Basf lança novo grade de plástico biodegradável para filmes agrícolas.

Com a introdução do Ecovio F Mulch ®, a BASF está expandindo a sua linha de compostos de plástico biodegradáveis através de um grade para uso na fabricação de filmes agrícolas. Em contraste com filmes agrícolas feitos a partir de polietileno convencional (PE), o filme feito a partir de Ecovio F Mulch é biodegradável. Não é mais necessário que os agricultores removam o filme do solo para descarte ou reciclagem após a colheita. Eles podem simplesmente ará-lo e incorporá-lo ao solo juntamente com o que restar das plantas. Isso economiza tempo e reduz custos. A produção do filme é também econômica, uma vez que ele pode ser fabricado com uma espessura menor do que a do filme de Polietileno convencional, sem qualquer perda no desempenho. Além disso, o Ecovio F Mulch pode ser processado em máquinas convencionais de extrusão de Polietileno sem uma modificação significativa, de modo que o transformador de plásticos pode converter seus equipamentos de forma rápida e sem grande esforço. O material já está disponível em quantidades comerciais em todo o mundo.

 Uma blenda para produzir filmes diretamente

 A BASF já vem oferecendo um outro grade, o Ecoflex ® F Mulch, há vários anos. Este grade é um poliéster biodegradável que os componedores de resinas misturam com outros componentes para produzir formulações individuais de filmes agrícolas para seus clientes. “Com o Ecovio F Mulch, a empresa agora dá um passo adiante para melhor atender às exigências dos agricultores e produtores de filmes”, explica Jürgen Keck, chefe global de negócios da BASF em bioplásticos. O novo material é uma blenda de Ecoflex e ácido poliláctico, a qual já está otimizada para aplicações agrícolas – a etapa de compostagem já não é necessária. Além disso, o filme feito a partir de Ecovio F Mulch já pode ser utilizado com uma espessura de 10 micrômetros, sem sofrer rasgos e perfurações quando colocados no campo através de máquinas. O Filme de Polietileno convencional é geralmente pelo menos duas vezes mais espesso.

Este novo grade de plástico é adequado para a produção de filmes negros e transparentes e também para filmes coloridos. Além disso, está disponível em formulações específicas para diferentes tempos de vegetação e climas.

Filmes agrícolas sob teste

Para testar o desempenho de sua resina, a BASF conduziu investigações comparativas em reconhecidos institutos agrícolas  na Espanha e França. Estes testes compreenderam o cultivo de diferentes culturas, em locais diferentes e em diferentes situações tais como: sem o uso de cobertura com filme plástico, com filme de PE convencional, bem como com o filme Ecovio F Mulch. Os institutos pesquisaram o crescimento das plantas e a produção, além da resistência do filme ao rasgo. Enquanto que, para este propósito, melão e alface foram plantados na França, os institutos na Espanha plantaram tomates e pimentões. Todos os testes demonstraram que o crescimento e a produção não dependem do tipo de filme plástico. Comparado com o cultivo sem filme, o uso de filme sempre aumentou a produção entre 10 a 20 por cento. Além disso, o filme Ecovio F Mulch se degrada no solo depois de ter sido incorporado no solo pela aragem.

Os filmes agrícolas (tipo Mulch) são utilizados mundialmente para a obtenção de colheita antecipada e prevenção de ervas daninhas, uma vez que eles aceleram o crescimento da plantação e retém água no solo. Na Europa, o foco está no filme “mulch” preto: Graças à sua capacidade para absorver radiação visível, eles ajudam a prevenir o crescimento de ervas daninhas.

Fonte: BASF

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: