Empresa catarinense produz copo compostável a partir de Ácido Polilático

Minaplast começa a distribuir em março produto que se decompõe em 90 dias

Minasplast_coposA empresa catarinense Minaplast começa a inserir no mercado de descartáveis plásticos o primeiro copo descartável compostável de fabricação brasileira. O produto, chamado de Green by Minaplast, usa como matéria-prima o ácido polilático (PLA), fabricado a partir de plantas como o milho e que, em usina, se decompõe totalmente em um prazo de 90 a 120 dias.

Só no primeiro semestre deste ano serão produzidos 10 milhões de copos com capacidade para 200ml e 300ml.  A distribuição do produto será gradativa, iniciando em março pelas grandes redes varejistas do sudeste do Brasil. A matéria-prima empregada no Green é da marca Ingeo, importada dos Estados Unidos e com todas as certificações internacionais de compostabilidade exigidas também pela Europa e Japão, e que não utiliza petróleo em sua composição. Como o ácido polilático não tem resistência ao calor os copos compostáveis só poderão ser utilizados para servir bebidas frias ou geladas.

O diretor da empresa, Hemerson De Villa, acredita que mesmo dependendo de matéria-prima com custo até 40% maior que a necessária para a produção de copos descartáveis comuns, o produto é viável e representará uma nova fase para a Minaplast, com foco na inovação. “Quando iniciamos os testes em 2008 esta mesma matéria-prima custava o dobro do valor da matéria-prima tradicional”, compara. “Em 2012 retomamos os testes e fizemos as adaptações necessárias nos equipamentos para a produção do Green. O processo levou um ano e meio e como não há no Brasil uma máquina específica para a produção deste tipo de copo, um dos diferenciais competitivos está justamente no know how da Minaplast, que começou sua trajetória como fabricante de máquinas e até hoje mantém dentro da empresa conhecimento técnico para implantar inovações em seu parque fabril sem precisar de investimentos mais impactantes”, explica De Villa.

A discussão cada vez mais frequente em torno da sustentabilidade, de acordo com o diretor, reforça a necessidade de apostar no produto compostável. “O Green é uma alternativa para atender esta demanda por produtos mais sustentáveis. É uma mudança gradual de comportamento e a Minaplast saiu na frente ao contemplar este público que não quer abrir mão da praticidade dos descartáveis, mas se preocupa com sua participação na preservação do planeta”, declara o diretor.

Mais sobre a Minaplast – Fundada em 1977 em Urussanga, sul de Santa Catarina, a Minaplast está entre as primeiras indústrias de descartáveis instaladas no Brasil e é referência no setor na produção de copos, pratos, potes e tampas descartáveis. Com distribuição em todos os estados brasileiros com as marcas Minaplast e Brasileirinho, tem produção anual de 8 mil toneladas de poliestireno transformado. A empresa registrou em 2013 faturamento de R$ 73 milhões.

Curta nossa página no

Anúncios

Tags: , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: