Empresa norueguesa Tomra Sorting Recycling apresentou tecnologia de separação de plásticos para reciclagem durante a Feiplastic 2015

Tomra Sorting apresentou na FEIPLASTIC 2015 sua tecnologia de separação baseada em sensores para aplicações de reciclagem de Plásticos. Seu sistema multifuncional TITECH autosort 4 permite selecionar materiais de diferentes plásticos, assim como outras aplicações em fluxos de resíduos (tais como embalagens em geral, coleta seletiva, resíduos domésticos e papel entre outros)

A TOMRA Sorting Recycling participou da FEIPLASTIC Brasil 2015, que aconteceu em São Paulo nos dias 4 a 8 de maio. A tecnologia da TOMRA Sorting baseada em sensores permite identificar e separar cada componente por tipo de polímero (PET, PE, PP, PVC, PS, ABS etc), selecionando os diferentes materiais por cores, formas, tamanhos, condutividade ou propriedades espectrais.

Reciclagem de garrafas de plástico

No caso das garrafas de plástico, com os sistemas de separação da TOMRA Sorting Recycling é possível produzir uma monofração de polímero para a reciclagem, apresentado a qualidade exigida para uso alimentar, afirma a empresa

Graças a um sistema duplo de sensores que separam por cor e tipo de material, os equipamentos da TOMRA identificam partículas de apenas 2 milímetros, bem como garrafas e objetos maiores, separando muito rapidamente impurezas de outros polímeros, metais, ou de cor, etc.

O resultado do processo, segundo a empresa, é uma fração de um único material com uma pureza de 99,97%, o qual pode ser reutilizado para uso alimentar, produzindo novas garrafas e assim fechando o círculo. Afirma a TOMRA que a tecnologia padrão não pode oferecer este resultado, uma vez que não permite alcançar de forma confiável, e de uma só vez, uma pureza e um rendimento comparáveis.

A situação no Brasil: mais e melhor tecnologia para a reciclagem de plásticos

No Brasil, a criação de fábricas de recuperação e reciclagem de embalagens, assim como a mecanização das existentes, cumpre uma dupla função: evoluir na gestão sustentável dos plásticos, maximizar retornos de investimentos e melhorar as condições de trabalho.

Nas tarefas de separação de embalagens e resíduos de embalagens (plásticos em geral, filme plástico,  PEAD, PET, PVC, latas de alumínio, bricks, papel e papelão…) os separadores óticos, como o TITECH autosort 4, são de grande ajuda para os trabalhadores, que antes faziam a separação manualmente.

Afirma a TOMRA que o seus equipamentos limpam e retiram impurezas de forma limpa e precisa, deixando somente os materiais a serem recuperados. Também realizam as tarefas de separação mais difíceis, como distinguir visualmente as frações de PEAD das de PP. Além disso, com esta tecnologia é possível que as empresas e as cooperativas aumentem a produtividade e a rentabilidade de todo o processo de recuperação de materiais.

Melhor valorização dos resíduos com o TITECH autosort 4

Feiplastic_TITECH-PlantaO TITECH autosort 4 combina os sensores NIR e VIS em configurações distintas para dar resposta a diferentes aplicações, obtendo frações de pureza muito elevada de diferentes produtos. O TITECH autosort 4 pode separar desde papel e papelão (impresso, revestido ou sem tratamento) até numerosos tipos de plástico (PET/PE por cor) e outros polímeros (PE, PP,PS, PVC, PET, EPS, ABS por tipo de material), afirma a empresa. Também se aplica à limpeza de madeira, remoção de metais, separação de material orgânico/inorgânico, etc.

Seu sensor de infravermelho próximo (NIR) não requer uma fonte de luz externa, graças à tecnologia FLYING BEAM®, que permite economizar até 70% da energia ao iluminar exclusivamente a área que se está analisando. Segundo a TOMRA, isto faz dele o sistema com maior eficiência energética e menor exigência de manutenção disponível atualmente no mercado, o que permite uma redução dos custos de funcionamento. Graças à tecnologia DUOLINE® com a qual realiza uma dupla exploração, o TITECH autosort 4 é confiável e preciso, afirma a empresa. Além disso, é um sistema compacto que se caracteriza pela sua fácil instalação e integração em fábricas, seu fácil manuseio, a simplicidade de seus componentes, sua potência, confiabilidade e precisão.

A TOMRA Sorting está no Brasil desde 2011, por meio de sua filial, e conta com equipe comercial e engenheiros para as ações de instalação e manutenção de seus próprios equipamentos TITECH. A TOMRA Sorting Recycling, anteriormente TITECH, concebe e fabrica tecnologias para a separação baseada em sensores para a indústira da reciclagem e da gestão de resíduos. Conta com mais de 4400 sistemas instalados em 40 países no mundo inteiro. Responsável pelo desenvolvimento do primeiro sensor de infravermelhos próximos do mundo para aplicações no campo da reciclagem de resíduos, a TOMRA Sorting Recycling faz parte da TOMRA Sorting Solutions, que também desenvolve sistemas baseados em sensores para a separação, despela e controle de processos para a indústria alimentar e de mineração, entre outras. A TOMRA Sorting um dos fornecedores de soluções de separação baseadas em sensores mais avançados do mundo, com mais de 11 500 sistemas instalados no mundo inteiro.A TOMRA Sorting é propriedade da empresa norueguesa TOMRA Systems ASA, fundada em 1972, com um faturamento anual de cerca de 550 milhões de euros mais de 2400 funcionários.

Fonte: TOMRA Sorting Recycling; ; Vídeo: Reed Exhibitions Alcantara Machado

Curta nossa página no

Anúncios

Tags: , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: