alternativas dentro de suas possibilidades. Este é um momento em que o esforço empregado na busca de novos mercados deve ser maior. É hora de colocar o pé na estrada e ir atrás dos clientes em potencial. Também é importante estar disposto a ouvir e estreitar o relacionamento com clientes e parceiros; de discutir, planejar e executar estratégias para a conquista de novos mercados. Do mesmo modo, é preciso preparar-se tecnologicamente e ter como foco a excelência da qualidade dos serviços. Para esses últimos pontos, é essencial que os empresários busquem certificações para suas empresas, um significativo diferencial competitivo, e que qualifiquem suas equipes.

Quais são os projetos do Sindiplast-ES para este ano ?

Nosso ano será de continuidade às ações que já estão sendo realizadas. Trabalhamos para garantir mais oportunidades de negócios para os empresários e para fortalecer o setor dentro do Espírito Santo. Para isso, manteremos o diálogo com outros setores e empresas e articularemos com eles encontros de negócios. Assim como já tem sido feito, iremos promover cursos de aperfeiçoamento e qualificação de acordo com a demanda das indústrias e para isso intensificaremos as visitas às associadas para verificar suas necessidades. Não podemos esquecer que este também será um ano de eleições no Sindiplast-ES, portanto, um trabalho de prestação de contas vem sendo preparado para que a transição de gestão seja feita da forma mais transparente possível.

Fonte: Assesoria de Imprensa – Sindiplast (ES)

Curta nossa página no

Anúncios

Tags: , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: