Posts Tagged ‘Estabilizantes’

Songwon apresenta aditivos para polímeros na Feiplastic 2013

15/05/2013

SongwonA Songwon (www.songwon.com),  segundo maior fabricante mundial de estabilizantes para polímeros, participará na Feiplastic de 2013 em São Paulo, Brasil (20-24 de maio) – Estande G91.  A Songwon estará presente na feira em parceria com a NEXO International, sua distribuidora para a América Latina (http://nexointernational.com.br/nexo/). Através desta parceria a Songwon promove a melhoria contínua do nível de serviço e segurança do estoque para seus clientes.

Na qualidade de líder da indústria no mercado latino-americano de estabilizantes para polímeros, a Songwon está empenhada em tornar-se o fornecedor preferencial, oferecendo melhor qualidade, melhor serviço e melhor valor, além de maior inovação na sua vasta gama de produtos.

A Songwon apresentará uma linha de produtos HALS (Hindered Amine Light Stabilizers) oriunda de sua aliança com a Sabo SpA, sediada em Levate, Itália, que satisfaz a procura dos clientes por pacotes inovadores de estabilização à luz com alto desempenho, capazes de resolver os desafios em aplicações de polímero sensíveis aos raios UV.

Será apresentada também a linha Songnox® One Pack System (OPS). Os produtos Songnox® OPS combinam uma gama de aditivos em um grão livre de pó, com benefícios significativos para os produtores e transformadores de materiais termoplásticos – e agora podem ser fornecidas a partir da unidade recentemente inaugurada em Houston, USA, estrategicamente situada para satisfazer a demanda do mercado latino-americano com uma capacidade anual 7.000 toneladas/ano. Em 2014, ampliará a capcidade de produção de OPS com uma nova unidade em Kizad, Abu Dhabi. Ambas as unidades possuem processos de produção idênticos e fornecerão produtos de alta qualidade, semelhantes à da unidade original da Songwon em Greiz, Alemanha, que tem uma capacidade de 14.000 toneladas/ano. Com estes investimentos, a Songwon se tornará o principal produtor mundial de OPS.

Dieter Morath, Vice-Presidente Executivo de Vendas da Songwon e Membro do Comitê Executivo do Songwon Industrial Group, afirmou: “A região latino-americana tornou-se um mercado essencial para o negócio global de plásticos, gerando crescimento significativo. A Feiplastic é uma oportunidade importante para a Songwon apresentar sua capacidade global, com base em processos de produção totalmente integrados, e assegurar a nossa disposição de sermos o fornecedor preferencial de estabilizantes para polímero. Estamos ansiosos por dar as boas-vindas aos clientes, juntamente com nossa parceira NEXO, que é a maior e mais experiente distribuidora destes aditivos, com modernas instalações de armazenamento e logística para a região.”

Francisco Neves da Rocha, Diretor da Nexo International, continuou: “O vasto portfólio de produtos da Songwon já está disponível em grandes quantidades através de um número cada vez maior de unidades de produção em nível mundial. Na NEXO concentramo-nos na manutenção de estoques em locais chave na região, e em conjunto nós podemos oferecer os níveis mais elevados de assistência e confiabilidade.”

Fonte: Songwon

Curta nossa página no

Novo estabilizante da BASF prolonga a vida útil dos filmes agrícolas – Proteção à luz para estufas

16/11/2010

Ø     BASF lançou estabilizante à luz para filmes agrícolas na Feira K, na Alemanha

Ø     Tinuvin® XT 200 oferece proteção aos filmes de resinas termoplásticas expostos à luz UV, assegurando estabilização aos filmes durante longo período

Ø     Aditivo contribui para soluções ambientais, aprimorando uso da água e uso racional de defensivos agrícolas

Segundo as estimativas das Nações Unidas, até o ano de 2050 o planeta Terra terá uma população de mais de nove bilhões de pessoas. Por outro lado, a quantidade de terras cultiváveis para alimentar todas essas pessoas não crescerá na mesma proporção.

As estufas agrícolas com filme plástico de cobertura representam uma maneira para solucionar esse problema. Com o cultivo em estufas, a produção por hectare pode ser elevada consideravelmente. A BASF, após seis anos de desenvolvimento, lançou durante a Feira K, na Alemanha, um novo estabilizante à luz, que ajudará a melhorar os filmes e torná-los ainda mais eficazes.

Chamado Tinuvin® XT 200, o aditivo oferece proteção aos filmes de resinas termoplásticas contra a degradação extremamente rápida que acontece quando o plástico é exposto à luz UV. Este novo aditivo assegura a estabilização dos filmes mesmo durante um longo período na presença de altas concentrações de defensivos agrícolas como, por exemplo, o enxofre.

Um mercado importante – em vários aspectos

Em conseqüência do crescimento urbano, mas também em razão da erosão do solo e das mudanças climáticas, a quantidade de terras cultiváveis está diminuindo. O desafio está em como aumentar a produtividade agrícola e ao mesmo tempo manter os produtos agrícolas acessíveis.

As estufas que podem ser construídas com um custo bastante baixo por meio do uso de filme plástico são uma possível saída para este dilema. Elas proporcionam um ambiente ideal para os cultivos, protegendo dos efeitos causados pela geada, vento e chuva, assegurando uma qualidade uniformemente alta e contribuindo para uma colheita mais rápida dos frutos.

Neste sentido, inúmeros cultivos podem ser feitos em um ano. Além disso, o filme plástico moderno pode ser desenvolvido especificamente para atender às necessidades únicas de luz e temperatura de muitas culturas conduzidas no campo. Ao mesmo tempo, os filmes plásticos contribuem para o melhor uso da água – um recurso que merece um cuidado ainda maior nos próximos anos.

Os benefícios da produção de estufas são tão convincentes que hortaliças como tomates, pimentões, pepinos e berinjelas já são cultivados em grande escala sob estufas com filmes plásticos. Em 2009, foram produzidas cerca de 900.000 toneladas de filme plástico mundialmente, cobrindo aproximadamente 800.000 hectares de terras aráveis. Isto corresponde aproximadamente à área total ocupada pelas cidades de Tóquio, Cidade do México, Madri, Johanesburgo, Roma, Moscou e Berlim juntas.

Ao mesmo tempo, a demanda por filmes agrícolas para uso em estufas deve crescer a uma taxa anual de aproximadamente quatro por cento. Os mercados mais importantes estão localizados na região do Mediterrâneo. Outras áreas em franco crescimento para estufas ao redor do globo estão na Ásia, América do Sul e África Oriental.

Agricultura tem necessidades especiais

A agricultura intensiva também inclui o uso racional de defensivos agrícolas para evitar que os cultivos sejam afetados por pragas ou doenças. As soluções ambientalmente corretas também estão conquistando espaço nessa frente.

O uso de enxofre, por exemplo, aprovado em alguns países para uso em cultivos orgânicos ou certificados, está registrando um crescimento digno de nota. Por outro lado, o uso de enxofre elementar e de outros defensivos agrícolas gera características especiais em relação aos filmes usados nas estufas.

A razão para isso recai sobre a sensibilidade dos filmes termoplásticos frente a agentes de degradação tais como a luz UV e metais ou elementos químicos presentes nos defensivos agrícolas. A radiação UV, rica em energia, faz com que os plásticos se tornem quebradiços ao longo do tempo por meio de um mecanismo químico de degradação complexo, composto de várias etapas. Os filmes de menor espessura podem tornar-se inúteis após poucas semanas de exposição a céu aberto em consequência desse impacto.

A química dos polímeros naturalmente já desenvolveu aditivos convencionais capazes de retardar a reação da degradação. Entretanto, a utilização em filmes agrícolas é bastante limitada, pois a sua eficácia é reduzida consideravelmente pelo enxofre e outros agentes catalisadores de degradação provenientes de defensivos agrícolas e da própria estrutura metálica das estufas.

Produtos especiais resistem a químicos agrícolas

No portfólio BASF existem diversas alternativas de aditivos para o setor agrícola. Os estabilizadores de luz recomendados dependem da severidade da exposição dos filmes aos defensivos agrícolas. Dentro desse portfólio existem o Tinuvin® NOR 371 (alta performance), o Tinuvin® 494 AR, o Tinuvin® 111 e a linha Chimassorb® (2020 e 944). O novo Tinuvin® XT 200 vem a complementar a linha de aditivos agrícolas para um mercado de média performance e altamente competitivo.

Produção econômica assegurada

Através do uso do produto Tinuvin® XT 200 é possível produzir de maneira bastante econômica os filmes de PEBD (polietileno de baixa densidade) que resistem aos níveis acentuados dos químicos agrícolas, assegurando uma vida útil de dois ou mais anos sob luz solar intensa e em contato com as estruturas de madeira ou metal das estufas agrícolas. Sem um estabilizante à luz, elas não sobreviveriam nem mesmo durante um ciclo de produção agrícola.

As características técnicas do novo aditivo foram confirmadas por um extenso processo de testes conduzidos pela Ciba (empresa adquirida pela BASF em abril de 2009) ao longo de vários anos. Os testes envolveram ensaios laboratoriais e de campo no centro de desenvolvimentos da BASF em Bolonha, Itália, dedicado ao desenvolvimento de aditivos para aplicação agrícola.

Após ensaios laboratoriais e de campo em nosso centro, o aditivo também foi colocado à prova em estufas comerciais, em ensaios de campo conduzidos na Itália, Espanha e Argentina. Agora, esse novo aditivo tem a oportunidade de crescer acompanhando o mesmo dinamismo do mercado de plasticultura.

Fonte: BASF

Inbra lança estabilizantes térmicos sustentáveis que substituem compostos tóxicos

25/06/2010

A Inbra Indústrias Químicas lança na Interplast 2010 a linha Plastabil® de novos estabilizantes térmicos sólidos e líquidos a base de cálcio e zinco, destinados a formulações de compostos de PVC, usados na produção de tubos e conexões, forros e perfis, fios e cabos, mangueiras, calçados, brinquedos, laminados, filmes, entre outros. “Os lançamentos foram desenvolvidos para substituir os compostos tóxicos à base de metais pesados, atendendo a tendência do mercado de adotar produtos sustentáveis nos processos produtivos”, explica Teodoro Canossa Filho, gerente comercial da Inbra.

Além dos lançamentos, a Inbra dispõe de estabilizantes líquidos de Bário/Cadmo/Zinco e líquidos de Bário/Zinco, aceleradores da decomposição da azodicarbonamida kickers utilizados em misturas plastisóis e fosfitos orgânicos utilizados para prolongar a estabilidade térmica do polímero durante o processamento, contra efeitos de aplicabilidade e intempéries e como estabilizantes em polimerizações nas indústrias produtoras de plástico bruto.

Sobre a Inbra
Fundada em 1939, a Inbra Indústrias Químicas dispõe de produtos para o mercado de PVC e outras resinas plásticas, desde a década de 60. A linha de produtos abrange estabilizantes térmicos para PVC, óleos epoxidado de soja, estearatos metálicos, fosfitos orgânicos, alvejante ótico, kickers e agentes esponjantes (azodicarbonamida). A Inbra atua no mercado interno e externo e investe na qualidade dos produtos o que lhe garantiu a certificação ISO 9001. Além disso, oferece aos clientes assistência técnica para o desenvolvimento de produtos e formulações.

Fonte: MesseBrasil

Baerlocher lança produtos em Ca/Zn para diferentes aplicações em PVC

17/06/2010
Os novos produtos da Baerlocher em Ca/Zn lançados na Interplast 2010, destinam-se para os diferentes mercados de PVC rígido e flexível e atendem diversificadas aplicações. Os lançamentos foram desenvolvidos para atender ampla variedade de características técnicas requeridas pelos clientes como atribuir transparência a peças espessas, e disponibilizar exigentes propriedades de impacto e resistência e estabilização térmica e fotoquímica.

Além dos lançamentos, a Baerlocher expõe na feira sua tradicional linha de estabilizantes, lubrificantes e outros aditivos para PVC, produtos a base de metais Ca/Zn praticamente em todas as aplicações existentes no mercado de PVC (tubos, conexões, forros, perfis, fios e cabos, calçados, laminados flexíveis etc.) e estearatos metálicos (Ca/Zn/Mg/Na) para aplicações de plásticos em geral, tintas, masterbaches etc.

Sobre a Baerlocher
O grupo Baerlocher é um dos líderes mundiais em fornecimento de aditivos para a indústria de plástico, com forte foco em PVC. Utiliza tecnologia de ponta e possui amplo conhecimento de mercado com mais de 180 anos de história internacional e 37 no Brasil. A Baerlocher destaca-se como um dos maiores fabricantes de estabilizantes, aditivos e lubrificantes para PVC, presente nos mercados de tubos e conexões, perfis para portas e janelas, forros, fios e cabos elétricos, acessórios para indústria automobilística, calçados, brinquedos, artigos domésticos, de construção, tintas, revestimentos, embalagens em geral etc.

Fonte:  MesseBrasil


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.297 outros seguidores