Masterbatches da Clariant com antimicrobianos combatem odores em calçados

  • Desempenho contra odores bacterianos
  • Resiste à perda de eficiência
  • Masterbatches oferecem uma forma fácil e segura de incorporar antimicrobianos em calçados

Clariant_antimicroA Clariant, uma das empresas líderes mundiais em especialidades químicas, anunciou a disponibilidade do aditivo CESA®-antimicro em masterbatches que oferecem proteção comprovada contra as bactérias que causam odores em tênis, botas, sandálias e outros calçados com palmilhas poliméricas.

“Os calçados representam um desafio especial na prevenção do desenvolvimento de micróbios que causam odores”, explica Brett Watkins, Gerente de Produto – Clariant Additive Masterbatches. “A pressão e o atrito dos pés contra as solas e os revestimentos internos dos calçados e sandálias reduzem a eficiência da maioria dos tratamentos antimicrobianos comuns: antimicrobianos Silano amina quaternária (Si-quat). A tecnologia de íons de prata, que também é um antimicrobiano comumente usado, é eficiente apenas a altas dosagens, o que pode ser proibitivo em termos de preço para diversas aplicações em calçados”.

Os antimicrobianos Si-quat, explica Watkins, ligam-se quimicamente quando são aplicados a uma superfície e a transformam em uma barreira microbiana através da criação de “lanças” microscópicas que destroem micro-organismos, como mofo e bactérias que causam odor, quando entram em contato com a superfície. Entretanto, quando os Si-quats são usados em calçados, as “lanças” são quebradas pela pressão e atrito dos pés do usuário e podem reduzir a eficiência da prevenção contra o surgimento de micróbios. Os masterbatches com aditivo CESA®-antimicro da Clariant Masterbatches, por outro lado, baseiam-se em materiais organometálicos que são misturados ao polímero durante o processamento, fixando-os à superfície onde despolarizam as membranas dos micróbios e os desativam. O atrito com a superfície não reduz a eficiência do CESA®-antimicro.

Os masterbatches com CESA®-antimicro são mais eficientes no controle de certas bactérias causadoras de odores, como Trichophyton mentagrophytes, em comparação com produtos à base de prata. Em relação a outras bactérias causadoras de odores, como Klebsiella genus, as duas tecnologias são eficientes, mas o CESA-antimicro oferece melhor custo-benefício, segundo a Clariant. Isso porque os aditivos de íons de prata devem ser usados em concentrações muito maiores – até dez vezes mais do que o aditivo organometálico usado nos masterbatches antimicrobianos da Clariant.

Um grande fabricante de calçados realizou, ao longo de seis meses, um teste subjetivo envolvendo um grupo de avaliadores. Foram submetidos ao teste calçados tratados com Si-quat, compostos de íons de prata ou o produto CESA®-antimicro.

Segundo a Clariant, a cada quatro semanas, o grupo de analistas avaliava os odores deixados nos calçados. Eles relataram que os calçados com o produto da Clariant apresentaram menos odores do que os outros tratamentos.

Vantagens dos masterbatches com antimicrobianos

Os masterbatches são materiais peletizados que incorporam altas concentrações de um aditivo (e/ou corante), dispersos uniformemente em um material plástico, chamado de resina veículo. Durante o processamento, os pellets do masterbatch são adicionados à resina natural (não tratada) para gerar produtos acabados com as características criadas pelo aditivo, neste caso um antimicrobiano registrado. Ao contrário dos antimicrobianos Si-quat e de íons de prata, os masterbatches com CESA®-antimicro são mais fáceis de usar e seguros de armazenar do que o material antimicrobiano base, pois a Clariant já realizou a encapsulação do antimicrobiano na resina.

Mesmo se comparado a outros masterbatches que utilizam composições químicas antimicrobianas similares, o Clariant CESA®-antimicro tende a apresentar melhor desempenho, segundo a empresa, pois pode ser especificamente fabricado de acordo com os materiais e processos dos clientes. “A maioria dos masterbatches da concorrência é à base de resinas como polietileno e etileno-vinil acetato”, explica Brett Watkins. “Dependendo da aplicação, esses veículos ‘universais’ podem causar problemas para o processador e afetar o desenvolvimento de importantes propriedades de desempenho. Os veículos da Clariant são fabricados para a aplicação do cliente, visando um desempenho superior. Eles podem inclusive conter embalagens de dispersão especializadas, se necessário”.

Afirma a Clariant que os masterbatches CESA®-antimicro possuem aditivos capazes de ampliar as opções antimicrobianas para diversos produtos diferentes do plástico. Além de calçados, estão entre as aplicações típicas de masterbatches antimicrobianos as fibras e têxteis usados em roupas atléticas, mobiliários domésticos, utensílios de cozinha, produtos para o banho, volantes automotivos, peças internas e uma grande variedade de outras aplicações plásticas que requerem um alto nível de proteção antimicrobiana. A Clariant tem uma colaboração de longa data com a Sanitized AG, uma empresa suíça que oferece aditivos antimicrobianos para uma variedade de usos.

Fonte: Clariant

Curta nossa página no

Anúncios

Tags: , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: